Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/23969
Document type: Trabalho de Conclusão de Curso
Access type: Acesso Aberto
Title: Comparação entre a escala AIMS e o teste de Denver para identificação de atrasos no desenvolvimento Neuropsicomotor de prematuros.
Author: Resende, Andressa Sabrina de Oliviera
Moreira, Jéssica Souza Faria
First Advisor: Dionísio, Jadiane
First member of the Committee: Kishi, Marcos Seizo
Second member of the Committee: Lange, Cristiane
Summary: Introdução: Os lactentes prematuros apresentam grande risco de desenvolverem atrasos neuropsicomotores. As escalas AIMS e Denver, comparadas neste estudo, permitem identificar esses atrasos. Objetivo: Avaliar qual escala é mais eficaz na detecção de atraso no desenvolvimento neuropsicomotor de lactentes prematuros. Metodologia: O estudo tem uma amostra de cinco lactentes de ambos os sexos baseados nos critérios de inclusão e exclusão, e foi feito em lactentes prematuros de idade entre três e doze meses durante o período de até 10 meses de atendimento. A intervenção aplicada foi dada por meio da análise das escalas AIMS e Denver. Resultados: Os resultados da escala AIMS, apresentado em porcentagem, mostraram: Lactente A 6,8% antes da terapia e 15,5% após a terapia; Lactente B 10,3% antes da terapia e 62,0% após a terapia; Lactente C 13,8% antes da terapia e 86,2% após a terapia; Lactente D 10,3% antes da terapia e 70,7% após a terapia; Lactente E 27,6% antes da terapia e 100% após a terapia. Já com a Denver II, os resultados da idade cronológica apresentaram melhora no item motor grosso apenas do lactente B, no item linguagem apenas do E e no item pessoal – social dos lactentes A, C e E. O lactente D não apresentou evolução em nenhuma área após o tratamento. Conclusão: Diante deste estudo, a AIMS se mostrou mais eficaz para detectar atrasos e acompanhar o desenvolvimento neuropsicomotor do prematuro. Porém, são necessários mais estudos com a finalidade de identificar o instrumento de avaliação mais eficaz para ser aplicado na população brasileira infantil e tornar a intervenção fisioterapêutica mais eficaz.
Abstract: Introduction: Premature infants present a high risk of developing neuropsychomotor delays. The AIMS and Denver scales, compared in this study, identify these delays. Objective: To evaluate which scale is most effective in detecting delay in the neuropsychomotor development of preterm infants. Methodology: The study has a sample of five infants of both sexes based on the inclusion and exclusion criteria, and was done in preterm infants aged between three and twelve months during the period of up to 10 months of care. The applied intervention was given through the analysis of the AIMS and Denver scales. Results: The results of the AIMS scale, presented as a percentage, showed: Infant 6.8% before therapy and 15.5% after therapy; Infant B 10.3% before therapy and 62.0% after therapy; Infant C 13.8% before therapy and 86.2% after therapy; Infant D 10.3% before therapy and 70.7% after therapy; Infant and 27.6% before therapy and 100% after therapy. With Denver II, the results of chronological age showed improvement in the gross motor item only of infants B, in the language only item of E, and in the personal - social item of infants A, C and E. Infant D did not present any evolution area after treatment. Conclusion: In this study, AIMS was more effective in detecting delays and in monitoring the neuropsychomotor development of prematurity. However, more studies are needed to identify the most effective evaluation instrument to be applied to the Brazilian child population and to make physiotherapeutic intervention more effective.
Keywords: Prematuridade
Escalas
Avaliação
Desenvolvimento Motor Infantil
Area (s) of CNPq: CNPQ::CIENCIAS DA SAUDE::FISIOTERAPIA E TERAPIA OCUPACIONAL
Language: por
Country: Brasil
Publisher: Universidade Federal de Uberlândia
Quote: RESENDE, Andressa Sabrina de Oliveira; MOREIRA, Jéssica Souza Faria. Comparação entre a escala AIMS e o teste de Denver para identificação de atrasos no desenvolvimento Neuropsicomotor de prematuros. 2017. 18 f. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Fisioterapia) – Universidade Federal de Uberlândia, Uberlândia, 2017.
URI: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/23969
Date of defense: 1-Dec-2017
Appears in Collections:TCC - Fisioterapia

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
ComparacaoEntreEscala.pdf856.02 kBAdobe PDFThumbnail
View/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.