Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/21426
Full metadata record
DC FieldValueLanguage
dc.creatorOliveira, Kaique-
dc.date.accessioned2018-05-22T19:22:01Z-
dc.date.available2018-05-22T19:22:01Z-
dc.date.issued2017-12-14-
dc.identifier.citationOLIVEIRA, Kaique. Mapeamento das áreas de risco à inundação no município de Rio Grande da Serra - SP. 2017. 47 f. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Engenharia de Agrimensura e Cartográfica) - Universidade Federal de Uberlândia, Monte Carmelo, 2017.pt_BR
dc.identifier.urihttps://repositorio.ufu.br/handle/123456789/21426-
dc.languageporpt_BR
dc.publisherUniversidade Federal de Uberlândiapt_BR
dc.rightsAcesso Abertopt_BR
dc.subjectDesastres naturaispt_BR
dc.subjectInundaçãopt_BR
dc.subjectMapa de riscopt_BR
dc.titleMapeamento das áreas de risco à inundação no município de Rio Grande da Serra - SPpt_BR
dc.typeTrabalho de Conclusão de Cursopt_BR
dc.contributor.advisor1Silva, Mirna Karla Amorim-
dc.contributor.advisor1Latteshttp://buscatextual.cnpq.br/buscatextual/visualizacv.do?id=K4710509Z2pt_BR
dc.contributor.referee1Ribeiro, Luziane Santos-
dc.contributor.referee2Gallis, Rodrigo Bezerra de Araújo-
dc.creator.Latteshttp://buscatextual.cnpq.br/buscatextual/visualizacv.do?id=K8559334J8pt_BR
dc.description.degreenameTrabalho de Conclusão de Curso (Graduação)pt_BR
dc.description.resumoOs desastres naturais são ocasionados por processos físicos que fazem parte da dinâmica natural do planeta, os quais podem ser: movimentos de massa, erupções vulcânicas, vendavais, alagamentos e inundações. Sendo as inundações o desastre mais recorrente nos municípios brasileiros e o que acarreta em grandes danos sociais, ambientais e econômicos, desse modo consiste o objetivo desta pesquisa, mensurar e identificar as variáveis relevantes para elaboração do Mapa de risco a inundação no Município de Rio Grande Serra – SP (MRGS). Existem diversas variáveis que influenciam a ocorrência de inundações, das quais pode-se destacar: precipitação, declividade, hipsometria, relevo, pedologia e solos. Com o geoprocessamento tornou-se possível a realização dos mapeamentos das variáveis mencionadas, bem como a elaboração do mapa final das áreas suscetíveis a inundação. Já as ferramentas do sistema de informação geográfico são extremamente relevantes para estudos desta temática, pois possibilitam a manipulação de uma grande quantidade de informações de maneira rápida e eficaz. Como produto final, foi gerado o mapa de risco a inundação do MRGS, onde foram zoneadas as áreas suscetíveis a ocorrência de tal evento, evidenciando seu grau de risco em níveis: baixo, médio e elevado. Os resultados alcançados mostram que o município possui um risco baixo a ocorrência de inundações, seguindo os critérios adotados, cobrindo 35,78% de toda sua extensão, 32,65% da área com risco médio e 31,57% corresponde ao elevado risco a inundação. Através das informações alcançadas os mapas de risco à inundação são documentos essenciais ao planejamento urbano\territorial e ao poder público pois, através deles, medidas mitigadoras podem ser planejadas e desenvolvidas para que tais eventos não tragam ônus à população, à economia e ao meio ambiente.pt_BR
dc.publisher.countryBrasilpt_BR
dc.publisher.courseEngenharia de Agrimensura e Cartográficapt_BR
dc.sizeorduration47pt_BR
dc.subject.cnpqCNPQ::CIENCIAS EXATAS E DA TERRA::GEOCIENCIASpt_BR
Appears in Collections:TCC - Engenharia de Agrimensura e Cartográfica (Monte Carmelo)

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
MapeamentoAreasRisco.pdfTCC2.94 MBAdobe PDFThumbnail
View/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.