Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/21270
Document type: Dissertação
Access type: Acesso Aberto
Title: Organizational misbehavior: explorando experiências em instituições públicas de ensino superior do triângulo mineiro e sul goiano
Alternate title (s): Organizational misbehavior: exploring experiences in public institutions of higher education of the triangle mineiro and south goiano
Author: Costa, Renistenes Eunice da
First Advisor: Medeiros, Cíntia Rodrigues de Oliveira
First member of the Committee: Freire, Denilson Aparecida Leite
Second member of the Committee: Paiva, Kely César Martins de
Summary: Esta dissertação tem como objetivo geral interpretar as experiências de organizational misbehavior em instituições públicas de ensino superior situadas no Triângulo Mineiro e no Sul Goiano. O organizational misbehavior faz parte dos estudos de dark side, dentro do campo de Comportamento Organizacional. São vários os conceitos utilizados na literatura para definir o organizational misbehavior. Esses vários conceitos se confundem mediante a tantas definições, desta forma, adotamos utilizar a definição mais completa que é proposta por Vardi e Wiener (1996, p.151) como “qualquer ação intencional dos membros das organizações que viola (a) normas organizacionais e expectativas”, e ou qualquer ação intencional que viola” (b) valores padrões e costumes sociais com uma conduta inadequada”. Trabalhamos também com o conceito de resistência organizacional que entendemos ser uma estratégia para as manifestações de mau comportamento em meio as relações de poder. Para alcance dos objetivos propostos, escolhemos para o campo de pesquisa as instituições públicas de ensino superior do Triângulo Mineiro e Sul Goiano. Realizamos entrevistas individuais, semiestruturadas, com aplicação da técnica projetiva, utilizando imagens que retratem cenas de mau comportamento organizacional. Utilizamos a análise crítica do discurso aplicando o modelo tridimensional de Fairclough (2001). A partir das análises, encontramos vários tipos de mau comportamento como: Agressão física, Perseguição, Discriminação, Assédio Moral, e Corrupção e também identificamos várias estratégias de resistência como a resistência cotidiana, o silêncio, o uso da opinião em redes sociais e até mesmo outras manifestações de mau comportamento como forma de retaliação. Assim, por meio da análise crítica do discurso, revelamos duas relações de poder expressas: as tensões entre grupos ocupacionais e as tensões ideológicas. Concluímos que por meio dessas relações de poder expressas é que emergem as várias manifestações de mau comportamento organizacional e também as diversas estratégias de resistências que podem até ser outras formas de manifestação de mau comportamento organizacional.
Abstract: This dissertation has to interpret the experiences of organizational misbehavior in public institutions of higher education located in the Triangle Mineiro and in the South Goiano. Organizational misbehavior is part of the dark side studies within the field of Organizational Behavior. There are several concepts that appear in the literature to define organizational misbehavior. These various concepts are confounded by so many definitions, so we use the more complete definition that is proposed by Vardi and Wiener (1996, p. 151) as "any intentional action by members of organizations that violates (a) organizational norms and expectations, "and or any intentional action that violates" (b) standard values and social mores with improper conduct. " We also work with the concept of organizational resistance that we consider to be a strategy for manifestations of bad behavior amid power relations. To reach the proposed objectives, we chose the public institutions of higher education in the Triângulo Mineiro and South Goiano for the field of research. We conducted individual interviews, semi-structured, using the projective technique, using images that portray scenes of poor organizational behavior. A critical discourse analysis was performed using the three-dimensional model of Fairclough (2001). From the analysis, we find several types of misbehavior such as: Physical aggression, Persecution, Discrimination, Moral Harassment, and Corruption and we also identified several resistance strategies such as daily resistance, silence, use of opinion in social networks and even manifestations of bad behavior as a form of retaliation. Thus through the critical analysis of discourse we reveal two relations of power expressed: the tensions between occupational groups and ideological tensions. We conclude that through these relations of power expressed is the emergence of various manifestations of organizational misbehavior and also the various strategies of resistance that may even be other forms of manifestation of organizational misbehavior.
Keywords: Administração
Sociologia organizacional
Comportamento organizacional
Universidades e faculdades
Administration
Organizational behavior
Organizational sociology
Universities and Colleges
Mau comportamento organizacional
Resistência
Instituições de ensino superior públicas
Organizational misbehavior
Resistance
Public Higher Education Institutions
Area (s) of CNPq: CNPQ::CIENCIAS SOCIAIS APLICADAS::ADMINISTRACAO
Language: por
Country: Brasil
Publisher: Universidade Federal de Uberlândia
Program: Programa de Pós-graduação em Administração
Quote: COSTA, Renistenes Eunice da. Organizational Misbehavior: explorando experiências em instituições públicas de ensino superior do Triângulo Mineiro e Sul Goiano. 2018. 142 f. Dissertação (Mestrado em Administração) - Universidade Federal de Uberlândia, Uberlândia, 2018.
Document identifier: http://dx.doi.org/10.14393/ufu.di.2018.518
URI: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/21270
Date of defense: 28-Mar-2018
Appears in Collections:DISSERTAÇÃO - Administração

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
OrganizationalMisbehaviorExplorando.pdfDissertação3.9 MBAdobe PDFThumbnail
View/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.