Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/20622
Document type: Trabalho de Conclusão de Curso
Access type: Acesso Aberto
Title: Determinantes do endividamento das empresas familiares listadas na BM&FBOVESPA: uma análise por meio de indicadores do fluxo de caixa
Alternate title (s): Determinants of the indebtedness of the family companies listed in BM&FBOVESPA: an analysis through of cash flows indicators
Author: Silva, Danilo da Cunha
First Advisor: Botinha, Reiner Alves
Summary: Atualmente a maior dificuldade das empresas é saber se realmente esta ocorrendo lucro no seu estabelecimento, e se não, o que esta prejudicando-a. Isso ocorre principalmente em organizações familiares. Devido a este fator apresente pesquisa buscou investigar os determinantes do endividamento das empresas familiares por meio da análise dos indicadores de fluxos de caixa. Como parte dos esforços para alcançar o objetivo, analisaram-se 285 empresas, sendo 139 classificadas como familiares e 146 não familiares, e foi aplicado o teste de regressão múltipla dos dados para a análise dos resultados. Como resultados verificou-se que as empresas não familiares apresentaram uma maior média de grau de endividamento. No entanto, por meio do modelo econométrico, verificou-se que o fato de a empresa ser considerada uma empresa familiar, não ocorre maior ou menor captação de recursos por meio de investimentos próprios ou de terceiros, ou seja, não influencia a estrutura de capital da empresa. Verificou-se também que as empresas do setor de petróleo, gás e combustíveis são aquelas que possuem maior grau de endividamento, e por outro lado as empresas com menor proporção de endividamento são as empresas do setor de saúde. De forma geral, observou-se que os índices da demonstração do fluxo de caixa são capazes de auxiliar na explicação das diferenças nos graus de endividamento das empresas, sendo que, para a amostra da presente pesquisa, a cada aumento na cobertura de dívidas com caixa, reduz-se o grau de endividamento da empresa, ou seja, a gestão do caixa interfere nas decisões de endividamento.
Abstract: Nowadays the biggest difficulty of the companies is to know if this profit is actually occurring in their establishment, and if not what is harming it. This occurs mainly in family organizations. Due to this a present research, sought to investigate the determinants of the indebtedness of the family companies through the analysis of the indicators of cash flows. As part of the efforts to achieve the objective, we analyzed 285 companies, 139 of which were classified as family firms and 146 were non-family firms, and the multiple regression of the data was applied for an analysis of the results. As results, it was verified that, as non-family firms, they had the highest degree of indebtedness. However, through the econometric model, it was verified that the fact that the company is considered a family firms, does not occur more or less fund raising own or debt capital, that is, it does not influence the capital structure from the company. It was also verified how companies in the oil, gas and fuel sector are those that have a higher degree of indebtedness, on the other hand, as companies of smaller size. In general, it was verified that the DFC indexes are able to aid in explaining the difference in the degrees of finance of the companies, and for a sample of the present research, it was shown to each increase in the coverage of purchases with cash, the level of indebtedness of the company has been reduced, that is, cash management interferes with indebtedness decisions.
Keywords: Empresas Familiares
Endividamento
Demonstração dos Fluxos de Caixa
Regressão Linear Múltipla
Family firms
Indebtedness
Statement of Cash Flows
Multiple Linear Regression.
Area (s) of CNPq: CNPQ::CIENCIAS SOCIAIS APLICADAS::ADMINISTRACAO::CIENCIAS CONTABEIS
Language: por
Country: Brasil
Publisher: Universidade Federal de Uberlândia
Quote: SILVA, Danilo da Cunha. Determinantes do endividamento das empresas familiares listadas na BM&FBOVESPA: uma análise por meio de indicadores do fluxo de caixa. 2017. 26 f. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Ciências Contábeis) - Universidade Federal de Uberlândia, Uberlândia, 2017.
URI: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/20622
Date of defense: 6-Dec-2017
Appears in Collections:TCC - Ciências Contábeis

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
DeterminantesEndividamentoEmpresas.pdfTCC947.27 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.