Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/20333
Document type: Trabalho de Conclusão de Curso
Access type: Acesso Aberto
Title: Teor foliar de silício em Brassica napus e Brassica juncea fertilizadas com silicato de cálcio
Author: Marques, Matheus Gregorio
First Advisor: Coelho, Lísias
First coorientator: Lemes, Ernane Miranda
First member of the Committee: Coelho, Lísias
Second member of the Committee: Lemes, Ernane Miranda
Third member of the Committee: Landim, Thiago Nunes
Summary: A canola é terceira espécie oleaginosa mais produzida no mundo e é uma excelente opção para a segunda safra na região central do Brasil. A inserção da canola na rotação de culturas possibilita a quebra do ciclo dos fitopatógenos das culturas mais utilizadas para a produção de grãos, como milho e soja. O silício é um elemento benéfico para o desenvolvimento de várias espécies vegetais, e aumenta a resistência das plantas contra estresses bióticos e abióticos. O objetivo do trabalho foi avaliar a absorção de silício nas espécies Brassica napus e Brassica juncea. O delineamento utilizado foi o de blocos casualizados, em esquema fatorial 2x3, com duas espécies (B. napus e B. juncea) e três adubações (0 kg ha-1 de Si, 2000 kg ha-1 de Si e dose equivalente em carbonato de cálcio), e oito repetições por tratamento. Os dados foram submetidos à análise de variância pelo teste F e as médias comparadas pelo teste de Tukey à 5% de probabilidade. Foi avaliado o teor de Si nas folhas (%). A adubação de silício proporcionou maiores teores de Si na folha das espécies utilizadas no estudo, com maior teor na espécie B. juncea comparado à B. napus. Os teores de Si na folha foram semelhantes aos encontrados em plantas dicotiledôneas de outras famílias.
Abstract: Canola is the third most produced oilseed in the world and is an excellent option for the second crop in central Brazil. The insertion of canola in the crop rotation makes it possible to break the phytopathogen cycle of the most used crops for grain production, such as corn and soybean. Silicon is a beneficial element for the development of various plant species, and increases plant resistance against biotic and abiotic stresses. This study evaluated the uptake of silicon in the species Brassica napus and Brassica juncea. The experiment was done in randomized block design, as a 2x3 factorial with two species (B. napus and B. juncea) and three fertilization doses (0 kg ha-1 of Si, 2000 kg ha-1 of Si and equivalent dose in calcium carbonate), and eight replicates per treatment. The Si content in the leaves (%) was evaluated. Data were submitted to analysis of variance by the test F and the averages compared by the Tukey test at 5% probability. Silicon fertilization provided greater levels of Si in the leaves of the species used in the study, with the greatest content in B. juncea compared to B. napus. The contents of Si in the leaves were similar to those found in dicotyledonous plants of other families.
Keywords: Canola
Mostarda
Mustard
Si
Silicato de cálcio
Calcium silicate
Carbonato de cálcio
Calcium carbonate
Area (s) of CNPq: CNPQ::CIENCIAS AGRARIAS::AGRONOMIA::CIENCIA DO SOLO::FERTILIDADE DO SOLO E ADUBACAO
Language: por
Country: Brasil
Publisher: Universidade Federal de Uberlândia
Quote: MARQUES, Matheus Gregorio. Teor foliar de silício em Brassica napus e Brassica juncea fertilizadas com silicato de cálcio. 2017. 20 f. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Agronomia) - Universidade Federal de Uberlândia, Uberlândia, 2017.
URI: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/20333
Date of defense: 31-Jul-2017
Appears in Collections:TCC - Agronomia (Uberlândia)

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
TeorFoliarSilício.pdfTCC469.57 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.