Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/20042
Document type: Trabalho de Conclusão de Curso
Access type: Acesso Aberto
Title: O quebra-quebra de 1959: Uberlândia - olhares e perspectivas
First Advisor: Cardoso, Heloisa Helena Pacheco
First member of the Committee: Morais, Sérgio Paulo
Second member of the Committee: Paula, Dilma Andrade de
Summary: O objetivo desta pesquisa é perceber as diversas possibilidades de representação da política desenvolvimentista entre 1950 e 1964 na cidade de Uberlândia, elaboradas pelas elites dirigentes assim como pela a população comum que participou de seus efeitos. Nesta análise, destaque especial foi dado às representações construídas acerca do movimento denominado “quebra-quebra” ocorrido em Uberlândia em 1959, apreendidas através da imprensa, documentos oficiais (atas, discursos) e do resgate da memória através de entrevistas orais de pessoas que vivenciaram o acontecimento. Esse objetivo maior se desdobrou nos seguintes objetivos específicos: identificar e analisar as diversas construções de segmentos sociais diferenciados a respeito da modernização e industrialização de Uberlândia; perceber como o discurso desenvolvimentista foi assimilado, ou não, pelas elites políticas locais; perceber como o movimento denominado “quebra-quebra” foi retratado em diferentes segmentos sociais e qual o seu papel nas representações encontradas; recuperar a imagem do desenvolvimentismo presente na fala das pessoas comuns, por meio da história oral; perceber a conjuntura que propiciou um movimento espontâneo da expressão do quebra-quebra de 1959 numa cidade marcada pelo discurso da “Ordem e Progresso”. No trabalho as fontes oficiais não foram desprezadas. Porém, uma possibilidade de enriquecer a análise foi trabalhar com a história oral. Não como uma história já pronta, mas como uma fonte possível neste leque de possibilidades de análise que o “quebra-quebra” de 1959 possibilita. Durante a pesquisa foram produzidos depoimentos orais que estão arquivados em um acervo em fase inicial de constituição, no Instituto de História e que, posteriormente, se tornará acessível ao público. Os jornais pesquisados, Correio de Uberlândia e O Repórter, bem como as revistas Manchete e O Cruzeiro estão disponíveis no Arquivo Municipal de Uberlândia. Neste arquivo também estão disponíveis entrevistas do Projeto Depoimentos, parceria entre a Secretaria Municipal de Cultura e a Prefeitura Municipal de Uberlândia, das quais foram selecionadas algumas falas. Entre as fontes oficiais foram consultadas as do acervo da Associação Comercial e Industrial de Uberlândia (ACIUB). As atas da Câmara Municipal de Uberlândia, embora não apareçam citadas no corpo do texto, foram de grande importância para a compreensão dos projetos políticos deste período. A monografia possui três capítulos. O primeiro procura discutir como a imprensa local e nacional elaborou e divulgou seus olhares em relação ao “quebra-quebra”. Nesse sentido foi pertinente uma análise da imprensa enquanto documento historiográfico e uma contextualização do período em estudo. O segundo capítulo procura perceber que representações afloram dos depoimentos orais, tentando entender a lógica dessas visões e quem são os agentes das falas. Entre os depoentes foram selecionadas falas de pessoas de categorias populares, mas também de outros seguimentos sociais. Essa pluralidade de olhares tenta realizar um diálogo entre diversos discursos que se entrecruzam. Este capítulo ainda faz uma reflexão acerca da história oral enquanto fonte historiográfica. O último capítulo analisa o papel representado pelos cinemas e armazéns no contexto de 1959. Essa análise é enriquecida com depoimentos orais e algumas fotografias publicadas em revistas do período e que trazem elementos importantes para a discussão proposta.
Notes: Palavras-chave e resumo criados pelo pesquisador dos Projetos “(Per)cursos da graduação em História: entre a iniciação científica e a conclusão de curso.” (PROGRAD/DIREN/UFU 2017/2018) e “Entre a iniciação científica e a conclusão de curso: a produção monográfica dos Cursos de Graduação em História da UFU” (PIBIC EM CNPq/UFU 2017-2018).
Keywords: O quebra-quebra de 1959
Uberlândia
Política desenvolvimentista
Representações
Area (s) of CNPq: CNPQ::CIENCIAS HUMANAS::HISTORIA
Language: por
Country: Brasil
Publisher: Universidade Federal de Uberlândia
Quote: OLIVEIRA, Eliene Dias de. O quebra-quebra de 1959: Uberlândia - olhares e perspectivas. 2002. 84 f. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em História) - Universidade Federal de Uberlândia, Uberlândia, 2002.
URI: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/20042
Date of defense: 2002
Appears in Collections:TCC - História

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
QuebraQuebraUberlandia.pdfTCC11.97 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.