Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/19856
metadata.dc.type: Tese
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
Title: Neoplasias mamárias em cadelas : estudo epidemiológico e expressão de HER-2 em carcinomas
metadata.dc.creator: Andrade, Mariana Batista
metadata.dc.contributor.advisor1: Medeiros, Alessandra Aparecida
metadata.dc.contributor.referee1: Szabó, Matias Pablo Juan
metadata.dc.contributor.referee2: Alves, Aracelle Elisane
metadata.dc.contributor.referee3: Terra, Erika Maria
metadata.dc.contributor.referee4: Coelho, Humberto Eustáquio
metadata.dc.description.resumo: As neoplasias mamárias em cadelas são afecções de significativa importância em medicina veterinária pela sua alta frequência, além de serem modelo para o estudo do câncer de mama na mulher. Nesse sentido, se faz necessária a realização de estudos continuados acerca da frequência de tumores e suas características clinicopatológicas. Constituem ainda um grupo heterogêneo de tumores quanto aos padrões histológicos e comportamento biológico, o que torna mais complexo e urgente a identificação de fatores de prognóstico e que possibilitem diagnosticar e tratar de forma mais eficaz animais portadores de tumor de mama. Nos últimos anos, tem se intensificado estudos dirigidos à identificação de marcadores moleculares envolvidos nos inúmeros eventos celulares que ocorrem durante a carcinogênese, como crescimento e diferenciação celular, proliferação, invasão e metástase. O receptor do fator de crescimento epidérmico humano tipo 2 (HER-2) é uma glicoproteína de membrana da família tirosina-quinase, codificada por um gene de mesmo nome, diretamente relacionada a mudanças significativas na proliferação celular e sobrevivência das células tumorais. Durante o processo de mutação desse gene ocorre hiperativação da cascata de sinalização intracelular, que resulta em rápido crescimento das células tumorais. Na mulher, a superexpressão de HER-2 está associada a neoplasias mamárias cujos parâmetros morfológicos sugerem malignidade e pior prognóstico, resultando em alta taxa de recidiva e de mortalidade no estágio inicial da doença, além de elevada incidência de metástases. Entretanto, na cadela, estudos que investigaram o papel do HER-2 nas neoplasias mamárias, com emprego da imunohistoquímica, não são consensuais até então, mantendo obscuro o significado da sobrexpressão de HER-2 nestas neoplasias. Com intuito de auxiliar na determinação de fatores prognósticos fidedignos para os tumores mamários nas cadelas, o presente trabalho teve como objetivos: determinar a prevalência de lesões mamárias diagnosticadas em cadelas no Laboratório de Patologia Veterinária da Universidade Federal de Uberlândia entre 2004 e 2014, bem como a relação entre aspectos epidemiológicos (idade e raça) e clínicopatológicos (ulceração, tamanho do tumor e comportamento biológico) na ocorrência dos tumores de mama; e verificar a expressão de HER-2 em carcinomas mamários de cadelas e sua relação com o tipo e grau histológico, idade das cadelas, metástase em linfonodos e à distância, tamanho tumoral e estadiamento clínico.
Abstract: Mammary tumors in female dogs are important diseases in veterinary medicine due to their high frequency, besides being a model for the study of breast cancer in women. So, it is necessary to continuous studies on the frequency of tumors and their clinicopathological characteristics. They also constitute a heterogeneous group of tumors in correlation with histological patterns and biological behavior, which makes it more complex and urgent to identify prognostic factors and to make it possible to diagnose and treat animals with mammary tumors more effectively. In the last years, there have been intensified the number of studies about the identification of molecular markers involved in the innumerable cellular events that occur during carcinogenesis, such as cell growth and differentiation, proliferation, invasion and metastasis. HER-2 is a membrane glycoprotein of the tyrosine kinase family, encoded by a gene with the same name, directly related to significant changes in cell proliferation and survival of tumor cells. During mutation process of this gene, hyperactivation of intracellular signaling cascade results in a rapid growth of tumor cells. In women, HER-2 overexpression is associated with breast neoplasms whose morphological parameters suggest poor prognosis and malignancy, resulting in a high rate of recurrence and mortality in the early stage of the disease, as well as a high incidence of metastases. However, in the female dog, until now the extensive variability of results obtained from immunohistochemical protocols proposed for molecular classification, keeps the meaning of HER-2 overexpression in these neoplasms obscure. In order to assist determination of the reliable prognostic factors for canine breast neoplasms, the present study: determined the prevalence of breast lesions diagnosed in female dogs in Laboratory of Veterinary Pathology of the Federal University of Uberlândia between 2004 and 2014, as well as the correlation between epidemiological aspects (age and breed) and clinicopathological (ulceration, tumor size and biological behavior) in the occurrence of breast tumors; verified the HER-2 expression in female mammary carcinomas of dogs and their relationship with the type and histological grade, age of patient, metastasis in lymph nodes or distants, tumor size and clinical staging.
Keywords: Veterinária
Prognóstico
Imunohistoquímica
Mamas - Cancer
Fatores de prognóstico
Fator de crescimento epidérmico tipo 2
Frequência
Tumores mamários
Canino
Prognostic factors
Immunohistochemistry
Epidermal growth factor type 2
Frequency
Mammary tumors
Canine
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::CIENCIAS AGRARIAS::MEDICINA VETERINARIA
metadata.dc.language: por
metadata.dc.publisher.country: Brasil
Publisher: Universidade Federal de Uberlândia
metadata.dc.publisher.program: Programa de Pós-graduação em Ciências Veterinárias
Citation: ANDRADE, Mariana Batista. Neoplasias mamárias em cadelas : estudo epidemiológico e expressão de HER-2 em carcinomas. 2017. 99 f. Tese (Doutorado em Ciências Veterinárias) - Universidade Federal de Uberlândia, Uberlândia, 2017.
metadata.dc.identifier.doi: X
URI: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/19856
Issue Date: 16-Mar-2017
Appears in Collections:DISSERTAÇÃO - Ciências Veterinárias

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
NeoplasiasMamariasCadelas.pdfTese2.88 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.