Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/19766
metadata.dc.type: Trabalho de Conclusão de Curso
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
Title: Folia de Reis: fé e resistência das tradições religiosas populares entranhadas nas ondas do progresso e da modernidade de Uberlândia (1980/97)
metadata.dc.creator: Abreu, Mauro William de
metadata.dc.contributor.advisor1: Machado, Maria Clara Tomaz
metadata.dc.description.resumo: O trabalho tem como objetivo entender como a tradição cultural e religiosa da Folias de Reis sobrevive no Distrito de Martinésia, município de Uberlândia-MG. Para tanto participou-se de festas neste distrito, realizou-se entrevistas com membros da Associação das Folias de Reis de Uberlândia-MG, procurando compreender como se cruzam desenvolvimento econômico e religiosidade popular. Realizou-se ainda pesquisa bibliográfica, consultou-se artigos escritos pela imprensa local, folders de instituições públicas, fitas VHS, cartazes, fotos, guias turísticos, partituras musicais, versos cantados, Leis e Convênios municipais, cadastros das Folias de Reis de Uberlândia, Estatuto e livro de atas da Associação das Folias de Reis de Uberlândia, textos de folcloristas, entrevistas com pessoas ligadas a Folia de Reis. O texto da pesquisa se estrutura em três capítulos: o primeiro aborda a Folia de Reis como uma prática cultural e religiosa, analisando a sua chegada ao Brasil, os locais onde se concentram o maior número de grupos, qual sua posição diante da realidade atual no Brasil e, mais especificamente, em Uberlândia e região. O segundo capítulo apresenta o entendimento do autor sobre a lógica capitalista na cidade. Neste sentido, enfatiza como se dá a produção e difusão do discurso burguês, sustentado no ideário da “ordem, progresso, trabalho e disciplina”, tentando a qualquer custo diminuir as “mazelas sociais” que também se fazem presentes no mesmo espaço. O último capítulo discute como se deu a institucionalização da Folia de Reis em Uberlândia, por meio da criação de uma Associação no ano de 1986, período em que o Brasil passava por várias transformações no aspecto político, econômico e cultural. Observa como se dá o relacionamento entre a referida Associação, o poder público municipal e a própria população. Também procura apresentar quais as estratégias utilizadas pela Associação para manter viva essa tradição cultural e religiosa: resistência ou cooptação?
Notes: Palavras-chave e resumo criados pelo pesquisador dos Projetos “(Per)cursos da graduação em História: entre a iniciação científica e a conclusão de curso.” (PROGRAD/DIREN/UFU 2017/2018) e “Entre a iniciação científica e a conclusão de curso: a produção monográfica dos Cursos de Graduação em História da UFU” (PIBIC EM CNPq/UFU 2017-2018).
Keywords: Folia de reis
Modernidade
Uberlândia-MG
Tradições religiosas populares
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::CIENCIAS HUMANAS::HISTORIA
metadata.dc.language: por
metadata.dc.publisher.country: Brasil
Publisher: Universidade Federal de Uberlândia
Citation: ABREU, Mauro William de. Folia de Reis: fé e resistência das tradições religiosas populares entranhadas nas ondas do progresso e da modernidade de Uberlândia (1980/97). 1999. 78 f. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em História) - Universidade Federal de Uberlândia, Uberlândia, 1999.
URI: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/19766
Issue Date: 1999
Appears in Collections:TCC - História

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
FoliaReisFe.pdfTCC24.55 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.