Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/19605
metadata.dc.type: Trabalho de Conclusão de Curso
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
Title: Influência do desafio imunogênico em camundongos por vacina influenza A (H1N1) durante a gestação sobre comportamentos relacionados à memória e sociabilidade na prole em idade adulta
metadata.dc.creator: Ferreira, Ana Flávia Fernandes
metadata.dc.contributor.advisor1: Neiro, Erika Renata Barbosa
metadata.dc.contributor.referee1: Spini, Vanessa Beatriz Monteiro Galassi
metadata.dc.contributor.referee2: Miguel, Tarciso Tadeu
metadata.dc.description.resumo: Desordens neuropsiquiátricas estão entre as doenças que mais afetam a população mundial. Estudos demonstram a influência de fatores genéticos e ambientais no desencadeamento dessas desordens. Destaca-se, dentro dos aspectos ambientais, o estresse pré-natal por agentes infecciosos, responsável pela ativação do sistema imunológico e produção de citocinas, moléculas capazes de atravessar a barreira placentária e alcançar o feto, podendo prejudicar seu neurodesenvolvimento. A vacinação tem sido uma ferramenta importante contra epidemias, sendo recomentada para gestantes. Visto que a vacinação também altera os níveis de citocinas pró-inflamatórias, é importante investigar melhor o efeito dessa prática na prole dessas gestantes. Logo, esse trabalho busca avaliar o efeito da vacinação no comportamento relacionado à memória e sociabilidade da prole adulta e investigar se o período em que a infecção ocorre influencia nessas alterações. Para isso, camundongos da linhagem Balb C prenhas receberam injeções de vacina influenza A (H1N1) ou salina, no sexto (E6) ou décimo sexto (E16) dia de gestação. A prole adulta passou pelos testes de Interação Social (IS), que avalia a sociabilidade e a preferência por novidade social, e Reconhecimento de Objeto (RO), que avalia o aprendizado e a memória. Os resultados para RO mostraram alterações no aprendizado e memória da prole cujas matrizes foram tratadas com vacina influenza A (H1N1) em E16, mas não em E6, indicando que o período da exposição ao agente infeccioso influencia nas modificações encontradas para a memória. Para IS os grupos controles não apresentaram o comportamento esperado para animais normais, indicando possível falha no método utilizado.
Abstract: Neuropsychiatric disorders are among the diseases that most affect world population. Studies demonstrate the influence of genetic and environmental factors in triggering these disorders. An important environmental aspect is prenatal stress due to infectious agents, which leads to activation of the immune system and production of cytokines, molecules capable of crossing placental barrier and reaching fetus, what may impair its neurodevelopment. Vaccination has been an important tool against epidemics, being recommended during pregnancy. Since vaccination also alters levels of proinflammatory cytokines, it is important to investigate the effect of this practice on offspring of pregnant women. Therefore, this work aims to evaluate the effect of vaccination on behavior related to memory and sociability of adult offspring and to investigate if the period of infection plays a role in these changes. For this, Balb C pregnant mice received injections of influenza A (H1N1) or saline vaccine on sixth (E6) or sixteenth (E16) day of gestation. Adult offspring was submitted in Social Interaction Task (SI), which evaluates sociability and preference for social novelty, and Object Recognition Task (OR), which evaluates learning and memory. Results for OR showed changes in learning and memory of offspring whose mothers were treated with influenza A (H1N1) vaccine at E16, but not at E6, indicating that the time of maternal immune challenge determines the patterns of behavioral abnormalities displayed by the offspring at adult age. For SI, control groups did not exhibit expected behavior for normal animals, indicating a possible failure in the method.
Keywords: Vacina influenza A (H1N1)
Memória e sociabilidade
Memória e sociabilidade
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::CIENCIAS BIOLOGICAS::FISIOLOGIA
metadata.dc.language: por
metadata.dc.publisher.country: Brasil
Publisher: Universidade Federal de Uberlândia
Citation: FERREIRA, Ana Flávia Fernandes. Influência do desafio imunogênico em camundongos por vacina influenza A (H1N1) durante a gestação sobre comportamentos relacionados à memória e sociabilidade na prole em idade adulta. 2017. 44 f. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Ciências Biológicas) - Universidade Federal de Uberlândia, Uberlândia, 2017.
URI: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/19605
Issue Date: 20-Jul-2017
Appears in Collections:TCC - Ciências Biológicas

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
InfluenciaDesafioImunogenico.pdfTCC1.99 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.