Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/19475
metadata.dc.type: Dissertação
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
Title: Desenvolvimento, pobreza e segurança alimentar na América do Sul
metadata.dc.creator: Azevedo, Ludmila Luísa Tavares e
metadata.dc.contributor.advisor1: Almeida Filho, Niemeyer
metadata.dc.contributor.referee1: Gomes Junior, Newton Narciso
metadata.dc.contributor.referee2: Ortega, Antônio César
metadata.dc.description.resumo: Pautando-se na emergência e importância do problema da fome no mundo, buscou-se,nessa dissertação, entender os conceitos e relações de desenvolvimento, pobreza e segurança alimentar na América do Sul uma das regiões que apresentou os melhores resultados no combate à fome nas últimas décadas. Pelo prisma do desenvolvimento humano, pretende-se entender se há relação direta e inequívoca entre as três variáveis. Dessa forma, são apresentados os conceitos e suas particularidades e dados ilustrativos da situação da América do Sul. Adentrando no entendimento de segurança alimentar, o trabalho analisa não apenas esse conceito, mas apresenta os resultados dos Objetivos de Desenvolvimento do Milênio e debates a respeito o Direito Humano à Alimentação Adequada e o modus operandi dos mercados agrícolas duas questões em disputa e que estão na estrutura da reprodução do problema. Além disso, o trabalho analisa as políticas públicas realizadas pelos países da região, visando solucionar o problema da fome. Ainda, visando identificar as economias em quea insegurança alimentar é mais aguda e entender qual a dimensão que mais impacta o problema, o trabalho utilizou as variáveis propostas pela FAO para segurança alimentar, aplicando análise de componentes principais para as duas das quatro dimensões (disponibilidade, acesso), separadamente, e análise descritiva para estabilidade e utilização, dimensões em que o método não pode ser aplicado. Por último, apresentamos rankings comparativos entre o PIB per capita, IDH, porcentagem de pessoas subnutridas e vivendo abaixo da linha da pobreza do Banco Mundial. Concluiu-se que, apesar da similaridade dos rankings, e por toda a análise feita no transcorrer do trabalho,a Segurança Alimentar é um fenômeno com complexidade própria, que não se combate apenas com aumento da oferta de alimentos, da renda ou eliminação da pobreza. Entender sua complexidade nos leva a concluir que é um conceito que deve continuar sendo exaustivamente estudado para que seu combate ocorra de maneira consciente e articulada.
Abstract: Based on the emergence and importance of the hunger problem in the world, this dissertation sought to understand the concepts and relation of development, poverty and food security in South America one of the regions that presented the best results in the battle against hunger throughout the last decades. From the perspective of human development, we intend to understand if there is a direct and unequivocal relationship between thesethree variables. Therefore, we present these concepts and their particularities, as well as illustrative data of the situation in South America. Moving on to the understanding of food security, our work analyzes not only this concept, but also presents the results of the Millennium Development Goals and some debates on the Human Right to Adequate Food as well as the modus operandi of the agricultural markets two issues in dispute and that are part from the structure of the reproduction of the problem. In addition, the work analyzes the public policies carried out by the countries of the region in order to solve the hunger problem. Likewise, in order to identify the economies where food insecurity is most acute and understand the dimension that most impacts the problem, ourwork used the variables proposed by the FAO for food security, applying a Principal ComponentAnalysis on two of the four dimensions (availability, access), separately, and a descriptive analysis for stability and utilization, dimensions in which the method cannot be applied. Finally, we present comparative rankings between GDP per capita, HDI, and percentage of undernourished people living below the poverty line of the World Bank. It was concluded that, despite the similarity of the rankings, and for all the analyses made during the course of the study, Food Security is a phenomenon with its own complexity, which cannot only be fought by an increase in income or food supply, or with poverty eradication. Understanding its complexity leads us to conclude that it is a concept that must continue to be exhaustively studied so that its combat can occur in a conscious and articulate way.
Keywords: Economia
América do Sul
Condições econômicas
Pobreza
Segurança alimentar
Desenvolvimento
América do Sul
Poverty
Development
Food security
South America
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::CIENCIAS SOCIAIS APLICADAS::ECONOMIA
metadata.dc.language: por
metadata.dc.publisher.country: Brasil
Publisher: Universidade Federal de Uberlândia
metadata.dc.publisher.program: Programa de Pós-graduação em Economia
Citation: AZEVEDO, Ludmila Luísa Tavares e. Desenvolvimento, pobreza e segurança alimentar na América do Sul. 2017. 210 f. Dissertação (Mestrado em Economia) - Universidade Federal de Uberlândia, Uberlândia, 2017.
URI: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/19475
Issue Date: 22-Feb-2017
Appears in Collections:DISSERTAÇÃO - Economia

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
DesenvolvimentoPobrezaSeguranca.pdfDissertação7.81 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.