Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/19052
metadata.dc.type: Dissertação
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
Title: Caracterização de Escherichia coli isoladas de perus
metadata.dc.creator: Hoepers, Patrícia Giovana
metadata.dc.contributor.advisor1: Silva, Paulo Lourenço da
metadata.dc.contributor.advisor-co1: Fonseca, Belchiolina Beatriz
metadata.dc.contributor.referee1: Rossi, Daise Aparecida
metadata.dc.contributor.referee2: Oldoni, Ivomar
metadata.dc.description.resumo: Avian Pathogenic Escherichia coli (APEC) pertencem à classe das ExPEC (Extra intestinal Escherichia coli). As APEC são responsáveis por doenças localizadas ou sistêmicas nas aves de produção denominadas colibacilose aviária. Perus, ao contrário de frangos de corte têm uma vida longa e por isso são mais susceptíveis ao aparecimento de doenças, a colibacilose respiratória e septicêmica é uma delas. Os avanços em genotipificação e sequenciamento têm demonstrado semelhanças de isolados APEC com ExPEC humanas, trazendo à tona a possibilidade desses isolados terem impacto na saúde pública como patógenos ou como reservatórios de genes de virulência. A mesma preocupação ocorre com a resistência a antimicrobianos nas comunidades humanas. A caracterização de isolados de E. coli de aves já foi feita por diversos autores em todo o mundo. No Brasil, publicações recentes caracterizaram quanto à virulência e resistência a antimicrobianos isolados de E. coli de lesões de celulite em frangos de corte e sacos aéreos acometidos por aerossaculite em perus. No entanto, nenhum trabalho foi realizado contemplando amostras dos principais estados produtores e a produção de beta-lactamases, ESBL (beta-lactamases de espectro estendido) e pAmpC (cefalosporinases localizadas em plasmídeos). O objetivo dessa dissertação foi caracterizar isolados de E.coli em órgãos de perus com suspeita de colibacilose quanto à presença de cinco genes associados ao plasmídeo CoIV, acessar a resistência a importantes antimicrobianos na avicultura e na saúde humana e verificar a presença de genes responsáveis por beta-lactamases, ESBL, pAmpC e classificação filogenética em isolados com fenótipo de resistência a amoxicilina e ceftiofur. Os resultados mostraram 84,3% dos isolados com quatro e cinco genes sendo classificados como APEC, os isolados selecionados para classificação filogenética pertencem principalmente aos grupos B1 e D. Dos isolados analisados 82,14% foram considerados MDR (multirresistentes a antimicrobianos), os maiores índices de resistência foram para eritromicina (99%) e amoxicilina (76,1%). Os 43 isolados que foram resistentes ou intermediários para ceftiofur no antibiograma foram positivos para ESBL ou pAmpC. Dos genes associados a ESBL 79,4% foram positivos para blaCTX-M-2 e 20,59% para blaCTX-M-8/25. Os nove isolados pAmpC foram positivos para blaCMY-II. O estado de Goiás foi responsável pela maioria dos isolados resistentes para ceftiofur (72,22%) e foi o único estado onde genes blaCMY-II foram identificados. Esse estudo demonstra a alta prevalência de APEC em isolados de casos suspeitos de colibacilose em perus, alto índice de resistência a antimicrobianos e alerta para a resistência a ceftiofur e a presença de E.coli ESBL e pAmpC na cadeia produtiva de perus.
Abstract: Avian Pathogenic Escherichia coli (APEC) are part of the class of ExPEC (Extra intestinal Escherichia coli). APEC cause localized or systemic disease in poultry production termed avian colibacillosis. Turkeys, unlike broilers have a long life and are therefore more susceptible to onset of diseases, respiratory and septicemic disease caused by E. coli. Advances in genotyping and sequencing have shown similarities of APEC isolates with human ExPEC, bringing up the possibility of these isolates play a role on public health as pathogens or as virulence genes reservoirs. Antimicrobial resistance in human communities caused by multidrug resistant E.coli is also a huge concern. Many authors have done the characterization of E. coli isolated from poultry. In Brazil, recent publications characterized the virulence and antimicrobial resistance of E. coli isolated from cellulitis lesions in broilers and air sacs affected by aerosacculitis in turkeys. However, no study was carried out considering samples of the main producing States and the production of beta-lactamases, ESBL (extended spectrum beta- lactamase) and pAmpC (plasmid-mediated cefalosporinases) in the isolates. The aim of this study was to characterize isolates of E. coli in turkeys organs suspected of colibacillosis for five genes associated with plasmid CoIV, access the antimicrobial resistance in important antimicrobials for poultry and human health and check the presence of genes for beta- lactamase, ESBL, pAmpC and phylogenetic classification E. coli with the resistance phenotype for ceftiofur and amoxicillin. The results showed that 84.3% of the isolates harbored four or five genes being characterized as APEC, the selected isolates for phylogenetic classification belong mainly to groups B1 and D. In total, 82.14% of isolates were considered MDR (multidrug resistant to antimicrobials); higher resistance indices were to erythromycin (99%) and amoxicillin (76.1%). The 43 isolates resistant or intermediate to ceftiofur on antibiogram were positive for ESBL or pAmpC. ESBL genes associated were 79.4% blaCTX-M-2 and 20.59% blaCTX-M-8 /25. Nine isolates that were positive for pAmpC were blaCMY II. The state of Goiás was responsible for most of the isolates resistant to ceftiofur and was the only where blaCMY-II genes have been identified. This study demonstrates the high prevalence of APEC in suspected cases of colibacillosis in turkeys, high antimicrobial resistance index and alert for resistance to ceftiofur and the presence of E. coli ESBL and pAmpC in the production chain of turkeys.
Keywords: Veterinária
Escherichia coli
Peru (Ave) - Doenças
APEC
ESBL
pAmpC
Perus
Turkeys
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::CIENCIAS AGRARIAS::MEDICINA VETERINARIA
metadata.dc.language: por
metadata.dc.publisher.country: Brasil
Publisher: Universidade Federal de Uberlândia
metadata.dc.publisher.program: Programa de Pós-graduação em Ciências Veterinárias
Citation: HOEPERS, Patrícia Giovana. Caracterização de Escherichia coli isoladas de perus. 2016. 87 f. Dissertação (Mestrado em Ciências Veterinárias) - Universidade Federal de Uberlândia, Uberlândia, 2016.
URI: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/19052
Issue Date: 31-Mar-2016
Appears in Collections:DISSERTAÇÃO - Ciências Veterinárias

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
CaracterizacaoEscherichiaColi.pdfDissertação8.38 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.