Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/18900
metadata.dc.type: Tese
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
Title: Detecção do gene do vírus da hepatite B e antigeno CA 125 para o tumor do ovário: uma plataforma especifica para diagnóstico point-of- care
metadata.dc.creator: Castro, Ana Cristina Honorato de
metadata.dc.contributor.advisor1: Madurro, Ana Graci Brito
metadata.dc.contributor.advisor-co1: Madurro, João Marcos
metadata.dc.contributor.referee1: Sotomayor, Maria Del Pilar Taboada
metadata.dc.contributor.referee2: Dutra, Rosa Amalia Fireman
metadata.dc.contributor.referee3: Takeuchi, Regina Massako
metadata.dc.contributor.referee4: Silva, Marcelo José Barbosa
metadata.dc.description.resumo: O câncer do ovário é um tipo de câncer ginecológico que se origina nos órgãos reprodutores femininos. Geralmente o diagnóstico é realizado tardiamente, quando a doença já está em um estágio avançado, e que reflete na alta taxa de mortalidade. É uma doença silenciosa, assim como a Hepatite B, doença causada pelo vírus da hepatite B (VHB), altamente infecciosa e de difícil tratamento devido à inflamação no fígado. Realizar o diagnóstico precoce e o monitoramento é de extrema importância uma vez que ambas as doenças levam à morte inúmeras pessoas anualmente. Contudo, os diagnósticos tradicionais são caros, demorados e não confirmativos, e, portanto, o desenvolvimento de novas estratégias de detecção e monitoramento é interesse para a Saúde Pública. Uma das melhores alternativas são os biossensores, que são sensores químicos cujo sistema de reconhecimento é dotado de biomoléculas que realizam reações bioquímicas. Apresentam vantagens sobre os métodos existentes, como o baixo custo, elevada seletividade e sensibilidade, detecção em tempo real e resposta rápida. Avaliando a gravidade dos casos de cânceres de ovários e as altas taxas de infecção da hepatite B, este trabalho teve como objetivo desenvolver dois biossensores eletroquímicos com características únicas e inovadoras. Para a detecção do CA 125 (antígeno carboidrato 125), marcador tumoral usado no diagnóstico e monitoramento do câncer de ovário, foi construído um imunossensor eletroquímico empregando eletrodos screen-printed funcionalizados com o poli (3-hidroxifenilacético) e solução de ferrocianeto de potássio. O sensor demonstrou ser uma plataforma versátil, com alta seletividade e interessante para diagnóstico e monitoramento do câncer. Para a análise de Hepatite B foi construído um genossensor tendo como plataforma eletrodos de grafite funcionalizados com poli (4-aminofenol) e brometo de etídio como indicador eletroquímico de hibridização. A plataforma desenvolvida teve características únicas e inovadoras, apresentando vantagens inerentes à sua aplicabilidade em amostras de plasma, importante no diagnóstico precoce da doença.
Abstract: The ovarian cancer is a gynecologic cancer that originates in the female reproductive organs. Usually the diagnosis is made late, when the disease is already at an advanced stage, which reflects in the high rate of mortality. It is a silent disease, such as hepatitis B disease caused by hepatitis B virus (HBV), highly infectious and difficult to treat due to liver inflammation. Perform early diagnosis and monitoring is extremely important since both diseases lead to death numerous people annually. However, traditional diagnostic tests are expensive, time consuming and not confirmatory, and therefore the development of new detection and monitoring strategies is relevant to public health. One of the best alternatives are biosensors, chemical sensors which are recognition system is provided with biomolecules performing biochemical reactions. They have advantages over existing methods, such as low cost, high selectivity and sensitivity, real-time detection and immediate response. Assessing the severity of cases of ovarian cancer and high rates of hepatitis B infection, this study aimed to develop two electrochemical biosensors with unique and innovative features. To CA125 (carbohydrate antigen 125) detection, tumor marker used in the diagnosis and monitoring of ovarian cancer, was built an electrochemical immunosensor employing screen-printed electrodes functionalized with poly (3-hydroxyphenylacetic) and potassium ferrocyanide solution. The sensor has proven to be a versatile platform with high selectivity, interesting for diagnosis and monitoring of cancer. For the analysis of hepatitis B was built a genosensor using graphite electrodes functionalized with poly (4-aminophenol) as platform and ethidium bromide as electrochemical indicator of hybridization. The developed platform has unique and innovative features with advantages inherent to its applicability in plasma samples, important in the early diagnosis of the disease.
Keywords: Bioquímica
Hepatite B
Ovários - Câncer
Biossensores
Câncer de ovário
poli(3-hidrixifenilacético)
Poli(4-aminofenol)
Biossensores
Ovarian cancer
Hepatitis B
Poly (3-hydroxyphenylacetic)
Poly (4-aminophenol)
Biosensors
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::CIENCIAS BIOLOGICAS::GENETICA
metadata.dc.language: por
metadata.dc.publisher.country: Brasil
Publisher: Universidade Federal de Uberlândia
metadata.dc.publisher.program: Programa de Pós-graduação em Genética e Bioquímica
Citation: CASTRO, Ana Cristina Honorato de. Detecção do gene do vírus da hepatite B e antígeno CA 125 para o tumor do ovário: uma plataforma especifica para diagnóstico point-of-care. 2016. 107 f. Tese (Doutorado em Genética e Bioquímica) - Universidade Federal de Uberlândia, Uberlândia, 2016.
URI: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/18900
Issue Date: 29-Jul-2016
Appears in Collections:TESE - Genética e Bioquímica

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
DeteccaoGeneVirus.pdfTese10.83 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.