Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/18781
metadata.dc.type: Dissertação
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
Title: A vivência da sexualidade em mulheres com fibromialgia: um estudo clínico-qualitativo
Other Titles: The sexuality experience of women with fibromyalgia: a clinical-qualitative study
metadata.dc.creator: Centurion, Neftali Beatriz
metadata.dc.contributor.advisor1: Peres, Rodrigo Sanches
metadata.dc.contributor.referee1: Cremasco, Maria Virginia Filomena
metadata.dc.contributor.referee2: Silva, Luiz Carlos Avelino da
metadata.dc.description.resumo: Diversas pesquisas têm sido realizadas recentemente acerca da sexualidade de mulheres com fibromialgia, com foco sobretudo na mensuração de indicadores de disfunções sexuais. O presente estudo, por outro lado, teve como objetivo compreender a vivência da sexualidade em um grupo de mulheres com fibromialgia conforme a perspectiva das mesmas. Trata-se de um estudo clínico-qualitativo, do qual participaram oito mulheres que apresentavam diagnóstico de fibromialgia há, no mínimo, seis meses, e possuíam de 40 a 60 anos de idade. As participantes foram recrutadas junto aos arquivos de uma organização não-governamental especializada. A coleta de dados teve como locus um grupo psicanalítico de discussão, o qual foi desenvolvido ao longo de quatro encontros de cerca de uma hora e trinta minutos cada. Todos os encontros foram gravados em áudio com a autorização das participantes. As gravações foram transcritas, integral e literalmente, constituindo, assim, o corpus do presente estudo, sendo que o mesmo foi analisado segundo os procedimentos metodológicos estabelecidos pela análise de conteúdo. A análise categorial realizada conduziu à configuração de três categorias, as quais foram nomeadas da seguinte forma: (1) “Se fosse com amor...” (2) “Maria das Dores” e (3) “Amor e sexo”. A primeira categoria reuniu relatos em função dos quais as participantes deixaram claro que consideram o impacto da fibromialgia na sexualidade totalmente negativo, porém entendem que o mesmo poderia ser minimizado se seus companheiros se mostrassem mais afetuosos no cotidiano. A segunda categoria se refere a relatos que evidenciam que o impacto da fibromialgia atravessa as relações das participantes de modo generalizado, inclusive com elas mesmas. Ademais, ilustram que a desqualificação, por parte de outras pessoas, da dor que sentem em função da fibromialgia se soma a perdas associadas à menopausa e ao envelhecimento, repercutindo negativamente no desejo e na satisfação sexual. Por fim, os relatos agregados na terceira categoria trazem à tona ressonâncias da religiosidade e da moralidade no tocante à vivência da sexualidade que se entrelaçam ao impacto da fibromialgia, conduzindo, como consequência, a diversas restrições quanto à atividade sexual. Embora provenientes de um grupo de participantes em específico, tais resultados acrescentam em relação àqueles reportados em pesquisas prévias, sendo que, assim, fornecem elementos a serem considerados tanto na assistência multidisciplinar oferecida a mulheres com fibromialgia quanto no desenvolvimento de novas pesquisas sobre a temática.
Abstract: Several studies have been carried out on sexuality of women with fibromyalgia, focusing mainly on the measurement of sexual dysfunction indicators. This study, on the other hand, aimed to understand the experience of sexuality of a group of women with fibromyalgia according to their perspective. This clinical- qualitative study involved eight 40 to 60 years old women diagnosed with fibromyalgia for at least six months. Names of the participants were retrieved from the files of a specialized non-governmental organization and participants were recruited accordingly. The locus of data collection was a psychoanalytic discussion group, which involved four meetings that lasted approximately one hour and thirty minutes each. All meetings were audio recorded with permission of the participants. The recordings were transcribed fully and literally, thus constituting the corpus of this study, and it was analyzed according to the methodological procedures of content analysis. The categorical analysis led to the setting of the following three categories: (1) “If it was done with love...” (2) “Mary of Sorrows” and (3) “Love and sex”. The first category gathered reports according to which the participants made it clear that they consider the impact of fibromyalgia on sexuality totally negative, but understand that it could be minimized if their partners were more affectionate in everyday life. The second category refers to reports showing the influence of fibromyalgia on all the relationships of participants, including with themselves. Moreover, these reports illustrate that the disqualification of the pain these women feel by virtue of fibromyalgia by other people adds to losses associated with menopause and aging, negatively impacting the sexual desire and satisfaction. Finally, reports in the third category reveal the repercussions of religion and morality that are associated with the impact of fibromyalgia on the experience of sexuality, leading as a consequence to several restrictions on sexual activity. Although these results are obtained from a particular group of participants, they contribute to those reported in previous research, and thus provide elements useful for both the multidisciplinary care offered to women with fibromyalgia and the development of new research on the subject.
Keywords: Psicologia
Fibromialgia
Sexo
Psicologia clínica da saúde
Fibromialgia
Sexualidade
pesquisa qualitativa
Psicologia da Saúde
Fibromyalgia
Sexuality
qualitative research
Health Psychology
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::CIENCIAS HUMANAS::PSICOLOGIA
metadata.dc.language: por
metadata.dc.publisher.country: Brasil
Publisher: Universidade Federal de Uberlândia
metadata.dc.publisher.program: Programa de Pós-graduação em Psicologia
Citation: CENTUNON, Neftali Beatriz. A vivência da sexualidade em mulheres com fibromialgia: um estudo clínico-qualitativo. 2017. 101 f. Dissertação (Mestrado em Psicologia Aplicada) - Universidade Federal de Uberlândia, Uberlândia, 2017.
URI: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/18781
Issue Date: 20-Apr-2017
Appears in Collections:DISSERTAÇÃO - Psicologia

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
VivenciaSexualidadeMulheres.pdfDissertação5.52 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.