Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/18708
metadata.dc.type: Trabalho de Conclusão de Curso
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
Title: Representações na literatura de cordel: drogas e violência (2004-2011)
metadata.dc.creator: Silva, Cid Carlos Marcos da
metadata.dc.contributor.advisor1: Ramos, Alcides Freire
metadata.dc.contributor.referee1: Freitas, Talitta Tatiane Martins
metadata.dc.contributor.referee2: Dias, Rodrigo Francisco
metadata.dc.description.resumo: Este trabalho visa estabelecer um diálogo histórico entre a História e a literatura de cordel, buscando elementos culturais para tentar entender a problemática das drogas no período de 2004 a 2011. Através da literatura de cordel vamos abordar o tema das drogas e da violência com o olhar da sociedade, observando como que os cordelistas se organizaram para combater as drogas através de uma importante ferramenta cultural que é a literatura de cordel. Veremos neste trabalho acadêmico histórias contadas em cordéis por pessoas que entraram no mundo das drogas e tiveram suas vidas prejudicadas, o sofrimento das famílias por conta do uso de entorpecentes, as diversas drogas citadas nos cordéis, as campanhas dos governos estaduais principalmente em alguns estados do nordeste para combater o uso das drogas através do cordelista. Veremos como as escolas se organizaram nesse período e como a ferramenta literatura de cordel incentivou seus alunos a produzirem material que abordassem a temática das drogas; perceberemos também que a Internet foi um espaço importante onde foi possível publicar os materiais produzidos pelos alunos em algumas escolas nordestinas. Vamos falar da violência que envolve o mundo das drogas, da pedra do crack que assusta a sociedade brasileira por estar em quase todas as cidades devastando a juventude, e da falta de políticas públicas em âmbito nacional para ajudar a combater o crack. Abordaremos, neste trabalho, as drogas e a violência, partindo do ponto de vista de que a literatura de cordel é uma ferramenta que se aproxima de grande parte da população, principalmente da nordestina. Uma vez que seu conteúdo expressa o pensamento de muitas pessoas, muito do que acontece na sociedade se reflete na literatura de cordel, assim as drogas também viraram destaque nessa literatura. E, é a partir do cordel que abordo parte das discussões sobre as drogas, no período acima citado, esperando contribuir para uma reflexão desse momento da história do país, trazendo para o debate acadêmico a literatura de cordel, que é um objeto de estudo valioso e que pode ser explorado em diversas temáticas.
Keywords: Representações na literatura de cordel
Drogas e violência
Crack
Poetas populares e cordelistas
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::CIENCIAS HUMANAS::HISTORIA
metadata.dc.language: por
metadata.dc.publisher.country: Brasil
Publisher: Universidade Federal de Uberlândia
Citation: SILVA, Cid Carlos Marcos da. Representações na literatura de cordel: drogas e violência (2004-2011). 2012. 72 f. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação de História) - Universidade Federal de Uberlândia, Uberlândia, 2010.
URI: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/18708
Issue Date: 2012
Appears in Collections:TCC - História

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
RepresentaçõesLiteraturaCordel.pdfTCC2.24 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.