Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/18355
metadata.dc.type: Tese
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
Title: Propriedades antiparasitárias e angiogênicas de uma lectina tipo-C (BpLec) isolada da peçonha de Bothrops pauloensis
metadata.dc.creator: Castanheira, Letícia Eulalio
metadata.dc.contributor.advisor1: Ávila, Veridiana de Melo Rodrigues
metadata.dc.contributor.referee1: Costa, Tassia Rafaella
metadata.dc.contributor.referee2: Ferro, Eloisa Amália Vieira
metadata.dc.contributor.referee3: Araujo, Fernanda de Assis
metadata.dc.description.resumo: Peçonhas ofídicas constituem uma rica fonte de proteínas de diferentes classes com inúmeras aplicações clínicas e biotecnológicas. Muitas toxinas têm sido empregadas também como modelos estruturais para a construção de fármacos comerciais. As lectinas tipo-C são proteínas facilmente isoladas dessas peçonhas e dividem-se entre lectinas tipo-C verdadeiras e lectinas tipo-C-like. As lectinas tipo-C verdadeiras, apesar de pouco abundantes na composição proteica total da peçonha, podem ser obtidas por meio de cromatografia de afinidade, com o auxílio de resinas imobilizadas com açúcares, alvos dessas lectinas. Além disso, pequenas quantidades são necessárias para lectinas verdadeiras exercerem suas funções biológicas, com grande potencial clínico. Lectinas tipo-C verdadeiras de peçonhas ofídicas (SVgalLs) caracterizamse por reconhecer β-D-galactosídeos e são proteínas homodiméricas, capazes de aglutinar vários tipos celulares e apresentam efeitos inflamatórios, antitumorais, bactericidas, entre outros. BpLec é uma lectina tipo-C isolada da peçonha de Bothrops pauloensis, com cerca de 33,6 kDa e ponto isoelétrico de 5,36. Cada subunidade de BpLec é composta por aproximadamente 132 aminoácidos e a proteína é bastante estável em temperaturas até 60ºC e qualquer faixa de pH. BpLec é capaz de aglutinar eritrócitos de gato e cão em baixas concentrações, além de inibir o crescimento da bactéria Gram-positiva Staphylococcus aureus e aglutinar formas promastigotas de Leishmania (Leishmania) amazonensis. De acordo com as normas do Programa de Pós-graduação em Genética e Bioquímica, a tese aqui apresentada foi dividida em três capítulos, sendo o primeiro correspondente a uma fundamentação teórica sobre o tema experimental trabalhado durante o curso e os demais capítulos apresentam resultados advindos de ensaios de ação antiparasitária e modulação da angiogênese induzidos pela BpLec. Em razão dos resultados promissores vistos anteriormente em Leishmania (L.) amazonensis, o presente trabalho teve como objetivo investigar os efeitos antiparasitários de BpLec sobre formas taquizoítas de Toxoplasma gondii, com enfoque em adesão, proliferação e modulação da resposta imune, além de ensaios acerca da imunolocalização da toxina, relatados no capítulo 2. Parte do capítulo corresponde ao artigo de qualificação de doutorado, já publicado na International Journal of Biological Macromolecules em 2015 (Vide anexo). Ainda mais, devido a recentes publicações emergindo acerca dos efeitos de lectinas isoladas de peçonhas ofídicas sobre a angiogênese, os efeitos de BpLec sobre células endoteliais e sobre um modelo murino in vivo de angiogênese e inflamação foram avaliados e relatados no capítulo 3, cujos resultados serão publicados provavelmente como dois artigos, um abordando os ensaios in vitro e outro correspondente aos ensaios in vivo, em revistas internacionais indexadas, ainda a serem definidas. Foram avaliados efeitos in vitro, como viabilidade celular, adesão, formação de vasos e inibição da atividade biológica de BpLec por diferentes açúcares. Também foram avaliados os efeitos in vivo de BpLec utilizando-se um modelo de implantação de esponjas no dorso de camundongos, analisando-se parâmetros como quantificação de hemoglobina, número de vasos, colágeno e marcadores inflamatórios (atividades enzimáticas e citocinas).
Keywords: Bioquímica
Serpente peçonhenta
Lectinas
Toxoplasmose
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::CIENCIAS BIOLOGICAS::GENETICA
metadata.dc.language: por
metadata.dc.publisher.country: Brasil
Publisher: Universidade Federal de Uberlândia
metadata.dc.publisher.program: Programa de Pós-graduação em Genética e Bioquímica
Citation: CASTANHEIRA, Letícia Eulalio. Propriedades antiparasitárias e angiogênicas de uma lectina tipo-C (BpLec) isolada da peçonha de Bothrops pauloensis. 2016. 138 f. Tese (Doutorado em Genética e Bioquímica) - Universidade Federal de Uberlândia, Uberlândia, 2016.
URI: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/18355
Issue Date: 8-Jul-2016
Appears in Collections:TESE - Genética e Bioquímica

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
PropriedadesAntiparasitariasAngiongenicas.pdfTese2.26 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.