Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/18202
metadata.dc.type: Dissertação
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
Title: ERGO1: novo protótipo para condicionamento físico de cadeirantes e paratletas
Other Titles: ERGO1: new prototype for physical conditioning of wheelchair users and para-athletes
metadata.dc.creator: Vieira, Sérgio Augusto Albino
metadata.dc.contributor.advisor1: Araújo, Cleudmar Amaral de
metadata.dc.contributor.advisor-co1: Gallo, Carlos Alberto
metadata.dc.contributor.referee1: Sousa, Marcos Morais de
metadata.dc.contributor.referee2: Santos, Silvio Soares dos
metadata.dc.contributor.referee3: Barbosa, Marcos Pinotti
metadata.dc.description.resumo: A atividade física é um dos meios de promover a saúde e a integração social de pessoas com deficiência. Recentemente, o governo federal propôs algumas ações direcionadas para as pessoas com deficiência visando garantir o pleno exercício dos seus direitos. No caso do esporte, em especial os esportes paralímpicos, o Brasil tem se destacado e mostrado um desempenho crescente. Para avaliar o condicionamento físico destas pessoas, em geral, utilizam-se ergômetros. No entanto, estes equipamentos são oriundos de testes já existentes aplicados às pessoas sem deficiência e, normalmente, não se adaptam perfeitamente ao gesto motor executado, que é a impulsão da cadeira de rodas através dos aros. Por isso, o objetivo deste trabalho é desenvolver um novo protótipo de um ergômetro para cadeirantes que respeite a especificidade dos movimentos e permita a avaliação física de cadeirantes. O novo protótipo denominado ERGO1 foi uma evolução do protótipo anterior, ERG-CR09, sendo desenvolvida uma nova estrutura, mais leve e com menores dimensões. A geração da resistência foi feita através de um freio eletromagnético similar ao modelo anterior, porém posicionado abaixo do assento. Um aplicativo em linguagem LabVIEW realiza o controle da parte eletrônica do protótipo, configurando a carga a ser utilizada e fazendo a aquisição dos sinais de rotação e torque do sistema para que a potência, energia e fadiga do usuário possam ser estimadas. A definição do nível da carga é feita através de um sistema automático de aquisição do peso posicionado na estrutura do assento. Além do protocolo de Wingate foi implementado um novo teste, denominado de protocolo incremental. Através dos testes iniciais, foi observado que a variação dos níveis de resistência permite a avaliação do condicionamento físico em ambos os protocolos implementados no aplicativo. Nos testes preliminares realizados foram observados índices de fadiga característicos de testes realizados na literatura, baseados nos níveis de potência ajustados, bem como, nos índices de fadiga baseados no cálculo das energias equivalentes. Outra importante inovação deste novo protótipo foi a inclusão de volantes inerciais visando a atenuação dos picos do sinal de potência.
Abstract: Physical activity is one of the ways to promote health and social integration of disabled persons. Recently, some actions by the federal government search to guarantee the full exercise of individual rights. Sports are a great way to promote social integration and Brazil has shown a crescent performance in the Paralympics. To evaluate the physical conditioning, ergometers are used. However, these equipments are derived from tests that already exist for able-bodied persons and, normally, don’t perfectly adapt to the motor gesture naturally executed by disabled people, which is the propulsion of the wheelchair through the application of a force on the propulsion rims. According to this, the objective of this work is to develop a new prototype of a wheelchair ergometer that respects the specificity of movements and allows the physical evaluation of disabled persons. This new prototype is called ERGO1 and it’s an evolution of the previous one, ERG-CR09, with a new structure that is lighter and smaller. Resistance generation was made through an electromagnetic brake similar to the previous one, but positioned under the seat. An application developed in LabVIEW language is responsible for controlling the electronic part of the prototype, configuring the load that is going to be used and making the acquisition of the rotation and torque signals from the system so the power, energy and fatigue of the user may be estimated. Definition of load level is made through an weight acquisition automatic system positioned in the seat structure. Besides Wingate protocol, a new test, called incremental protocol was implemented. Through initial tests was observed that the variation of resistance levels allows the evaluation of physical conditioning for both protocols. Also, fatigue levels characterized in the literature were observed. This happened for the fatigue based on power levels and in those based on the equivalent energy. Another important innovation of this prototype comes from the power signals acquired that had its peaks smoothed by inertial flywheels.
Keywords: Engenharia mecânica
Dinamômetro
Deficientes físicos
Fisiologia - Aparelhos
Ergômetro
Cadeirantes
Paratletas
Condicionamento físico
Teste de Wingate
Teste Incremental
Tecnologia assistiva
Ergometer
Wheelchair user
Para-Athletes
Physical Conditioning
Wingate
Incremental
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::ENGENHARIAS::ENGENHARIA MECANICA
metadata.dc.language: por
metadata.dc.publisher.country: Brasil
Publisher: Universidade Federal de Uberlândia
metadata.dc.publisher.program: Programa de Pós-graduação em Engenharia Mecânica
Citation: VIEIRA, Sérgio Augusto Albino. ERGO1: novo protótipo para condicionamento físico de cadeirantes e paratletas. 2012. 146 f. Dissertação (Mestrado em Engenharia Mecânica) - Universidade Federal de Uberlândia, Uberlândia, 2012.
URI: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/18202
Issue Date: 27-Sep-2012
Appears in Collections:DISSERTAÇÃO - Engenharia Mecânica

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
ERGO1NovoPrototipo.pdfDissertação12.96 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.