Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/17689
metadata.dc.type: Dissertação
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
Title: Quando fé e gestão se encontram: compreendendo uma ONG de filosofia protestante sob as lentes da prática e do Sensemaking
metadata.dc.creator: Silva, Andrea Ribeiro da
metadata.dc.contributor.advisor1: Valadão Júnior, Valdir Machado
metadata.dc.contributor.referee1: Sousa, Edileusa Godói de
metadata.dc.contributor.referee2: Davel, Eduardo Paes Barreto
metadata.dc.description.resumo: Encontramos no Brasil a realidade do pluralismo religioso. A partir do final do século XIX, o cenário religioso do país se tornou mais diversificado com o processo (ainda corrente) de aceitação e legitimação de diferentes religiões. Nesse mesmo período, o Terceiro Setor se desenvolveu de maneira mais acentuada, até assumir a forma atual: complexa, ampla e também plural. Nesse contexto, se encontram as organizações sem fins lucrativos que prestam serviços sob uma orientação religiosa. Uma em particular, situada na cidade de Uberlândia- MG, atua sob uma filosofia protestante, tem ares de empresa de grande porte e é hoje a maior em número de colaboradores dentre as entidades que prestam serviços socioassistenciais e recebem subvenção pública: a Missão Luz. Ao pensar na organização, algumas perguntas surgiram: há influência perceptível da orientação religiosa nas práticas? Como os gestores da organização compreendem suas ações e atribuem sentido às suas práticas? Adotando o conceito de modo de gestão de Chanlat (1996), o olhar proposto nos Estudos Baseados em Prática (GHERARDI, 2013) e nos estudos sobre sensemaking (WEICK, 1995), realizei uma pesquisa tendo como objetivo compreender as práticas de gestão da Missão Luz. Utilizei três fontes de dados – documentos, observação do tipo shadowing e entrevistas – com o intuito de compreender, de forma mais completa possível, as práticas de gestão da organização, a partir da perspectiva dos seus gestores. Os resultados apontaram para uma perceptível relação entre fé e gestão. Dez práticas foram identificadas entre os gestores: tomar decisões em conselho, prezar pela excelência, respeitar figuras que representam autoridade, dar chances a colaboradores, desejar ser referência, quantificar resultados, buscar a profissionalização, a organização, a formalização e a padronização. As cinco primeiras práticas apresentaram forte influência de princípios religiosos e as cinco últimas a influência da racionalidade instrumental, mais encontrada no Segundo Setor. Foi observado que a fé também está relacionada a essas práticas, justificando-as por sua contribuição ao alcance da excelência e consequente ato de glorificar a Deus. As práticas são mantidas e repassadas dentro da organização pelo cultivo do DNA da Missão, um jeito de fazer as coisas próprias da organização, e pela crença no papel do líder na manutenção deste DNA. Aliado à análise das práticas, foram observados momentos de sensemaking, situações que romperam a ordem e demandaram que gestores criassem sentido e agissem sobre essa compreensão. Essas situações foram divididas em três temas: “vestir a camisa”, mudanças na gestão das escolas e o propósito e a soberania de Deus. O trabalho é encerrado com algumas sugestões para pesquisas futuras.
Abstract: We find in Brazil the reality of religious pluralism. From the end of XIX century until now, the religious scenario became more diversified in a process of acceptance and legitimation of different religions. In the same period, the Third Sector was largely developed up until its current form: complex, broad and plural as well. In this context, we find non profitable organizations that provide services under a religious phylosophy. One in particular, placed in Uberlândia-MG, protestant, has the fearures of a big company and is the largest one among the ones that provide social services and receive public funds in the city: Missão Luz. Thinking about the organization, some questions came to mind: is there a noticeable influence of the religious orientation on practices? How do managers understand and make sense of their practices? Adopting Chanlat’s (1996) concept of management mode, the perspective proposed by the Practice Based Studies (GHERARDI, 2013) and the sensemaking studies (WEICK, 1995), I developed a research that intended to understand Missão Luz’ management practices. Three sources of data were used – documents, shadowing and interviews – to understand, in the most complete way, organization’s management practices, using managers’ perspective. Results pointed to a noticeable relation between faith and management. Ten practices were identified among managers: council decisions, appreciation for excellence, respect for authority figures, giving second chances to employees, desire to be a reference, results quantification, search for professionalization, organization, formalization and standardization. The first five practices were heavily influenced by religious principles, and the five last were influenced by instrumental rationality, usually found in the Second Sector. It was noticed that faith was also related to those last practices, justifying them for their contribution for achieving excellence e consequent action of glorifying God. Practices are maintained e passed by the cultivation of the Mission’s DNA, an organization’s way of doing things, and by the belief of the role of the leader maintaining this DNA. Associated to practices, sensemaking moments were analyzed, situations where there order was disrupted and managers had to make sense e act on this understanding. These situations were divided in three themes: “fly the flag of the company”, changes in schools’ management and God’s purpose and sovereignty. The paper is finished with some suggestions for future researches.
Keywords: Administração
Terceiro setor
Religião
Práticas
Sensemaking
Third Sector
Practices
Religion
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::CIENCIAS SOCIAIS APLICADAS::ADMINISTRACAO
metadata.dc.language: por
metadata.dc.publisher.country: Brasil
Publisher: Universidade Federal de Uberlândia
metadata.dc.publisher.program: Programa de Pós-graduação em Administração
Citation: SILVA, Andrea Ribeiro da. Quando fé e gestão se encontram: compreendendo uma ONG de filosofia protestante sob as lentes da prática e do Sensemaking. 2016. 144 f. Dissertação (Mestrado em Administração) - Universidade Federal de Uberlândia, Uberlândia, 2016.
URI: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/17689
Issue Date: 30-May-2016
Appears in Collections:DISSERTAÇÃO - Administração

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
FeGestaoEncontram.pdfDissertação938.12 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.