Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/17259
metadata.dc.type: Dissertação
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
Title: Investigando a saúde mental de trabalhadores: as relações entre suporte organizacional, satisfação e sentimentos de prazer e sofrimento no trabalho
metadata.dc.creator: Prado, Claudio Gonçalves
metadata.dc.contributor.advisor1: Gomide Junior, Sinésio
metadata.dc.contributor.referee1: Martins, Maria do Carmo Fernandes
metadata.dc.contributor.referee2: Siqueira, Mirlene Maria Matias
metadata.dc.description.resumo: A literatura tem mostrado a importância de estudos relacionados à saúde mental dos trabalhadores, e, recentemente, sobre o bem-estar no trabalho. Assim, esse estudo teve por objetivo testar um modelo que previa a satisfação no trabalho (como indicador de bem-estar no trabalho) como antecedente direto dos sentimentos de prazer e sofrimento enquanto renda, jornada de trabalho e a percepção de suporte organizacional seriam antecedentes indiretos. A amostra foi composta por 224 trabalhadores, vinculados a diversas funções em organizações distintas e que, voluntariamente, participaram do estudo. Para testar o modelo, foram realizadas oito análises de regressão múltipla hierárquica, cujos resultados apontaram o bloco das variáveis referentes às satisfações no trabalho como antecedente direto, enquanto o bloco das variáveis renda, jornada de trabalho e percepção de suporte organizacional se posicionaram como antecedentes indiretos para as quatro variáveis-critério de prazer e sofrimento no trabalho. Tais resultados confirmaram o modelo previsto. A seguir, foram calculadas regressões múltiplas stepwise para verificar os melhores preditores das variáveis-critério de prazer e sofrimento no trabalho. Os resultados identificaram que: (1) jornada de trabalho foi eliminada de todos os modelos, enquanto a percepção de suporte organizacional permaneceu como regressor em todas os fatores de satisfação; (2) o fator de prazer realização teve como preditores satisfação com a natureza do trabalho e com o salário, ambos explicados por suporte e renda; (3) o fator de prazer liberdade teve como preditores satisfação com o salário, explicado por suporte e renda, e satisfação com os colegas, com a chefia e com promoção, explicados apenas por suporte; (4) o fator de sofrimento desvalorização teve como preditores satisfação com a natureza do trabalho e com o salário, ambos explicados por suporte e renda, e com os colegas, explicado por suporte; (5) o fator de sofrimento desgaste teve como preditores satisfação com a natureza do trabalho e com o salário, ambos explicados por suporte e renda, e com os colegas e chefia, explicados apenas por suporte. Esses resultados foram apresentados, considerando o impacto das variáveis sóciodemográficas e psicológicas na explicação dos sentimentos de prazer e sofrimento no trabalho. Na discussão e conclusão, foram feitas sugestões, considerando a importância do tema de pesquisa.
Abstract: Literature has shown the importance of the studies concerning the mental health of workers, and, recently, about well-being at work. So, this study has the objective to test a model which predicted the job satisfaction (as indicator of work well-being) as direct antecedent of feelings of pleasure and suffering at work, while pay, day s work and a perceived organizational support were indirect antecedents. The sample was composed by 224 workers, entailed to several incumbents in different organizations, who participated of the research in a voluntary way. To test the model, eight sequential enter regression analysis were used. The results indicated the block of variables concerning job satisfaction was in a position of direct antecedent, while the block of variables pay, day s work and perceived organizational support was in a position of indirect antecedent for the four dependent variables of pleasure and suffering at work. These results confirmed the predicted model. Next, stepwise regression analysis were calculated to verify the best predictors of the dependent variables of pleasure an suffering at work. The results identified: (1) day s work was eliminated of all the models, while perceived organizational support remained as regressioner in all factors of job satisfaction; (2) the pleasure s factor accomplishment has as predictors work s way and pay satisfaction, both were explained by support and pay; (3) the pleasure s factor liberty was as predictors pay s satisfaction, explained by support and pay, and co-workers, boss and promotion satisfaction, explained just by support; (4) the suffering s factor devaluation was as predictors work s way and pay satisfaction, both explained by support and pay, and co-workers satisfaction by support; (5) the suffering s factor wearing was as predictors work s way and pay satisfaction, both explained by support and pay, and co-workers and boss satisfaction by support. These results were showned, considering the impact of sociodemographics and psychological variables on the explanation of feelings of pleasure and suffering at work. In discussion and conclusion, sugestions were made with all importance of research.
Keywords: Trabalho - Aspectos psicológicos
Psicologia industrial
Recursos humanos
Prazer e sofrimento no trabalho
Bem-estar no trabalho
Satisfação no trabalho
Percepção de suporte organizacional
Pleasure and suffering at work
Well-being in work
Job satisfaction
Perceived organizational support
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::CIENCIAS HUMANAS::PSICOLOGIA
metadata.dc.language: por
metadata.dc.publisher.country: BR
Publisher: Universidade Federal de Uberlândia
metadata.dc.publisher.initials: UFU
metadata.dc.publisher.department: Ciências Humanas
metadata.dc.publisher.program: Programa de Pós-graduação em Psicologia
Citation: PRADO, Claudio Gonçalves. Investigando a saúde mental de trabalhadores: as relações entre suporte organizacional, satisfação e sentimentos de prazer e sofrimento no trabalho. 2005. 63 f. Dissertação (Mestrado em Ciências Humanas) - Universidade Federal de Uberlândia, Uberlândia, 2005.
URI: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/17259
Issue Date: 3-Jun-2005
Appears in Collections:DISSERTAÇÃO - Psicologia

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
CPradoDISSPRT.pdf427.43 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.