Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/17240
metadata.dc.type: Dissertação
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
Title: O psicólogo escolar na rede municipal das regiões sul e sudoeste de Goiás : concepções teóricas, práticas e desafios
Other Titles: The scholar psychologist in the municipal chain of the south and southwest regions of Goiás: theoretical and practical conceptions and challenges
metadata.dc.creator: Naves, Renata Magalhães
metadata.dc.contributor.advisor1: Silva, Sílvia Maria Cintra da
metadata.dc.contributor.referee1: Peretta, Anabela Almeida Costa e Santos
metadata.dc.contributor.referee2: Facci, Marilda Gonçalves Dias
metadata.dc.description.resumo: Entre os anos de 2007 e 2010, uma pesquisa interinstitucional foi desenvolvida em sete estados brasileiros, com o objetivo mapear os serviços de Psicologia Escolar nas Secretarias de Educação e delinear os perfis dos psicólogos e de suas modalidades de atuação, identificando as concepções que respaldavam suas práticas e em que medida demonstravam estar em sintonia com as discussões recentes da área. Como naquela ocasião o Estado de Goiás não participara do estudo, decidimos utilizar os mesmos procedimentos metodológicos, questionários e entrevistas, para investigar duas regiões deste estado: Sul e Sudoeste. Nessas regiões, encontramos 18 psicólogas atuando nas Secretarias de Educação de 12 dos 50 municípios pesquisados. A investigação, de cunho quantitativo e qualitativo, envolveu inicialmente a aplicação de um questionário, em que levantamos informações sobre o profissional psicólogo: cargo, formação, público-alvo, modalidades de atuação e embasamento teórico, dentre outros aspectos. A análise dos questionários, realizada com auxílio do Excel, revelou a existência de alguns indicativos de atuação das psicólogas em uma perspectiva crítica em Psicologia Escolar e constatamos que, das 16 participantes, sete atuam embasadas em um modelo clínico, sete apresentaram indícios de um discurso marcado por elementos críticos e não críticos e duas evidenciaram elementos de um discurso crítico. Na etapa seguinte foram realizadas entrevistas com as duas psicólogas que demonstraram uma visão crítica, visando aprofundar as respostas a quesitos como público-alvo, modalidades e projetos de atuação e fundamentação teórica. Constatamos o empenho das profissionais em implantar ações que não sejam voltadas ao modelo clínico de atuação, já que ambas estão implementando e estruturando os serviços em Psicologia Escolar nos respectivos municípios, o que consideramos um sinal de que avanços estão acontecendo no âmbito da Psicologia Escolar na região investigada. Suas estratégias de atuação abrangem gestores, coordenadores e professores das escolas, explicações sobre as novas concepções em Psicologia Escolar e propostas de trabalho com todos os envolvidos no contexto educacional (pais, alunos, professores, gestores), a partir das queixas escolares apresentadas. A pesquisa permitiu observar que as práticas relatadas movimentam-se em um continuum, que vai desde ações tradicionais, em uma intervenção focada no estudante, até ações coerentes com a Psicologia Escolar crítica. A investigação do trabalho dos psicólogos que atuam na educação pública dos municípios pesquisados auxilia-nos a refletir tanto sobre a formação inicial desses profissionais como sobre a formação continuada a que têm acesso. Destacamos o relevante papel da universidade em tal processo, no sentido de fornecer os elementos teórico-práticos para uma intervenção na realidade que se paute pela profundidade, pela crítica e pelo compromisso ético e político com a população brasileira e com a própria profissão. A insuficiente inserção de psicólogos no cenário educacional das cidades das regiões pesquisadas pode estar atrelada à ausência de uma legislação que regulamente a sua presença no âmbito da escola pública.
Abstract: Between 2007 and 2010, an interinstitutional research was developed in seven Brazilian states, aiming to track the Scholar Psychology Services in Education Secretaries and outline the profiles of the psychologists and their modalities of services, identifying the conceptions that supported their practices and in which way they showed synchrony with recent discussions in the area. As in that occasion the State of Goiás did not take part of the study, we decided to use the same methodologic procedures, questionnaires and interviews, to investigate two regions of this state: South and Southwest. In these regions, we found 18 psychologists acting in Education Secretaries of 12 from 50 municipalities researched. The investigation, quantitative and qualitative, initially involved the application of a questionnaire, in which we raised information about the psychologist as a professional: role, graduation, target audience, modalities of services and theoretical foundation, among other aspects. The analysis of questionnaires, made with help from Excel, revealed the existence of some indicatives of performance of the psychologists on a critical perspective in Scholar Psychology. We found that, from the 16 participants, seven act based on a clinical model, seven showed evidences of a speech characterized by critical and non-critical elements and two evidenced elements of a critical speech. On the next step, interviews were made with the two psychologists, who showed a critical view, aiming deepen the answers, inquiring target audience, modalities and projects of acting and theoretical foundation. We determined the effort of the professionals in implanting actions that are not focused on the clinical pattern of performing, once that both are implementing and structuring the services in Scholar Psychology in their municipalities, something we consider a signal that advances are happening under Scholar Psychology in the studied region. Their strategies of acting cover managers, coordinators and teachers from schools, explanations about the new conceptions in Scholar Psychology and work proposals with all the evolved in the educational context (parents, students, teachers, managers), from showed school complaints. The research allowed us to observe that the related practices move in a continuum, which goes since traditional actions, in an intervention focused on the student, until consistent actions in critical Scholar Psychology. The investigation of the psychologists work who act in public education of the researched municipalities help us to think over the initial formation of these professionals as to the continuous formation they get hold of. We highlight the importance role of university in such process, in the sense of providing the theoretical-practical elements to an intervention in a reality based on depth, critic and ethic and political commitment with the Brazilian population and with their own profession. The deficient insertion of psychologists in the educational scenery of the cities and regions researched can be connected to the absence of a legislation that regulates their presence in the sphere of public school.
Keywords: Psicologia escolar
Atuação do psicólogo
Rede pública de educação
Scholar psychology
Psychologist acting
Public chain of education
Psicólogos escolares - Prática
Psicologia educacional
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::CIENCIAS HUMANAS::PSICOLOGIA
metadata.dc.language: por
metadata.dc.publisher.country: BR
Publisher: Universidade Federal de Uberlândia
metadata.dc.publisher.initials: UFU
metadata.dc.publisher.department: Ciências Humanas
metadata.dc.publisher.program: Programa de Pós-graduação em Psicologia
Citation: NAVES, Renata Magalhães. The scholar psychologist in the municipal chain of the south and southwest regions of Goiás: theoretical and practical conceptions and challenges. 2015. 131 f. Dissertação (Mestrado em Ciências Humanas) - Universidade Federal de Uberlândia, Uberlândia, 2015.
URI: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/17240
Issue Date: 19-Feb-2015
Appears in Collections:DISSERTAÇÃO - Psicologia

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
PsicologoEscolarRede.pdf2.15 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.