Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/17184
metadata.dc.type: Dissertação
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
Title: As percepções de comportamentos éticos e de justiça: seus impactos no elo afetivo indivíduo-organização
metadata.dc.creator: Sousa, Werusca Marques Virote de
metadata.dc.contributor.advisor1: Gomide Junior, Sinésio
metadata.dc.contributor.referee1: Martins, Maria do Carmo Fernandes
metadata.dc.contributor.referee2: Siqueira, Mirlene Maria Matias
metadata.dc.description.resumo: O estudo das percepções de justiça e do comprometimento vem, ao longo das últimas décadas, ocupando lugar de destaque entre as pesquisas sobre o comportamento organizacional. Embora, a literatura sobre percepções de ética relacionadas a esses construtos seja escassa a questão apresenta-se como uma grande preocupação teórica e prática. O presente estudo teve por objetivo testar a pertinência de um modelo de investigação que propõe, como variáveis independentes; as percepções de comportamentos éticos organizacionais e as percepções de justiça nas organizações e como variável critério, o comprometimento organizacional afetivo. Outra proposta do estudo foi buscar alternativas para o estudo da ética e caminhos para o início da construção de uma arcabouço teórico e ainda, buscar correlações possíveis entre as variáveis do modelo. O estudo contou com a participação de 289 trabalhadores de diferentes cidades do estado de Minas Gerais e diversos ramos de atividade. Os instrumentos utilizados foram: a escala de percepção de justiça organizacional: procedimentos, interacional e distributiva; escala de percepção de comportamentos éticos organizacionais e a escala reduzida de comprometimento organizacional afetivo. Foram encontradas correlações fortes, significativas e positivas entre as variáveis independentes e a variável critério. Na testagem do modelo foram buscados os melhores preditores do vínculo afetivo por meio de uma regressão múltipla stepwise , cujos resultados mostraram que o comprometimento afetivo foi determinado pela percepção de valores culturais éticos, pela justiça nas interações e pela percepção de justiça nas distribuições das recompensas. As limitações metodológicas e os resultados formam discutidos à luz da teoria existente, assim como foram apresentadas contribuições no que se refere ao estudo da ética, sob o olhar dos membros organizacionais. Finalmente, uma agenda de pesquisa foi sugerida com tópicos que versam sobre o relacionamento do construto percepção de comportamentos éticos organizacionais com indicadores de desempenho organizacional, enfatizando as possíveis relações entre as três variáveis estudadas: comprometimento organizacional afetivo, percepção de comportamentos éticos organizacionais e percepção de justiça.
Abstract: The study of the perceptions of justice and commitment has been taking place on the researchs of the organizacional behavior in the last decades. On the other hand literature on the perceptions of ethics related to these construtos is scarce and constitutes a great concern. The present study relates these three variables, searching correlations between them and detaching the contribution of the perception of organizacional ethical behaviors in the establishment of affective bonds with the organization. The sample was composed by 289, from different cities of the state of Minas Gerais and diverse branches of activity. The used instruments had been: The scale of perception of organizacional justice: justice of procedures, distributive and interacional; scale of perceptions of organizacional ethical behaviors and the reduced scale of affective organizacional commitment. Significant and positive correlations had been found between the independent variables and the dependent variables. In the test of the model good predictors of affective bond had been found from a regression multiple stepwise. The results show that of the variance of the affective commitment was determined by the perception of ethical values cultural, the perception of justice in the interactions and the perception of justice in the distributions. The model explained of the variance of the affective organizacional comprometimento. The methodologies limitations and the results had been argued under the existing theory as well as had been presented excellent contributions for the study of the ethics, under the perception of the organizacional members. Finally, a research agenda was suggested with topics that turn on the relationship of the construto perception of organizacional ethical behaviors with pointers of organizacional performance.
Keywords: Trabalho - Aspectos psicológicos
Psicologia industrial
Cultura organizacional
Percepção de justiça
Percepção de comportamentos éticos organizacionais
Comprometimento organizacional afetivo
Perception of justice
Perception of organizacional ethical behaviors
Affective organizacional commitment
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::CIENCIAS HUMANAS::PSICOLOGIA
metadata.dc.language: por
metadata.dc.publisher.country: BR
Publisher: Universidade Federal de Uberlândia
metadata.dc.publisher.initials: UFU
metadata.dc.publisher.department: Ciências Humanas
metadata.dc.publisher.program: Programa de Pós-graduação em Psicologia
Citation: SOUSA, Werusca Marques Virote de. As percepções de comportamentos éticos e de justiça: seus impactos no elo afetivo indivíduo-organização. 2005. 94 f. Dissertação (Mestrado em Ciências Humanas) - Universidade Federal de Uberlândia, Uberlândia, 2005.
URI: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/17184
Issue Date: 3-Jun-2005
Appears in Collections:DISSERTAÇÃO - Psicologia

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
WsouzaDISSPRT.pdf504.42 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.