Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/17178
metadata.dc.type: Dissertação
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
Title: Trânsitos da clínica do acompanhamento terapêutico (AT): da via histórica à cotidiana
metadata.dc.creator: Alvarenga, Cérise
metadata.dc.contributor.advisor1: Paravidini, João Luiz Leitão
metadata.dc.contributor.referee1: Andriolo, Arley
metadata.dc.contributor.referee2: Romera, Maria Lucia Castilho
metadata.dc.description.resumo: Este trabalho retrata as diferentes vias , histórica e cotidiana, habitadas pela pesquisadora ao se propor a investigar as transformações da clínica do AT Acompanhamento Terapêutico desde o seu surgimento, para pensar o lugar ocupado pela mesma no universo das práticas psi. Nesse itinerário trabalhou-se com a pesquisa bibliográfica e a pesquisa de campo, sendo que o instrumento utilizado na última foi a entrevista aberta. Através da constituição histórica do desenvolvimento dessa clínica e dos relatos dos ats acompanhantes terapêuticos a respeito de suas práticas, emergiram temas que foram trabalhados a partir do método interpretativo psicanalítico. Alicerçando-se na concepção deste método, colocou-se em exercício a escuta dos sentidos advindos dos campos relacionais habitados pela pesquisadora nas diferentes vias. Das relações do at com outras instâncias sociais: paciente, famílias, instituições, outros profissionais, alguns sentidos se colocaram em movimento. Observou-se que, em meio ao fazer quotidiano do AT, cuja clínica preconiza a idéia de interdisciplinaridade, de uma interação entre diferentes profissionais sem que se estabeleça uma relação hierarquizada, se faz presente um fazer clínico atravessado pela hierarquização e demarcação de saberes por parte dos especialistas. Diferente da ética predominantemente enfatizada na clínica do AT, que prima por uma postura nômade que investe experimentalmente em teorias e práticas, o fazer dos ats e a literatura disponível sobre o mesmo apresentam-se habitadas por diferentes posturas que parecem veicular outras éticas, como a da tutela, da interlocução e da reabilitação psicossocial. A clínica do AT, tendo sido constituída em meio aos saberes psi, psiquiatria, psicanálise, psicologia, por um lado veicula em seu fazer diferentes modos de subjetivação, herdando diferentes valores ou éticas que atravessam tais fazeres, reproduzindo-os; por outro, informa e reivindica a necessidade de se construir um fazer clínico comprometido com a complexidade e o dinamismo a que tais saberes estão submetidos. Esta investigação acaba por reconhecer a necessidade da clínica do AT encontrar estratégias que dêem passagem para a invenção de saberes-fazeres, reconciliando-a com as características "fronteiriça" e itinerante que a identificam.
Abstract: This research has aimed to investigate the place/position occupied by the Therapeutical Accompaniment clinic concerning the psycho-social practices. Field and bibliography research were carried out, having used open interview as instrument and interpretation psychoanalysis as methodology. The results to this work show that the practice of Therapeutical Accompaniment clinic is accompanied by hierarchical relationships and specialized knowledge.This practice is based not only on an erratic and experimental ethic, but also on one of tutelage, inter-dialogue and social reheabilitation. Because this clinic began in the midst of the psycho practices ( psychiatry, psychoanalysis, psychology) it reproduces its values and ethics as well as allows reflections on the necessity of building-up practices that take into consideration its complexity and dynamism.In conclusion, Therapeutical Accompaniment needs strategies that allow the invention/creation of new knowledge and practice to consider its erratic and experimental; qualities by which it is strongly identified with.
Keywords: Psicologia
Acompanhamento terapêutico
Clínica
Psychology
Therapeutical accompaniment
Clinic
Psicologia aplicada
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::CIENCIAS HUMANAS::PSICOLOGIA
metadata.dc.language: por
metadata.dc.publisher.country: BR
Publisher: Universidade Federal de Uberlândia
metadata.dc.publisher.initials: UFU
metadata.dc.publisher.department: Ciências Humanas
metadata.dc.publisher.program: Programa de Pós-graduação em Psicologia
Citation: ALVARENGA, Cérise. Trânsitos da clínica do acompanhamento terapêutico (AT): da via histórica à cotidiana. 2006. 147 f. Dissertação (Mestrado em Ciências Humanas) - Universidade Federal de Uberlândia, Uberlândia, 2006.
URI: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/17178
Issue Date: 1-Apr-2006
Appears in Collections:DISSERTAÇÃO - Psicologia

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
CAlvarengaDISSPRT.pdf893.88 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.