Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/17167
metadata.dc.type: Dissertação
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
Title: Esquizofrenia: cuidando de possibilidades
metadata.dc.creator: Naves, Rosa Eliza Zago
metadata.dc.contributor.advisor1: Paravidini, João Luiz Leitão
metadata.dc.contributor.referee1: Neves, Anamaria Silva
metadata.dc.contributor.referee2: Kyrillos Neto, Fuad
metadata.dc.contributor.referee3: Naves, Emilse Terezinha
metadata.dc.description.resumo: Os cuidados dispensados a pacientes esquizofrênicos, considerando a peculiaridade de sua linguagem, buscam, nesta pesquisa, responder a uma demanda institucional de resgate da cidadania e promover a clínica como possibilidade de tratamento a esses pacientes. A articulação entre teoria e clínica psicanalítica por meio da estratégia metodológica da construção de casos clínicos é pensada, neste trabalho, como modo de cuidado oferecido a esses pacientes esquizofrênicos, em um serviço público de saúde mental. Este trabalho tem como objetivo expor, por meio da narrativa de três casos clínicos, a construção dessa prática clínica viabilizando os cuidados dispensados a esses pacientes. De modo específico, o material de linguagem abordado são produções do grupo Solta a Língua , formado por pacientes esquizofrênicos, acompanhados em uma instituição pública de saúde da cidade de Uberlândia - MG. Com base na escuta psicanalítica, pode-se sustentar o lugar na transferência enquanto parceria com o paciente na construção de um saber. Para isso, o trabalho está fundamentado na teoria da representação em Freud articulada às contribuições da clínica psicanalítica contemporânea. Ainda, dentro da discussão de casos, fez-se um entrelaçamento com a política de saúde mental da cidade de Uberlândia (MG). Nessa lógica, buscou-se pontos que precisam ser revistos dentro dessa política e também aqueles pontos que se aproximam da clínica psicanalítica, deixando entrever os alcances e limites deste estudo. Nesse contexto de trabalho, foi possível reconhecer a importância da escuta cuidadosa na clínica das esquizofrenias em relação ao processo de transferência, sabendo da torção que esses pacientes sofrem no que concernem à sua linguagem por parte daqueles que estão na posição de escutá-los.
Abstract: This research look to the care of schizophrenic patients, considering the peculiarity of his language, responding to an institutional demand for recovery of citizenship and to promote the clinic as a possible treatment for these patients. The relationship between practical psychoanalysis and its theory by means of a methodological strategy through the construction of clinical cases was designed, in this work, as a mode of care offered to these patients with schizophrenia in a public service. This work aims to expose, through the narrative of three cases, the construction of this clinical practice enabling the care of these patients. Specifically, the material of language production are discussed in the group \"Solta a Língua\", comprised of schizophrenic patients, followed for a public health institution in the city of Uberlândia - MG. Based on psychoanalytic listening, may hold the place in the transfer as a partnership with the patient in the construction of knowledge. For this, the work is backgrounded on representation theory articulated in Freud\'s contributions to contemporary psychoanalytic practice. Still, in the discussion of cases, it was an intermingling with mental health policy of the city of Uberlândia (MG). Following this logic, we sought points that need to be reviewed within this policy and also those points that are close to the psychoanalytic clinic, leaving a glimpse of the scope and limitations of this study. In this context of work, it was possible to recognize the importance of careful listening in the clinic of schizophrenia in relation to the transfer process, knowing the twist that these patients suffer in their language that concern by those who are in a position to listen to them.
Keywords: Representação
Escuta psicanalítica
Transferência
Saúde mental
Schizophrenia
Representation
Psychoanalytic listening
Transfer
Mental health
Intersubjetividade
Esquizofrenia
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::CIENCIAS HUMANAS::PSICOLOGIA
metadata.dc.language: por
metadata.dc.publisher.country: BR
Publisher: Universidade Federal de Uberlândia
metadata.dc.publisher.initials: UFU
metadata.dc.publisher.department: Ciências Humanas
metadata.dc.publisher.program: Programa de Pós-graduação em Psicologia
Citation: NAVES, Rosa Eliza Zago. Esquizofrenia: cuidando de possibilidades. 2012. 115 f. Dissertação (Mestrado em Ciências Humanas) - Universidade Federal de Uberlândia, Uberlândia, 2012.
URI: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/17167
Issue Date: 22-Oct-2012
Appears in Collections:DISSERTAÇÃO - Psicologia

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
d.pdf920.88 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.