Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/17163
metadata.dc.type: Dissertação
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
Title: Sentidos sobre ética em conversas profissionais: perspectivas discursivas
Other Titles: The meanings of ethics in professional conversations: discursive perspectives
metadata.dc.creator: Jesus, Mário José Bertini Silva de
metadata.dc.contributor.advisor1: Rasera, Emerson Fernando
metadata.dc.contributor.referee1: Resende, Paula Cristina Medeiros
metadata.dc.contributor.referee2: Lorenzi, Carla Guanaes
metadata.dc.contributor.referee3: Souza, Laura Vilela
metadata.dc.description.resumo: Os questionamentos sobre a ação humana, a busca de definições sobre o certo e o errado, o bom e o mau, e a investigação sobre qual poderia ser a melhor conduta para situações específicas do nosso cotidiano, têm sido elaboradas há muito tempo, por inúmeros autores, das mais variadas escolas filosóficas, em tempos históricos e condições sociais distintas. Todos esses questionamentos são reconhecidos como pertencentes ao campo da Ética. Como resultado dessa prolífica área de estudos temos posições teórico-conceituais distintas, cobrindo um amplo espectro de ideais de conduta. O presente estudo, inspirado pelas perspectivas pós-modernas expressas pelo Construcionismo Social, de maneira geral, e na Psicologia Discursiva mais especificamente, buscou descrever os sentidos de ética que organizam as conversas profissionais, de psicólogos que realizam práticas grupais, com o intuito de contribuir com a reflexão ética no contexto das práticas grupais em Psicologia. Participaram desse estudo 10 psicólogos coordenadores de grupo que atuam na cidade de Uberlândia MG, com idades entre 23 e 49 anos. A constituição do corpus realizou-se por meio das transcrições das conversas de encontros grupais com psicólogos que realizam práticas grupais em diferentes áreas de atuação. Foram realizados dois grupos, compostos de cinco participantes, cada um com cinco encontros quinzenais de 2h de duração, tendo como objetivo oferecer aos psicólogos um espaço de troca e reflexão sobre as questões éticas no trabalho com grupos. A análise do material foi realizada de acordo com as propostas de análise do discurso, influenciadas pela perspectiva do Construcionismo Social, tal como compreendida e posta em prática pela Psicologia Discursiva, especialmente, utilizando do recurso teórico-analítico dos repertórios interpretativos. A análise discursiva realizada possibilitou identificar cinco repertórios interpretativos básicos: Ética: resultado de deliberação individual , caracterizado por descrições do processo e do conteúdo da ética como centrados em um momento específico, situado dentro do individuo; Ética: algo que nos é dado pelos Outros caracterizando a fonte ética como fora dos indivíduos, independe de sua vontade; Ética: tema difícil em que descrições são utilizadas para se referir à dificuldade de se refletir sobre o fenômeno ético; Ética evento crítico perturbador da ordem é constituído por termos que descrevem situações específicas em que o tema ética tem como referência a metáfora da guerra; Ética questão frequente de valor absoluto marcado pela metáfora da uniformidade, em que os eventos são todos semelhantes e todos são atravessados pela temática ética e não podem ser diferenciados a partir da intensidade. Esse estudo possibilitou uma reflexão sobre os pressupostos epistemológicos que guiam de maneira mais ampla a construção desses repertórios, demarcando os três primeiros na esfera do dualismo sujeito-objeto e os dois últimos sintonizados com a reflexão sobre a situacionalidade social e histórica das definições sobre os sentidos das ações éticas. Assim, esse estudo procurou destacar a importância de refletir sobre o projeto de conversas sobre Ética profissional focando em modos de estar juntos e produzir sentidos que sejam mais sensíveis às questões de inserção social/histórica dos agentes profissionais, da própria profissão e dos grupos populacionais atendidos pelos profissionais de saúde.
Abstract: The questionings about the human action, the search for definitions of right and wrong, good and bad, and the investigation into the best behavior for specific situations of our everyday lives have been made for a long time by innumerous authors of various philosophies, history times and different social conditions. All these questionings are acknowledged as belonging to the Ethics field. As a result of this prolific area of studies, there are different theoretical and conceptual positions covering a broad spectrum of ideals of behavior. The present study, inspired by the post-modern perspectives expressed by the Social Constructionism in a general way, and more specifically by the Discursive Psychology, tried to describe the meanings of ethics that organize the conversations of professional psychologists that conduct group practices in order to contribute to the ethical reflection in the context of group practices in Psychology. Ten psychologists who coordinate groups in Uberlândia-MG, whose ages range between 23 and 49 years-old, took part in this study. The corpus constitution was made through the transcription of conversations of group meetings with psychologists who conduct these group practices in different areas. There were two groups of five participants; each group got together five times at every two weeks in a two-hour meeting. Their objective was to provide the psychologists with a space for exchange and reflection on the ethical issues of working in groups. The material analysis was made according to the proposals of the discourse analysis influenced by the perspective of Social Constructionism as it is understood and practiced by Discursive Psychology, especially using the analytic-theoretical feature of interpretative repertoires. The discursive analysis performed enabled the identification of five basic interpretative repertoires: Ethics: a result of individual deliberation , which is characterized by descriptions of the process and content of ethics centered at a specific time, located within the individual; \"Ethics: something given to us by Others\", which characterized the source of ethics as being outside the individuals, regardless of their will; \"Ethics: difficult subject\" in which descriptions are used to refer to the difficulty of reflecting about the ethical phenomenon;\"Ethics - critical event disturbing the order \", which consists of terms that describe specific situations in which the theme of ethics has the war metaphor as reference; Ethics frequent issue of absolute value\", which is marked by the metaphor of sameness, in which events are all similar and have the same theme_ Ethics_ and cannot be differentiated by intensity. This study enabled a reflection on the epistemological assumptions that guide the construction of these repertoires in a broader way, delineating the first three in the sphere of subject-object dualism and the last two tuned in the reflection on the social and historical situation of the definitions of the meanings of ethical actions. Thereby, this study tried to emphasize the importance of thinking about the project of conversations about professional Ethics focusing on ways of being together and producing meanings that are more sensitive to the issues of social and historical insertion of the professional agents, their own profession and the groups served by the health professionals.
Keywords: Ética
Psicologia de grupos
Psicologia discursiva
Ethics
Group psychology
Discursive psychology
Psicologia aplicada
Psicologia discursiva
Psicólogos - Ética profissional
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::CIENCIAS HUMANAS::PSICOLOGIA
metadata.dc.language: por
metadata.dc.publisher.country: BR
Publisher: Universidade Federal de Uberlândia
metadata.dc.publisher.initials: UFU
metadata.dc.publisher.department: Ciências Humanas
metadata.dc.publisher.program: Programa de Pós-graduação em Psicologia
Citation: JESUS, Mário José Bertini Silva de. The meanings of ethics in professional conversations: discursive perspectives. 2012. 167 f. Dissertação (Mestrado em Ciências Humanas) - Universidade Federal de Uberlândia, Uberlândia, 2012.
URI: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/17163
Issue Date: 2-Jul-2012
Appears in Collections:DISSERTAÇÃO - Psicologia

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
d.pdf1.03 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.