Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/17119
Document type: Dissertação
Access type: Acesso Aberto
Title: Estudo das falsas memórias no Teste Pictórico de Memória (TEPIC-M)
Author: Machado, Fernanda
First Advisor: Lopes, Ederaldo Jose
First member of the Committee: Lopes, Renata Ferrarez Fernandes
Second member of the Committee: Neufeld, Carmem Beatriz
Summary: O estudo da memória, há tempos, tem despertado curiosidade e fascinação, sendo um tema importante não somente para a Psicologia, como também para outras áreas do conhecimento, como a Filosofia, História, Neurologia, Fisiologia entre outras. As atividades realizadas no nosso cotidiano não são registradas pela nossa memória tal como aconteceram. Nós interpretamos os eventos vividos através de nossos próprios esquemas, percepções, pensamentos e reações. Tudo o que vivemos exerce grande influência naquilo que lembramos, podendo distorcer o processo de codificação, armazenamento e recuperação daquelas informações, criando lembranças de fatos que nunca ocorreram ou criando distorções de fatos ocorridos. Este fenômeno é chamado de falsas memórias, e podemos defini-las como recordações que as pessoas têm de fatos ou eventos que na verdade nunca ocorreram, ilusões ou distorções de fatos ocorridos. O presente trabalho trata-se de um estudo sobre a ocorrência de falsas memórias no teste pictórico de memória TEPIC-M, e teve por objetivo manipular a variável tempo em três grupos distintos (G1 tempo exposição (TE) 1 min, G2 TE 3 min e G3 TE 5 min) a fim de perceber se esta variável exerce influência no aparecimento de falsas memórias. Participaram desta pesquisa 273 participantes, sendo 113 do sexo masculino e 160 do sexo feminino. As aplicações foram realizadas coletivamente nas salas de aula, em turmas de cursos escolhidos por conveniência. Os resultados deste estudo mostraram que houve uma diminuição significativa da percentagem de respostas falsas considerando os tempos de exposição de G1 para os tempos de G2 ou G3, porém, não houve diferença significativa entre os tempos de exposição G2 e G3. Os resultados foram discutidos em termos das principais teorias e achados sobre falsas memórias, teoria da capacidade da memória de curto prazo e a teoria do código duplo.
Abstract: The study of memory, for some time, has aroused curiosity and fascination, as an important issue not only for Psychology, but also for other areas of knowledge, such as Philosophy, History, Neurology, Physiology, among others. The activities performed in everyday life are not recorded by our memory as happened. We interpret the events experienced through our own schemes, perceptions, thoughts and reactions. All that we live greatly influences what we remember and can distort the processes of encoding, storing and retrieving that information, creating memories of events that never occurred, or creating distortions on occurred facts. This phenomenon is called false memories, and we define them as memories that people have of facts or events that never actually occurred, illusions or distortions of occurred facts. The present work is a study on the occurrence of false memories in the pictorial recognition memory test (Teste Pictórico de Memória - TEPIC-M), and aimed to manipulate the time variable into three groups (G1-time exposure (TE) 1 min, G2 TE 3 min and G3 TE 5 min) in order to understand whether this variable influences the appearance of false memories. The study gathered 273 college students, 113 males and 160 females. The applications were made collectively in the classrooms, in groups of randomly selected courses. The results of this study showed a significant decrease in the percentage of false answers given the exposure times of G1 to G2 or G3, but no significant difference between exposure times G2 and G3 was found. The results were discussed in terms of the main theories and findings on false memories, theory of the capacity of short-term memory and dual coding theory.
Keywords: Teste pictórico de memória
Falsas memórias
Memória de curto prazo
Pictorial memory test
False memory
Short-term memory
Memória
Area (s) of CNPq: CNPQ::CIENCIAS HUMANAS::PSICOLOGIA
Language: por
Country: BR
Publisher: Universidade Federal de Uberlândia
Institution Acronym: UFU
Department: Ciências Humanas
Program: Programa de Pós-graduação em Psicologia
Quote: MACHADO, Fernanda. Estudo das falsas memórias no Teste Pictórico de Memória (TEPIC-M). 2010. 81 f. Dissertação (Mestrado em Ciências Humanas) - Universidade Federal de Uberlândia, Uberlândia, 2010.
URI: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/17119
Date of defense: 5-Nov-2010
Appears in Collections:DISSERTAÇÃO - Psicologia

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Diss Fernanda.pdf1.41 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.