Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/16954
Document type: Dissertação
Access type: Acesso Aberto
Title: Avaliação da estabilidade de implantes dentários em intervalos precoces após a implantação in vivo : estudo experimental em cães
Alternate title (s): Determination of the Implant Stability Gap at Early Implantation Times In Vivo: An Experimental Study in Dogs
Author: Gomes, Júlio Bisinotto
First Advisor: Zanetta-Barbosa, Darceny
First member of the Committee: Neves, Flávio Domingues das
Second member of the Committee: Coelho, Paulo Guilherme
Third member of the Committee: Castro, Wagner Henriques de
Summary: É aceito que os implantes dentários são mecanicamente estáveis durante e imediatamente após a instalação, porém a remodelação existente entre a superfície o osso e o implante pode diminuir sua estabilidade, que será reestabelecida através da osseointegração. Este estudo teve como objetivo avaliar o grau da estabilidade de implantes dentários e suas alterações em intervalos precoces a sua implantação, utilizando como modelo cães da raça Beagle. O primeiro molar e os quatro pré-molares inferiores de oito cães Beagle foram extraídos e, após um período de oito semanas para a cicatrização do rebordo alveolar, trinta e dois implantes foram instalados bilateralmente (n = 16 para cada grupo) permanecendo por 1 e 3 semanas in vivo. Implantes, com dimensões comparáveis, foram separados nos seguintes grupos: Grupo 1 - Straumann Bone Level com superfície SLActive (Straumann, Suíça), Grupo 2 - Nobel Speedy Replace RP com superfície TiUnite (Nobel Biocare, Suécia). Durante a inserção dos implantes e posteriormente na eutanásia, o torque dos implantes foi aferido para determinar as possíveis alterações na interface osso/implante. Cortes histológicos foram preparados para microscopia óptica para avaliação qualitativa. Análise estatística foi realizada utilizando o teste de Kruskall-Wallis com nível de significância de 95% e o teste post-hoc de Dunn. Os valores de torque de inserção observados foram altos, com uma diminuição significativa em 1 semana in vivo (p = 0,003). Na terceira semana, os níveis de fixação biomecânica aumentaram, e foram comparáveis aos valores do torque obtidos na inserção. Na análise histológica foram observadas remodelação e neoformação em torno da interface dos dois grupos de implantes estudados, com 1 e 3 semanas. Sendo assim, concluiu-se que, após a implantação, a estabilidade biomecânica dos implantes dentários inicialmente diminuiu, e posteriormente aumentou.
Abstract: It is generally accepted that even though dental implants may be mechanically stable during and immediately after placement, interfacial remodeling will decrease its stability before it is reestablished through osseointegration. This study aimed to demostrate the degree of dental implants stability decrease and subsequent increase at early implantation times in a beagle model. The lower premolars and first molar of 8 beagle dogs were extracted and the ridges allowed healing for 8 weeks. Thirty-two (n=16 each group) implants were bilaterally placed, remaining for 1 and 3 weeks in vivo. The implants with comparable dimensions groups were as follows: Group 1- Straumann Bone Level with SLActive surface (Straumann, Switzerland); Group 2- Nobel Speedy Replace RP with TiUnite surface (Nobel Biocare, Sweden). During insertion and following euthanasia, the implants were torqued to determine insertion and interface failure values. Histologic sections were prepared for microscopy. Statistical analysis was performed Kruskall-Wallis at 95% level of significance and Dunn s post hoc test for multiple comparisons. High insertion torque values were observed along with a significant decrease at 1 week in vivo (p=0.003). At 3 weeks the biomechanical fixation levels increased and were comparable to the insertion torque value. Histology showed that interfacial bone remodeling and initial woven bone formation was observed around both implant groups at 1 and 3 weeks. In conclusion, as time elapsed early after implantation, the biomechanical stability of dental implants initially decreased and subsequently increased.
Keywords: Implantes dentários osseointegrados
Biomecânica
Area (s) of CNPq: CNPQ::CIENCIAS DA SAUDE::ODONTOLOGIA
Language: por
Country: BR
Publisher: Universidade Federal de Uberlândia
Institution Acronym: UFU
Department: Ciências da Saúde
Program: Programa de Pós-graduação em Odontologia
Quote: GOMES, Júlio Bisinotto. Determination of the Implant Stability Gap at Early Implantation Times In Vivo: An Experimental Study in Dogs. 2012. 41 f. Dissertação (Mestrado em Ciências da Saúde) - Universidade Federal de Uberlândia, Uberlândia, 2012.
URI: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/16954
Date of defense: 28-Feb-2012
Appears in Collections:DISSERTAÇÃO - Odontologia

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
AvaliacaoEstabilidadeImplantes.pdf2.74 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.