Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/16925
metadata.dc.type: Dissertação
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
Title: Incidência das Agenesias de dentes permanentes na população de Uberlândia - MG
metadata.dc.creator: França, Mayra Maria Coury de
metadata.dc.contributor.advisor1: Durighetto Jr, Antonio Francisco
metadata.dc.contributor.referee1: Ono, Rosana
metadata.dc.contributor.referee2: Perez, Danyel Elias da Cruz
metadata.dc.description.resumo: A agenesia dental é uma das principais anomalias de desenvolvimento dentário pois, apresentam reflexos na estética e na função mastigatória. Este trabalho verificou a prevalência e o comportamento hereditário das agenesias em dentes permanentes na população de Uberlândia - MG, realizado com pacientes selecionados em 9.407 laudos de exames radiográficos de uma clinica de radiologia particular, no período de janeiro de 2006 a dezembro de 2007. Amostra inicial de 254 pessoas foi constituída de 109 homens e 145 mulheres com pelo menos uma agenesia, à exceção dos terceiros molares e mostrou que 2,8% apresentaram agenesias sem predileção ao gênero. As agenesias no arco superior foram representadas pelos incisivos laterais de forma isolada ou de ambos ao mesmo tempo e no inferior pelos segundos prémolares também de forma isolada ou de ambos. As agenesias no arco superior apresentaram predileção ao gênero feminino enquanto que no inferior o gênero masculino foi o mais prevalente. O estudo do comportamento hereditário foi realizado com as famílias de vinte e cinco indivíduos da amostra inicial que responderam por contato telefônico a existência de agenesias em familiares. Desses, dez negaram possuir agenesias e quinze informaram possuí-las em algum membro. As informações permitiram organizar heredogramas individuais que sugeriram padrão hereditário autossômico recessivo, e mostraram que as repetições foram expressivas naqueles que apresentaram agenesias dos laterais superiores tanto única como dos dois ao mesmo tempo. Ainda sugere uma possível estabilidade na herança das agenesias dos incisivos laterais superiores que poderia se constituir como base no estudo de biologia molecular para determinação de marcadores genéticos.
Abstract: Dental agenesis is one of the main anomalies of dental development therefore presents reflections on aesthetics and chewing. This study about the prevalence and hereditary behavior of agenesis of permanent teeth in the population of Uberlandia - MG, conducted with selected patients in 9407 trough radiographic exams of a particular radiological clinic from January 2006 to December 2007.The initial sample had 109 males and 145 females, totalizing 254 patients with at least one agenesis except for third molars, showed that 2,8% had agenesis without gender preference. The agenesis of the upper arch were represented by the lateral incisor isolated or both at the same time and in the lower arch, second premolars also separately or both. The upper agenesis showed predilection for females while the lower arch was the same for both genders. The study of hereditary behavior was conducted with the families of twenty-five patients from the initial sample who answered telephone calls about the presence of agenesis in the family. Ten patients denied and fifteen reported that some member of the family have agenesys and the informations were used to make individual heredrograms that suggested autossomal recessive pattern, showed that the repeats were significant in those who had agenesis of the upper lateral incisors with either one of two at the same time. Still suggests a possible stability in the inheritance of agenesis of maxillary lateral incisors that could be based on the study of molecular biology to determine the genetic markers.
Keywords: Agenesia
Prevalência
Padrão hereditário
Agenesy
Prevalence
Hereditary pattern
Hipodontia - Uberlândia (MG)
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::CIENCIAS DA SAUDE::ODONTOLOGIA
metadata.dc.language: por
metadata.dc.publisher.country: BR
Publisher: Universidade Federal de Uberlândia
metadata.dc.publisher.initials: UFU
metadata.dc.publisher.department: Ciências da Saúde
metadata.dc.publisher.program: Programa de Pós-graduação em Odontologia
Citation: FRANÇA, Mayra Maria Coury de. Incidência das Agenesias de dentes permanentes na população de Uberlândia - MG. 2011. 78 f. Dissertação (Mestrado em Ciências da Saúde) - Universidade Federal de Uberlândia, Uberlândia, 2011.
URI: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/16925
Issue Date: 25-Feb-2011
Appears in Collections:DISSERTAÇÃO - Odontologia

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
diss mayra.pdf981.2 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.