Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/16907
Document type: Dissertação
Access type: Acesso Aberto
Title: Resistência à flexão do conjunto implante/pilar em função da geometria e tipo de superfície do parafuso do pilar
Author: Dantas, Kelly Abadia
First Advisor: Prado, Célio Jesus do
First coorientator: Neves, Flávio Domingues das
First member of the Committee: Gonçalves, Luiz Carlos
Second member of the Committee: Sartori, Ivete Aparecida de Mattias
Summary: A finalidade deste estudo foi analisar a influência da configuração e presença de lubrificante sólido na superfície do parafuso de pilar na resistência à flexão do conjunto implante/pilar/parafuso de pilar. Quarenta pilares do tipo munhão universal foram conectados a implantes com junção hexagonal externa regular 4.1mm por meio de 40 parafusos sextavados, divididos em quatro grupos (n=10): FE (parafuso de titânio fresado com rosca na extremidade), LE (parafuso de titânio com lubrificante sólido e rosca na extremidade), FT (parafuso de titânio fresado com rosca em todo o comprimento) e LT (parafuso de titânio com lubrificante sólido e rosca em todo o seu comprimento). Por meio do ensaio mecânico de flexão, a resistência do sistema implante/pilar foi avaliada, com carga aplicada perpendicularmente ao longo eixo do implante, em máquina de ensaio mecânico (EMIC) sob velocidade de 0,5mm/min. Os dados foram agrupados e submetidos a teste de simetria. Foi empregado teste não paramétrico de Kruskal-wallis (P< 0,05), e em seguida o de Mann-whitney U para verificar entre quais grupos havia diferença. Os resultados demonstraram diferenças estatisticamente significantes entre os grupos FE com os demais, sendo que FE apresentou os mais baixos valores. O grupo LE apresentou resultados estatisticamente superiores ao LT. De acordo com a metodologia empregada nesta pesquisa, pode-se concluir que entre parafusos apenas fresados, o de rosca em toda sua extensão proporcionou maior rigidez ao conjunto, enquanto entre parafusos contendo lubrificante sólido o de roscas em todo seu comprimento proporcionou menor rigidez do conjunto implante/pilar/parafuso que o de roscas apenas na extremidade. Entre os de mesma geometria, os que possuem o lubrificante sólido são estatisticamente superiores aos que não possuem roscas apenas na extremidade, porém aqueles que possuem roscas em toda sua extensão não apresentam diferenças estatisticamente significantes.
Abstract: The purpose of this study was to analyze the influence of the configuration and solid lubricant presence in the screw of pillar in the resistance to the flexão of compatible the Branemark® implantation. Forty pillars of the type universal trunnion had been connected the implantations with regular external hexagonal junction 4.1mm by means of 40 hexagonal screws, divided in four groups (n=10): FE (titanium screw tilted with thread in the extremity), LE (screw of titanium with solid lubricant and thread in the extremity), FT (titanium screw tilted with thread in all the length) and LT (screw of titanium with lubricant and thread in all its length). By means of the mechanical assay of flexão, the resistance of the system has implanted/pillar was evaluated, with load applied perpendicularly to the long axle of the implantation, in machine of mechanical assay (EMIC) under speed of 0,5mm/min. The data had been grouped and submitted the symmetry test. Test distribution free of Kruskal-wallis (P< was used; 0,05), and after that of Mann-whitney U to verify between which groups had difference. The results had statistical demonstrated to significant differences between the groups FE with excessively, being that FE presented the lowest values. Group LE presented statistical resulted better that LT. Ahead of the limitations of this work pose to conclude that it enters screws only tilted, of thread in all its extension provided to greater rigidity of the set, while between screws contends lubricative thread solid in all its length provided to minor rigidity of the joint implantation/pillar/screw that of threads only in the extremity.
Keywords: Junção implante/pilar
Parafuso de pilar
Configuração
Lubrificante
Junction has implanted/pillar
Screw of pillar
Configuration
Lubricant
Implantes dentários osseointegrados
Area (s) of CNPq: CNPQ::CIENCIAS DA SAUDE::ODONTOLOGIA
Language: por
Country: BR
Publisher: Universidade Federal de Uberlândia
Institution Acronym: UFU
Department: Ciências da Saúde
Program: Programa de Pós-graduação em Odontologia
Quote: DANTAS, Kelly Abadia. Resistência à flexão do conjunto implante/pilar em função da geometria e tipo de superfície do parafuso do pilar. 2009. 60 f. Dissertação (Mestrado em Ciências da Saúde) - Universidade Federal de Uberlândia, Uberlândia, 2009.
URI: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/16907
Date of defense: 13-Feb-2009
Appears in Collections:DISSERTAÇÃO - Odontologia

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Diss Kelly.pdf4.81 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.