Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/16903
metadata.dc.type: Dissertação
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
Title: Avaliação dos parâmetros críticos do ensaio de microtração: análise laboratorial e por Elementos Finitos
Other Titles: Evaluation of the microtensile critical testing parameters: laboratory and finite elements analysis
metadata.dc.creator: Raposo, Luís Henrique Araújo
metadata.dc.contributor.advisor1: Soares, Carlos José
metadata.dc.contributor.advisor-co1: Armstrong, Steven R.
metadata.dc.contributor.referee1: Fernandes Neto, Alfredo Júlio
metadata.dc.contributor.referee2: Noritomi, Pedro Yoshito
metadata.dc.description.resumo: Objetivos: Inúmeras modificações foram feitas na metodologia de microtração desde sua introdução. Este estudo objetivou avaliar o efeito de parâmetros críticos do ensaio de microtração na resistência de união, modo de falha e distribuição de tensões de um sistema adesivo à dentina humana. Materiais e Métodos: Vinte e um terceiros molares humanos extraídos tiveram o esmalte oclusal removido e sobre a dentina superficial foi aplicado adesivo de condicionamento total simplificado (Adper Single Bond II). Restaurações de resina composta foram construídas incrementalmente. Os dentes foram seccionados e espécimes na forma de haltere e palito foram obtidos a partir do mesmo dente e então divididos entre três dispositivos: Di- espécimes na forma de haltere posicionados no dispositivo de Dircks; GeS- espécimes na forma de palito fixados no dispositivo de Geraldeli com cola SuperGlue; GeZ- palito fixados no dispositivo de Geraldeli com cola Zapit. Os espécimes foram submetidos a ensaio de microtração com velocidade de 1,0mm/minuto e a resistência de união determinada (MPa). O modo de falha foi examinado em lupa estereoscópica e o local de iniciação das falhas foi avaliado por meio de microscópio eletrônico de varredura e com espectroscopia por dispersão de energia. Modelos tridimensionais de cada dispositivo e espécimes foram criados e análises pelo método de elementos finitos foram feitas. Resultados: O efeito do tipo de dispositivo de microtração sobre a resistência de união dos espécimes não foi significante, porém o modo de falha foi influenciado significativamente. O dispositivo de Dircks mostrou-se menos crítico ao erro humano que o de Geraldeli. A contaminação da interface adesiva e o procedimento de re-colagem dos espécimes aumentaram os valores de união. Observou-se distribuição de tensões mais uniforme na camada adesiva do espécime testado no dispositivo de Dircks. Conclusões: O tipo de dispositivo de microtração e a geometria dos espécimes não influenciaram os valores de união, entretanto, o modo de falha e a distribuição de tensões foram influenciados por esses parâmetros.
Abstract: Objectives: Innumerous modifications have been made in the microtensile methodology since its introduction. The aim of this study was to evaluate the effect of critical parameters such as specimen geometry, microtensile device, fixation mode and bonding interface contamination on bond strength, failure mode, and stress distribution of an adhesive system to human dentin. Materials and Methods: Twenty-one extracted human third molars were ground to expose occlusal dentin, and after surface treatment with a total-etch 2-step adhesive system (Adper Single Bond II), composite resin restorations were constructed over the dentin. Dumbbell and stick-shaped specimens were fabricated from same teeth and divided into three microtensile gripping devices: Di- dumbbell-specimens placed onto Dircks device; GeS- stick-specimens gripped onto a Geraldeli s device with SuperGlue; GeZ- stick-specimens gripped onto a Geraldeli s device with Zapit. Specimens were tested and microtensile bond strengths were determined (MPa). The failure mode was examined under stereomicroscopy and fracture initiation sites were verified by scanning electron microscopy and energy dispersive spectroscopy. Three-dimensional models of each device and specimen were created and finite element simulations were performed. Results: The effect of the gripping devices on the bond strength was not significantly, but the failure mode was directly influenced by the type of device. Dircks device is less critical to human error than Geraldeli s device. The bonding interface contamination and regluing process increased the bond strength. Dircks device produced a more uniform stress distribution at the dumbbell specimen adhesive layer than did the Geraldeli s device at the stick specimen layer. Conclusions: The type of device and specimen geometry did not influence the bond strength values; however, the failure mode and the stress distribution of the specimens were affected by these parameters.
Keywords: Dispositivos de microtração
Espectroscopia por dispersão de energia
Método de elementos finitos
Microscopia eletrônica de varredura
Microtração
Modo de falha
Resistência de união
Bond strength
Energy dispersive spectroscopy
Failure mode
Finite Elements analysis
Microtensile
Microtensile devices
Scanning electron microscopy
Materiais dentários
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::CIENCIAS DA SAUDE::ODONTOLOGIA
metadata.dc.language: por
metadata.dc.publisher.country: BR
Publisher: Universidade Federal de Uberlândia
metadata.dc.publisher.initials: UFU
metadata.dc.publisher.department: Ciências da Saúde
metadata.dc.publisher.program: Programa de Pós-graduação em Odontologia
Citation: RAPOSO, Luís Henrique Araújo. Evaluation of the microtensile critical testing parameters: laboratory and finite elements analysis. 2010. 159 f. Dissertação (Mestrado em Ciências da Saúde) - Universidade Federal de Uberlândia, Uberlândia, 2010.
URI: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/16903
Issue Date: 26-Feb-2010
Appears in Collections:DISSERTAÇÃO - Odontologia

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Diss Luis.pdf3.32 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.