Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/16854
metadata.dc.type: Dissertação
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
Title: Análise clínica da correlação entre interferência oclusal, alinhamento dental e largura da mucosa ceratinizada com a ocorrência de recessão gengival
metadata.dc.creator: Valle, Carine álvares de Castro
metadata.dc.contributor.advisor1: Fernandes Neto, Alfredo Júlio
metadata.dc.contributor.advisor-co1: Prado, Célio Jesus do
metadata.dc.contributor.referee1: Prado, Ricardo Alves do
metadata.dc.contributor.referee2: Riesco, Marta Gonzalez
metadata.dc.description.resumo: A multifatoriedade no desenvolvimento das recessões gengivais dificulta o diagnóstico e prognóstico do tratamento das mesmas. Este estudo se propôs verificar, clinicamente, se recessões gengivais possuem correlação com a presença de, contatos dentários parafuncionais, largura de mucosa ceratinizada e alteração do alinhamento dental. Em 23 indivíduos adultos, de ambos os gêneros, 660 dentes, divididos por grupos (molares, pré-molares, caninos e incisivos) foram examinados clinicamente quanto aos seguintes parâmetros: Presença de contatos dentários parafuncionais em máxima intercuspidação habitual (MIH), trabalho e não trabalho, bilateralmente e em relação cêntrica; largura da mucosa ceratinizada mensurada por meio de sonda milimetrada; e categorização do alinhamento dental como normal ou por vestibular. Os resultados foram analisados por meio de distribuição por freqüência. Recessões gengivais foram encontradas em 94 dentes (14,2%), sendo que 71,3% delas estavam em dentes posteriores e 28,7% em dentes anteriores. Os primeiros pré-molares superiores apresentaram a maior incidência de recessão gengival (25,5%). Dos dentes com recessão gengival, 77,6% apresentavam largura de mucosa ceratinizada menor ou igual a 2,0mm e 46,8% estavam por vestibular. Os dentes que apresentaram recessão gengival possuíam em 85% ao menos um contato dentário parafuncional. Pôde-se concluir que à ocorrência de recessão gengival teve correlação com interferência oclusal, largura da mucosa ceratinizada e alinhamento dental.
Abstract: The many factors in the development of gingival recessions make the diagnosis and the prognosis treatment of them difficult. This study checks clinically if gingival recessions are related to the existence of parafunctional dental contacts, to the width of the keratinized mucous and to dental alignment alteration. Among 23 adults of both sexes, 660 teeth divided by groups (molars, premolars, canines and incisors) were clinically examined according to the following parameter: to the existence of parafunctional dental contacts in a maximal habitual intercuspation (MHI), work and no work, bilaterally and in a centric relation; width of the keratinized mucous measured by a milimetric probe; and the dental alignment categorization as normal or by buccal. The results were analyzed by means of frequency distribution. Gingival recessions were found in 94 teeth (14, 2%), in which 71, 3% of them were in posterior teeth and 28, 7% in anterior teeth. The first superior premolars showed the most gingival recession incidence (25, 5%). Among the gingival recession teeth, 77, 6% demonstrated the width of the keratinized mucous < 2,0mm and 46, 8% were to buccal. The teeth that exhibited a gingival recession had at least a parafunctional contact were in 85%. It can be concluded that the gingival recession is associated to parafunctional contact occurrence and to the width of the keratinized mucous and dental alignment.
Keywords: Recessão gengival
Oclusão traumática
Mucosa ceratinizada
Periodontia
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::CIENCIAS DA SAUDE::ODONTOLOGIA
metadata.dc.language: por
metadata.dc.publisher.country: BR
Publisher: Universidade Federal de Uberlândia
metadata.dc.publisher.initials: UFU
metadata.dc.publisher.department: Ciências da Saúde
metadata.dc.publisher.program: Programa de Pós-graduação em Odontologia
Citation: VALLE, Carine álvares de Castro. Análise clínica da correlação entre interferência oclusal, alinhamento dental e largura da mucosa ceratinizada com a ocorrência de recessão gengival. 2007. 95 f. Dissertação (Mestrado em Ciências da Saúde) - Universidade Federal de Uberlândia, Uberlândia, 2007.
URI: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/16854
Issue Date: 2-Aug-2007
Appears in Collections:DISSERTAÇÃO - Odontologia

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Carine.pdf1.05 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.