Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/16696
metadata.dc.type: Dissertação
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
Title: As cepas RH e ME-49 de Toxoplasma gondii induzem a formação de corpos lipídicos em linhagens de macrófagos murinos e fibroblastos
metadata.dc.creator: Oliveira, Mário Cézar de
metadata.dc.contributor.advisor1: Silva, Neide Maria da
metadata.dc.contributor.referee1: Santos, Jane Lima dos
metadata.dc.contributor.referee2: Ferro, Eloisa Amália Vieira
metadata.dc.description.resumo: Os corpos lipídicos são organelas ativas associadas a funções biológicas, além de serem importantes sítios onde os mediadores lipídicos são encontrados. Proteína relacionada a diferenciação de adipócitos (ADRP) é uma proteína conhecida por estar associada aos corpos lipídicos e foi originalmente encontrada nos estágios iniciais da diferenciação de adipócitos e é expressa em uma variedade de tecidos e células. O presente trabalho teve como objetivo investigar a relação entre a formação dos corpos lipídicos e a infecção pelas cepas tipo I e tipo II de Toxoplasma gondii em células hematopoiéticas (RAW 264.7 e J774.1) e não hematopoiéticas (NIH/3T3). Para isto, macrófagos RAW 264.7 e J774.1 e fibroblastos NIH/3T3 foram infectados com cepas de T. gondii e a formação dos corpos lipídicos foi analisada pela coloração Oil Red, bem como a expressão de ADRP por imunofluorescência. Foi observado que ambos os macrófagos e fibroblastos apresentam formação de corpos lipídicos constitutivamente e o estímulo com IFN-γ aumenta a formação dos corpos lipídicos em todas as linhagens celulares, entretanto, maiores níveis de corpos lipídicos foram observados nas células J774.1. A infecção por T. gondii aumentou a formação dos corpos lipídicos em todas as linhagens celulares comparada com as células não infectadas e a cepa ME-49 foi capaz de induzir maior formação de corpos lipídicos nas células J774.1 e NIH3T3 comparada com a cepa RH. Além disso, fibroblastos NIH/3T3 apresentaram maior parasitismo comparados com as outras linhagens celulares estudadas. A inibição da formação dos corpos lipídicos pela aspirina (AAS) aumentou o parasitismo em macrófagos (RAW 264.7 e J774.1) comparados com fibroblastos (NIH/3T3). Além disso, células infectadas com a cepa ME-49 apresentaram altos níveis da expressão de ADRP comparados com as células infectadas com a cepa RH de T. gondii. Os resultados do presente trabalho sugerem que a formação dos corpos lipídicos contribui para a multiplicação dos parasitos em fibroblastos, fornecendo lipídios para membrana desses organismos, entretanto, em macrófagos parece que os corpos lipídicos funcionam como organelas da imunidade inata que contribuem para o controle da multiplicação do parasito.
Abstract: Lipid droplets (LDs) are active organelles linked to biological functions, in addition to being important sites for lipid mediators storage. Adipocyte differentiation-related protein (ADRP) is known to be a lipid droplet-associating protein, and was originally found in the early stages of adipocyte differentiation and is expressed in a variety of tissues and cells. This work aimed to investigate the relationship of LDs formation and Toxoplasma gondii, type I and type II infection of hematopoietic (RAW 264.7 and J774.1) and non-hematopoietic (NIH/3T3) cells. For this purpose, RAW 264.7 and J774.1 macrophages and NIH/3T3 fibroblasts were infected with strains of T. gondii and LDs formation was analyzed by oil red staining and ADRP expression by immunocitochemistry. It was observed that both macrophages and fibroblast presented LDs formation constitutively, and IFN-γ stimulus increased LDs formation in all cell lines, however, higher LD levels were found in stimulated J774.1 macrophages. Infection with T. gondii increased the LDs formation in both cell lines compared with uninfected cells and ME-49 strain was able to induce higher LDs formation in J774.1 and NIH/3T3 cells compared with RH strain. In parallel, NIH/3T3 presented higher parasitism compared with the other cell lines studied. Lipid droplets inhibition by aspirin (ASA) increased parasitism in macrophages (RAW 264.7 and J774.1) compared with fibroblasts (NIH/3T3). Additionally, cells infected with ME-49 strain presented higher levels of ADRP expression compared with cells infected with RH strain of T. gondii. The results obtained here suggest that the LDs formation contribute to lipid membrane of T. gondii and therefore parasite multiplication in fibroblasts, however, in macrophages the LDs seems to be involved in the control of T. gondii proliferation.
Keywords: Toxoplasma gondii
Células hematopoiéticas e não hematopoiéticas
Corpos lipídicos
Hematopoietic and non-hematopoietic cells
Lipid droplets
Macrófagos
Imunologia
Células
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::CIENCIAS BIOLOGICAS::IMUNOLOGIA::IMUNOLOGIA APLICADA
metadata.dc.language: por
metadata.dc.publisher.country: BR
Publisher: Universidade Federal de Uberlândia
metadata.dc.publisher.initials: UFU
metadata.dc.publisher.department: Ciências Biológicas
metadata.dc.publisher.program: Programa de Pós-graduação em Imunologia e Parasitologia Aplicadas
Citation: OLIVEIRA, Mário Cézar de. As cepas RH e ME-49 de Toxoplasma gondii induzem a formação de corpos lipídicos em linhagens de macrófagos murinos e fibroblastos. 2014. 75 f. Dissertação (Mestrado em Ciências Biológicas) - Universidade Federal de Uberlândia, Uberlândia, 2014.
URI: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/16696
Issue Date: 24-Jan-2014
Appears in Collections:DISSERTAÇÃO - Imunologia e Parasitologia Aplicadas

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
CepasToxoplasmaGondii.pdf2.45 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.