Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/16508
metadata.dc.type: Dissertação
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
Title: Cercas da reforma agrária: sonhos, conflitos e contradições assentamento Rio Das Pedras / Uberlândia - MG
metadata.dc.creator: Oliveira, Elisângela Magela
metadata.dc.contributor.advisor1: Almeida, Antônio de
metadata.dc.contributor.referee1: Almeida, Maria de Fátima Ramos de
metadata.dc.contributor.referee2: Santos, Paulo Roberto de Oliveira
metadata.dc.description.resumo: A presente pesquisa estuda a trajetória histórica do assentamento Rio das Pedras, localizado no município de Uberlândia, Estado de Minas Gerais. O objetivo central do trabalho consiste em estudar o sentido social e político da reforma agrária em Uberlândia, buscando compreender os motivos pelos quais aquele assentamento, como muitos que ocorrem no país, não representou avanços no caminho da manutenção dos trabalhadores na terra conquistada. Composto de 87 famílias, o assentamento Rio das Pedras teve sua oficialização formalizada em outubro de 1997, momento em que o Tribunal de Alçada, em Belo Horizonte, suspendeu a Ação de Reintegração de Posse efetuada contra o movimento, efetuada por Josias de Freitas, proprietário da fazenda, permitindo a permanência das famílias no local. Passado o período de acampamento, os trabalhadores continuaram numa situação de dificuldades. Com a escassez de recursos e o pouco conhecimento sobre cultivo da terra, a maioria dos trabalhadores se vê na difícil condição de camponeses inexperientes, fatos que conduziram ao questionamento do modo como a reforma agrária está sendo conduzida no país. Para tanto, o estudo contou com uma bibliografia específica e com diferentes fontes de pesquisa sobre a questão agrária no Brasil. Foram utilizados textos provenientes do Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária-INCRA, do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística-IBGE, da Comissão Pastoral da Terra-CPT, da Prefeitura Municipal de Uberlândia e do Movimento Terra, Trabalho e Liberdade-MTL, entidade que organizou a ocupação da fazenda Rio das Pedras, junto aos trabalhadores sem terra; além de jornais e revistas. Os pressupostos teórico-metodologicos partiram de referências diversas, não se concentrado em teorias específicas.
Abstract: The present research studies the historical trajectory of the nesting River of the Rocks, located in the city of Uberlândia, Minas Gerais of State. The central objective of the work consists of studying the social direction and politician of the agrarian reform in Uberlândia, searching to understand the reasons for which that nesting, as many that occur in the country, did not represent advances in the way of the maintenance of the workers in the conquered land. Made up of 87 families, the nesting River of the Rocks had its officialization legalized in October of 1997, moment where the Alçada Court, in Belo Horizonte, suspended the Action of repossession effected against the movement, effected by Josias de Freitas, proprietor of the farm, allowing the permanence of the families in the place. Passed the period of encampment, the workers had continued in a situation of difficulties. With the scarcity of resources and the little knowledge on culture of the land, the majority of the workers if sees in the difficult condition of inexperienced peasants, facts that had lead to the questioning in the way as the agrarian reform is being lead in the country. For in such a way, the study it counted on a specific bibliography and different sources of research on the agrarian question in Brazil. Texts proceeding from the National Institute of Settling and the Reformation Agrarian-NISRA had been used, of the Brazilian Institute of Geography and Statistics-BIGS, of the Pastoral Commission of the Land-PCL, the Municipal City hall of Uberlândia and the Land, Work and Freedom Movement -LWFM, entity that the occupation of the farm organized River of the Rocks, together to the workers without land; beyond periodicals and reviewed. Estimated the theoretician-methodology had left of diverse references, if not concentrated in specific theories.
Keywords: Reforma agrária
Trabalho
Movimentos sociais
Agrarian reformation
Work
Social movements
História social
Movimentos sociais
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::CIENCIAS HUMANAS::HISTORIA
metadata.dc.language: por
metadata.dc.publisher.country: BR
Publisher: Universidade Federal de Uberlândia
metadata.dc.publisher.initials: UFU
metadata.dc.publisher.department: Ciências Humanas
metadata.dc.publisher.program: Programa de Pós-graduação em História
Citation: OLIVEIRA, Elisângela Magela. Cercas da reforma agrária: sonhos, conflitos e contradições assentamento Rio Das Pedras / Uberlândia - MG. 2007. 148 f. Dissertação (Mestrado em Ciências Humanas) - Universidade Federal de Uberlândia, Uberlândia, 2007.
URI: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/16508
Issue Date: 28-Feb-2007
Appears in Collections:DISSERTAÇÃO - História

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
ELOliveirDISSPRT.pdf929.23 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.