Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/16416
metadata.dc.type: Dissertação
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
Title: Demandantes e demandados na história e na cultura política de Montes Claros - MG
metadata.dc.creator: Primo, Laura Cristina Cordeiro
metadata.dc.contributor.advisor1: Alem, Joao Marcos
metadata.dc.contributor.referee1: Cerasoli, Josianne Francia
metadata.dc.contributor.referee2: Lima, Idalice Ribeiro Silva
metadata.dc.description.resumo: O presente trabalho analisa os sentidos das demandas políticas de alguns sujeitos sociais de bairros carentes da cidade de Montes Claros MG, encaminhadas ao poder público por meio de abaixo-assinados, pedidos individuais e ações transgressivas. Estão em foco a identificação dos sujeitos demandantes, suas estratégias de reivindicação de direitos sociais e as contradições de suas formas de participação política. O objetivo geral foi compreender em que medida os demandantes instituem novas formas de luta por seus direitos sociais e por cidadania em um contexto que, em certa medida, ainda reproduz a cultura da dádiva e da reciprocidade na política entre sujeitos desiguais. Para as análises foram utilizadas fontes bibliográficas da história local e documentos, como abaixo-assinados, pedidos individuais, reportagens de jornais impressos e online, combinadas com depoimentos orais obtidos diretamente com os sujeitos demandantes. Especificamente, as análises enfatizam o processo de segregação social e espacial de alguns segmentos das classes empobrecidas que, em função da escassez de recursos econômicos e políticos, passaram a ocupar áreas mais afastadas da região central, sem acesso a equipamentos de urbanização e com precários serviços na saúde e educação. As análises prosseguem demonstrando como esses segmentos encontraram meios próprios de inserção no espaço urbano, ocupando lotes vagos, construindo residências, cuidando dos filhos e garantindo-lhes acesso às escolas. Constatou-se que, apesar da situação socioeconômica adversa vivenciada pela população empobrecida da cidade de Montes Claros, os grupos abordados não se mantiveram apáticos e omissos diante de problemas sociais graves. Verificou-se que suas lutas em busca de direitos realizaram-se por intermédio de reuniões em salões de igrejas e outros espaços sociais, pela formulação de documentos formais, pelo uso de retórica criativa e imprevista, pela interpelação individual ou coletiva dos agentes do poder público, por ações transgressivas e até violentas, entre outras estratégias de reivindicação. Com isso, foi possível concluir que, em Montes Claros, MG, encontram-se sujeitos sociais que lutam e resistem contra práticas políticas arraigadas, instituindo outras formas de inserção na cultura política local.
Abstract: This work examines the meanings of the political demands of some social subjects of underserved neighborhoods in the city of Montes Claros-MG, forwarded to the Government through collective petitions, individual requests and transgressive actions. The focus is the identification of applicants, their strategies for claiming social rights and the contradictions of their forms of political participation. The overall objective was to understand the extent to which the claimants establish new forms of struggle for their social rights and citizenship in a context that, to some extent, still reproduces the culture of donation and reciprocity in politics between dissimilar subjects. For the analyses were used sources of local history and documents such as collectivepetitions, individual requests, printed and online newspapers, combined with oral depositions obtained directly from the claimant subjects. Specifically, the analyses emphasize the process of social and spatial segregation of some segments of impoverished classes which, because of the scarcity of political and economic resources, began to occupy areas furthest from the central region, without access to equipment of urbanization and ill-health and education services. The analyses are demonstrating how those segments found a proper way of inserting themselves in urban space, occupying vacant lots, building houses, taking care of children and guaranteeing them access to schools. It was noted that, despite the adverse socioeconomic situation experienced by impoverished population from the city of Montes Claros, the analyzed groups were not apathetic and missing in face of the serious social problems. It was found that their struggles for rights were held through meetings in halls of churches and other social spaces, by the elaboration of formal documents, by using creative and unforeseen rhetoric, by individual or collective questioning of agents fromthe public authorities, by transgressive and even violent actions, among other strategies of claiming. Through this study, it was possible to conclude that, in Montes Claros, MG, there are social subjects who fight and resist against entrenched political practices and establishes other forms of integration into local political culture.
Keywords: Demandas
Abaixo-assinados
Pedidos individuais
Práticas transgressivas
Demands
Social problems
Collective petitions
Individual requests
Transgressive practices
Problemas sociais
Montes Claros (MG) - Condições sociais
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::CIENCIAS HUMANAS::HISTORIA
metadata.dc.language: por
metadata.dc.publisher.country: BR
Publisher: Universidade Federal de Uberlândia
metadata.dc.publisher.initials: UFU
metadata.dc.publisher.department: Ciências Humanas
metadata.dc.publisher.program: Programa de Pós-graduação em História
Citation: PRIMO, Laura Cristina Cordeiro. Demandantes e demandados na história e na cultura política de Montes Claros - MG. 2012. 151 f. Dissertação (Mestrado em Ciências Humanas) - Universidade Federal de Uberlândia, Uberlândia, 2012.
URI: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/16416
Issue Date: 27-Feb-2012
Appears in Collections:PPGHIS - Mestrado em História

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
d.pdf2.72 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.