Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/16344
metadata.dc.type: Dissertação
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
Title: Significações do eu niilista: contrastes entre o século XIX e a contemporaneidade
metadata.dc.creator: Monteiro, Fabrício Pinto
metadata.dc.contributor.advisor1: Seixas, Jacy Alves de
metadata.dc.contributor.referee1: Alem, Joao Marcos
metadata.dc.contributor.referee2: Avelino, Gilvanildo Oliveira
metadata.dc.description.resumo: Esta dissertação possui uma preocupação central: pensar o niilismo em suas diferentes significações imaginárias em duas realidades sócio-históricas distintas: a Europa e Estados Unidos na segunda metade do século XIX e nossa sociedade contemporânea. Seu objetivo principal é a realização de uma comparação, com ênfase nos contrastes, entre as significações históricas do niilismo em suas relações com as elaborações da temporalidade e, principalmente, da individualidade. Nas análises do século XIX, o foco recai inicialmente sobre os revolucionários narodnik russos, sobre os quais o termo niilismo foi imposto na época pela imprensa e a literatura. As principais fontes neste momento da pesquisa são obras literárias de Ivan Turgueniev e Fiódor Dostoiévski, que fornecem as primeiras significações sobre o niilismo e suas relações com a temporalidade e a formação da individualidade. A seguir, analiso os anarquistas-terroristas ocidentais, seus discursos, depoimentos, memórias e ações, como forma de ampliar as discussões sobre os sentidos do niilismo, epíteto também dado a eles pela imprensa de massa. Para a análise comparativa com a contemporaneidade, a principal fonte é a chamada literatura de auto-ajuda , que permite a discussão sobre as inseguranças e angústias do indivíduo atual frente à fluidez dos laços, valores e instituições da sociedade presente. Nesse sentido, a noção de narcisismo surge como uma ferramenta a mais nas reflexões sobre o niilismo contemporâneo e sua relação com a formação da individualidade no imaginário social.
Abstract: This dissertation focuses on niilism in its differents imaginaries significances in order to draw a social and historical comparison. Which contrasts can be point between niilism, in connection with the meanings of temporality and individuality at 19th century Europe and United States and the contemporary? In the analyses of 19th century, the objects are russian and western european s revolutionaries (the narodniki and the anarchist-terrorists). Works of Ivan Turgueniev and Fiodor Dostoievki besides anarchists s speeches, memoirs and deeds are analysed to search some of the niilism s significances of that time. Within the comparative method, contemporary s significances of niilism are searched by the discution of self-help literature . This kind of literature is helpful to the reflexion of contemporary individual s insecurity and anguish and these connection with the construction of actual meanings of individual and duration.
Keywords: Niilismo
Anarquismo
Terrorismo
Literatura de auto-ajuda
Niilism
Anarchism
Terrorism
Self-help literature
História social
Anarquismo e anarquistas
Literatura russa - História e crítica
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::CIENCIAS HUMANAS::HISTORIA
metadata.dc.language: por
metadata.dc.publisher.country: BR
Publisher: Universidade Federal de Uberlândia
metadata.dc.publisher.initials: UFU
metadata.dc.publisher.department: Ciências Humanas
metadata.dc.publisher.program: Programa de Pós-graduação em História
Citation: MONTEIRO, Fabrício Pinto. Significações do eu niilista: contrastes entre o século XIX e a contemporaneidade. 2008. 157 f. Dissertação (Mestrado em Ciências Humanas) - Universidade Federal de Uberlândia, Uberlândia, 2008.
URI: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/16344
Issue Date: 26-Aug-2008
Appears in Collections:DISSERTAÇÃO - História

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Fabricio Pinto.pdf2.22 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.