Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/16339
metadata.dc.type: Dissertação
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
Title: Legalidade vs legitimidade: representações sobre a democracia no movimento de luta pela terra (assentamento Nova Tangará, Uberlândia, 1999-2005)
metadata.dc.creator: Silveira, Cássio Rodrigues da
metadata.dc.contributor.advisor1: Almeida, Antônio de
metadata.dc.contributor.referee1: Alem, Joao Marcos
metadata.dc.contributor.referee2: Zan, José Roberto
metadata.dc.description.resumo: O presente texto é o resultado de uma pesquisa para analisar as representações sobre a democracia geradas nos embates na luta pela terra, ocorridos no triângulo mineiro, principalmente no município de Uberlândia, entre 1999 e 2005. Tal região é conhecida pela relação difícil entre grandes proprietários rurais e trabalhadores do campo desde, pelo menos, as décadas de 1960 e 1970, mais especificamente, em conseqüência de políticas governamentais que acabaram por beneficiar quem possuía grandes porções de terra e prejudicar os pequenos proprietários rurais. O estudo se divide basicamente em três capítulos. No primeiro se realiza uma análise mais pormenorizada da questão da terra na região estudada, dando ênfase a etapas que auxiliam mais claramente a compreensão do caráter excludente da apropriação de terras no triângulo mineiro, em geral, e em Uberlândia, particularmente. Foram valorizadas várias pesquisas realizadas por estudiosos das áreas de história, economia e de geografia da própria universidade federal de Uberlândia. No segundo capítulo se tentou, por meio principalmente do estudo do processo judicial que se originou da ocupação da área de uma fazenda por parte de integrantes de um movimento de luta pela terra, assimilar algumas representações que se apresentam na região citada, tanto dos membros do movimento quanto dos proprietários de terras. Vale ressaltar que o principal aparato teórico utilizado aqui, para forjar tais representações, foi a obra do historiador Roger Chartier. Por fim, no terceiro capítulo, procurou-se, com base no mesmo documento de forma central, analisar o conflito propriamente dito, quando as partes se dirigem de forma explícita umas contra a outra. Em uma segunda parte deste capítulo, foi realizado um debate com alguns teóricos para que se pudessem tirar algumas conclusões, sempre insuficientes e passíveis de réplica, sobre o papel dos movimentos sociais, principalmente quando estes se utilizam de atos de dissidência, na construção das imagens e da própria consolidação da democracia, enquanto experiência social.
Abstract: The present text results of a research to analyze the representations of the democracy generated in the conflict in the fight for land, occurred in triângulo mineiro , mainly in Uberlândia, between 1999 and 2005. This region is known for its difficult relations between great landowners and field workers, since, at least, the 60s and 70s, more specifically, as a consequence of government policies which resulted in a benefit for those who held large properties and in some harm for the small land owners. The study is basically divided into three chapters. In the first one, there is a more pormenorized analysis of the land in the referred region, emphasizing the phases, which helps to more clearly understand the excludent factor of the land appropriation in the triângulo mineiro region in general, and in Uberlândia, more specifically. Several pieces of research carried out by students of history, economics and geography at ufu were taken into consideration. In the second chapter, through the study of the lawsuit that originated from a farm occupation by members of a movement of land dispute, some representations which are present in the referred region both of members of the movement and landowners can be assimilated. It is important to ratify that the main theoretical apparatus used to forger such representations was historian roger chartier´s book. At last, in the third chapter, based on the same document in a centered way, there was an analysis of the conflict itself, when the parts explictly direct to each other. In a second part of this chapter a debate with some theoreticians was held in order to draw some conclusions, always insufficient and susceptible to responses, concerning the role of social movements, mainly when those make use of acts of dissidency , in the construction of images and the proper consolidation of democracy, while a social experience.
Keywords: História política
Democracia
Legitimidade
Political history
Democracy
Legitimacy
História social
Assentamentos rurais - Uberlândia (MG)
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::CIENCIAS HUMANAS::HISTORIA
metadata.dc.language: por
metadata.dc.publisher.country: BR
Publisher: Universidade Federal de Uberlândia
metadata.dc.publisher.initials: UFU
metadata.dc.publisher.department: Ciências Humanas
metadata.dc.publisher.program: Programa de Pós-graduação em História
Citation: SILVEIRA, Cássio Rodrigues da. Legalidade vs legitimidade: representações sobre a democracia no movimento de luta pela terra (assentamento Nova Tangará, Uberlândia, 1999-2005). 2008. 133 f. Dissertação (Mestrado em Ciências Humanas) - Universidade Federal de Uberlândia, Uberlândia, 2008.
URI: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/16339
Issue Date: 23-May-2008
Appears in Collections:DISSERTAÇÃO - História

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Cassio.pdf554.02 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.