Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/16321
metadata.dc.type: Tese
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
Title: O norte da canção: música engajada em Belém nos anos 1960 e 1970
metadata.dc.creator: Moraes, Cleodir da Conceição
metadata.dc.contributor.advisor1: Paranhos, Adalberto
metadata.dc.contributor.referee1: Paranhos, Kátia Rodrigues
metadata.dc.contributor.referee2: Kerber, Alessander Mario
metadata.dc.contributor.referee3: Dias, Márcia Regina Tosta
metadata.dc.contributor.referee4: Baia, Silvano Fernandes
metadata.dc.description.resumo: Muito já se falou, sob diversos ângulos, a respeito da canção engajada no Brasil: os compositores e as músicas consagradas no mainstream nacional, a inserção na indústria fonográfica, as temáticas privilegiadas, a exemplo do dia-que-virá , o caráter de resistência e o papel central desempenhado no processo de institucionalização da MPB como importante complexo sociocultural na vida musical do país entre meados dos anos 1960 e a década de 1970. Esta pesquisa pretende trazer para o debate um viés diferente, mas interconectado a essa história, partindo do suposto de que esse proceder cancional expressou-se de forma bastante heterogênea por todo o território brasileiro e por isso seus parâmetros precisam ser revisitados e examinados à luz de outras experiências históricas, que não se restringem aos centros hegemônicos onde têm se concentrado as pesquisas mais significativas. Nesse período, também estava em curso em Belém um efervescente processo de renovação em distintas linguagens artísticas, como nas artes plásticas, na poesia, no cinema, no teatro e na música popular, no qual sobressaiu a preocupação de enfocar aspectos da realidade local, sem se prender a um regionalismo estreito. Nesse diapasão, os compositores paraenses afinados com a MPB imprimiram um sentido de engajamento à canção popular, ao mesmo tempo em que forjaram espaços de produção e disseminação de sua arte. No plano musical, eles dialogaram com os movimentos nacionais (bossa nova, canção de protesto e tropicalismo) e valeram-se do diversificado leque de expressões musicais populares, urbanas e rurais (o merengue, o bolero, o carimbó), em sua oficina de trabalho. Procuraram, assim, se posicionar criticamente e transmitir o seu recado num contexto no qual pesava sobre eles a dura realidade da ditadura, das limitações das liberdades individuais e coletivas, da censura, das prisões arbitrárias e dos projetos desenvolvimentistas e de integração nacional, que mexia com o modo de vida de muitos paraenses. Isso tudo contribuiu para que se conferissem novos sentidos, estéticos e políticos, à canção engajada. Esta investigação visa dar a eles maior visibilidade e ajudar na sua compreensão.
Abstract: Much has been said, from various perspectives, about the Engaged Song in Brazil: the composers and songs consecrated in the national mainstream, the insertion in the music industry, the privileged themes, such as the dia-que-virá , the resistance feature and its central role in the process of institutionalization of the MPB music as important complexo sociocultural in the musical life of the country between the mid 1960‟s and the 1970‟s. This research intends to debate in a different way, interconnected to that history, starting from the assumption that the proceeding of these songs expressed himself quite unevenly throughout the Brazilian territory and therefore its parameters need to be revisited and examined in the light of other historical experiences, which are not restricted to the hegemonic centers which have concentrated the most significant researches. During this period, it was also developed in Belém an effervescent renewal process in different artistic languages, such as in art, in poetry, film, theater and popular music, in which stood the concerning to focus in aspects of local reality, without cling to a narrow regionalism. Thus, the MPB music composers born at Pará expressed a sense of commitment to the popular song, while also shaped the production and dissemination of their art. In the musical field, they dialogued with national movements (bossa nova, song of protest and tropicalism) and applied the diverse array of popular, urban and rural musical expressions (merengue, bolero, carimbó) in his workshop work. Sought thus to critically demonstrate and convey their message in a context in which they faced the harsh reality of dictatorship, the limitations of individual and collective freedoms, censorship, arbitrary arrests and development and integration projects, which interfered in the way of life of many people at Pará. This all contributed to the new aesthetic and political meanings of the Engaged Song. This research aims to give them greater visibility and help in their understanding.
Keywords: Canção popular
Engajamento
Belém
Popular songs
Engagement
Belém
History
História social
Música e sociedade
Música - Brasil - História e crítica
Pará - História
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::CIENCIAS HUMANAS::HISTORIA
metadata.dc.language: por
metadata.dc.publisher.country: BR
Publisher: Universidade Federal de Uberlândia
metadata.dc.publisher.initials: UFU
metadata.dc.publisher.department: Ciências Humanas
metadata.dc.publisher.program: Programa de Pós-graduação em História
Citation: MORAES, Cleodir da Conceição. O norte da canção: música engajada em Belém nos anos 1960 e 1970. 2014. 214 f. Tese (Doutorado em Ciências Humanas) - Universidade Federal de Uberlândia, Uberlândia, 2014.
URI: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/16321
Issue Date: 30-Jul-2014
Appears in Collections:TESE - História

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
NorteCancaoMusica.pdf2.35 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.