Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/15860
metadata.dc.type: Dissertação
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
Title: Construção de bioeletrodo para detecção da bactéria Neisseria meningitidis
metadata.dc.creator: Castro, Ana Cristina Honorato de
metadata.dc.contributor.advisor1: Madurro, Ana Graci Brito
metadata.dc.contributor.advisor-co1: Madurro, João Marcos
metadata.dc.contributor.referee1: Crespilho, Frank Nelson
metadata.dc.contributor.referee2: Silva, Nilson Penha
metadata.dc.description.resumo: Um novo biossensor eletroquímico de DNA para a detecção da meningite bacteriana, doença esta endêmica em todo mundo, foi investigado e é relatado neste artigo. Este dispositivo baseia-se na utilização de fragmentos específicos de DNA do genoma da bactéria Neisseria meningitidis como sonda, incorporados em eletrodos de grafite modificada com poli (4-aminofenol). Neste dispositivo foi ava-liado a presença de uma sequência de DNA complementar específica, monitori-zando a reação de hibridação do DNA por voltametria de pulso diferencial, utili-zando o intercalador eletroativo brometo de etídio como indicador de hibridação. O biossensor de DNA mostrou que o oligonucleótido complementar (NM2) pode ser quantificado com um baixo limite de detecção (1,4x10-10 mol.L-1, S/N = 3) com uma boa linearidade (R = 0,995). Além disso, o biossensor mostrou uma elevada seletividade, discriminando alvos não específicos e retendo mais do que 90% da sua atividade original, após 120 dias de armazenamento.
Abstract: A novel DNA electrochemical biosensor to detection of bacterial meningitis, a worldwide endemic human disease, was investigated and is reported in this paper. This device is based in the use as molecular probe of specific DNA fragments of the genome of the bacteria Neisseria meningitidis, incorporated onto graphite electrode modified with poly(4-aminophenol). In this device, the presence of a complementary specific DNA sequence was evaluated monitoring the DNA hybridization reaction by differential pulse voltammetry, using an electroactive intercalator ethidium bromide as hybridization indicator. The proposed DNA biosensor showed that complementary oligonucleotide (NM2) could be quantified with a low detection limit (1.4 × 10 -10 mol.L-1, S/N=3) and good linearity (R=0.995). In addition, the biosensor showed high selectivity, discriminating non-specific targets and retaining more than 90% of its original activity, after 120 days of storage.
Keywords: Meningite
Neisseria meningitidis
Biossensores
Biosensor
Meningitidis
Modified electrode
Poly(4-aminophenol)
Bioquímica
Meningite cerebroespinhal
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::CIENCIAS BIOLOGICAS::GENETICA
metadata.dc.language: por
metadata.dc.publisher.country: BR
Publisher: Universidade Federal de Uberlândia
metadata.dc.publisher.initials: UFU
metadata.dc.publisher.department: Ciências Biológicas
metadata.dc.publisher.program: Programa de Pós-graduação em Genética e Bioquímica
Citation: CASTRO, Ana Cristina Honorato de. Construção de bioeletrodo para detecção da bactéria Neisseria meningitidis. 2012. 70 f. Dissertação (Mestrado em Ciências Biológicas) - Universidade Federal de Uberlândia, Uberlândia, 2012.
URI: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/15860
Issue Date: 20-Jul-2012
Appears in Collections:DISSERTAÇÃO - Genética e Bioquímica

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
AnaCristina.pdf1.09 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.