Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/15846
metadata.dc.type: Dissertação
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
Title: Isolamento e identificação de mimetopos de auto-antígenos para utilização em imunodiagnóstico da artrite idiopática juvenil
metadata.dc.creator: Araujo, Galber Rodrigues
metadata.dc.contributor.advisor1: Vieira, Carlos Ueira
metadata.dc.contributor.referee1: Goulart Filho, Luiz Ricardo
metadata.dc.contributor.referee2: Souza, Guilherme Rocha Lino de
metadata.dc.description.resumo: CAPITULO 1: A Artrite Idiopática Juvenil (AIJ) é uma doença auto-imune caracterizada por artrite persistente, de causa desconhecida, que se inicia antes dos 16 anos de idade e está presente há pelo menos 6 semanas após exclusão de outras doenças. Longos períodos de AIJ ativa podem prejudicar o desenvolvimento do músculo, resultando em um retardo do crescimento generalizado, uso limitato de alguns membros, erosões nas articulações e menor capicidade aeróbica. É uma das mais prevalentes entre as doenças reumáticas crônicas da infância, podendo acarretar incapacidade motora permanente, afetando a qualidade de vida das crianças afetadas. O exame mais importante para o diagnóstico da doença hoje é o exame físico que o pediatra ou especialista faz na hora da consulta. O diagnóstico para AIJ é clínico, não depende de exames laboratoriais porque ainda não existe nenhum teste que confirme a presença da doença, não há exames laboratoriais considerados específicos para a sua definição diagnóstica. Testes laboratoriais bioquímicos e marcadores sorológicos são úteis para auxiliar no diagnóstico diferencial, classificar o subgrupo da doença, avaliar a extensão da inflamação, determinar o prognóstico e resposta à terapia. Nesse sentido, a busca por novos biomarcadores podem levar a novos métodos para o diagnóstico e tratamento da AIJ. Essa revisão visa descrever alguns aspectos da Artrite Idiopática Juvenil e como a tecnologia de Phage Display tem sido utilizada no mapeamento de epitopos de diversos antígenos, constituintes de vários agentes causadores de doenças. CAPITULO 2: As Artrites Idiopáticas Juvenis (AIJ) são um conjunto de doenças crônicas caracterizadas por inflamação persistente das articulações, sendo os sinais típicos desta inflamação a dor, inchaço e limitação dos movimentos. Idiopática significa que não se sabe a causa da doença e juvenil , neste caso, significa que o início dos sintomas acontece antes dos 16 anos de idade. O diagnóstico da AIJ é clínico e baseia-se no achado de artrite em uma ou mais articulações, com duração igual ou superior a 6 semanas. É fundamental que várias doenças, como as infecções, sejam pesquisadas e afastadas, uma vez que a artrite é a manifestação comum de várias doenças reumáticas e não-reumáticas. Por isso, trabalhos que são direcionados a investigar novos biomarcadores tornam-se de grande importância para o diagnóstico da AIJ. O objetivo deste estudo foi selecionar e identificar através da metodologia de Phage Display, peptídeos reconhecidos por anticorpos purificados a partir do soro de pacientes com AIJ. Para seleção dos peptídeos foi realizado um bioppaning utilizando uma biblioteca de peptídeos Ph.D.-C7C expressa na superfície do fago filamentoso M13. O DNA dos clones selecionados foi sequenciado, traduzido, e os diversos clones foram submetidos aos ensaios de ELISA e bioinformática. Dentre os 192 clones sequênciados, 100 apresentaram sequências válidas, onde foram identificadas 40 sequências diferentes. As análises de bioinformática demonstraram que há similaridades entre a maioria dos peptídeos selecionados e proteínas altamente expressas em pacientes portadores de AIJ. O ensaio ELISA permitiu a prévalidação de um clone com potencial biomarcador para o imunodiagnóstico sorológico da Artrite Idiopática Juvenil.
Abstract: CHAPTER 2: Juvenile Idiopathic Arthritis (JIA) is a set of chronic diseases characterized by persistent inflammation of joints. "Idiopathic" means that no one knows the cause of illness and "Juvenile" in this case means that the onset of symptoms occurs before 16 years of age. The diagnosis of JIA is clinical and is based on the finding of arthritis in one or more joints, lasting less than six weeks. It is essential that several diseases such as infections are investigated and removed, since arthritis is a common manifestation of various rheumatic and non-rheumatic diseases. Therefore, studies that are aimed at investigating new biomarkers become of great importance for the diagnosis of JIA. The aim of this study was to select and identify peptides recognized by antibodies purified from the serum of patients with JIA by Phage Display technology. For selection of peptides was performed a bioppaning using a peptide library Ph.D.-C7C expressed on the surface of filamentous phage M13. The DNA from selected clones was sequenced, translated, and several clones were subjected to ELISA assays and bioinformatics. Among the 192 clones sequenced, 100 had valid sequences, which were identified 40 different sequences. The bioinformatics analysis showed that there are similarities between most of the selected peptides and proteins highly expressed in patients with JIA. ELISA allowed the pre-validation of a clone with a potential biomarker for the serological immunodiagnosis of JIA.
Keywords: Marcadores sorológicos
Phage Display
Imunodiagnóstico
Juvenile Idiopathic Arthritis
Phage Display
Immunodiagnostic
Artrite idiopática juvenil
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::CIENCIAS BIOLOGICAS::GENETICA
metadata.dc.language: por
metadata.dc.publisher.country: BR
Publisher: Universidade Federal de Uberlândia
metadata.dc.publisher.initials: UFU
metadata.dc.publisher.department: Ciências Biológicas
metadata.dc.publisher.program: Programa de Pós-graduação em Genética e Bioquímica
Citation: ARAUJO, Galber Rodrigues. Isolamento e identificação de mimetopos de auto-antígenos para utilização em imunodiagnóstico da artrite idiopática juvenil. 2011. 86 f. Dissertação (Mestrado em Ciências Biológicas) - Universidade Federal de Uberlândia, Uberlândia, 2011.
URI: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/15846
Issue Date: 30-Jun-2011
Appears in Collections:DISSERTAÇÃO - Genética e Bioquímica

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
d.pdf2.15 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.