Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/15843
metadata.dc.type: Dissertação
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
Title: Dinâmica de Marcadores Salivares de Atividade Autônoma e Adrenocortical em Resposta à Competição de Elite
metadata.dc.creator: Gómez, Miguel Mauricio Díaz
metadata.dc.contributor.advisor1: Espindola, Foued Salmen
metadata.dc.contributor.referee1: Viana, Nilo Resende
metadata.dc.contributor.referee2: Suchecki, Deborah
metadata.dc.description.resumo: CAPÍTULO 2: O presente estudo investigou a variação da resposta do cortisol ao acordar (CAR) em relação com estados de humor e desempenho durante uma competição de natação profissional. Onze atletas foram examinados durantes dois dias consecutivos de competição. Em cada dia, a concentração de cortisol salivar foi determinada ao acordar, 30 e 60 minutos após acordar, imediatamente antes de aquecer para a competição e 5, 20 e 40 minutos depois da competição. O Perfil de Estados de Humor e reportes próprios de desempenho foram incluídos como instrumentos psicométricos. A CAR não foi diferente entre os dias de competição e controle e não houve relação com o desempenho em nenhum dos dois dias. No entanto, houve diferença antes de e após o evento entre os dias de competição e controle. A percepção de um desafio que irá acontecer durante o dia não necessariamente reflete a mesma magnitude de variação na CAR em sujeitos bem treinados. Isto pode ser devido a melhores mecanismos para lidar com o estresse e a fase e hora da competição em que os sujeitos foram avaliados. CAPÍTULO 3: O presente estudo investigou a resposta de proteína total na saliva (TP) alfaamilase (sAA) e cromogranina A (CgA) à competição esportiva e sua relação com estados de humor. Onze atletas profissionais foram examinados durante o primeiro dia de um evento nacional em natação e durante um evento simulado num dia de treinamento no mesmo dia da semana e no mesmo horário que a competição real. A concentração de TP foi determinada pelo método de Bradford e a de sAA e CgA por western blotting ao acordar, 30 e 60 minutos depois, imediatamente antes de aquecer para o evento e 5, 20 e 40 minutos depois do mesmo. A escala de estado de humor PANAS-X (Positive Affect and Negative Affect Schedule) foi incluída como instrumento psicométrico. A concentração de TP, sAA e CgA foi diferente dos dias de controle unicamente antes e 5 minutos após a competição. Não houve diferença na área sob a curva do perfil diurno de cada marcador entre os dias de competição e controle. TP e CgA tiveram uma resposta similar à competição do que sAA. Isto pode ser atribuído aos mecanismos de secreção de proteína na saliva quando a coleta da mesma é feita sem estimulação exógena. Estímulos psicológicos adversos parecem alterar o ritmo regular de secreção destes marcadores só momentos prévios e posteriores a situações estressantes.
Abstract: CHAPTER 2: This study examined the variation in the cortisol awakening response (CAR) in relation to mood states and performance during professional swimming competition. Eleven athletes were examined during two consecutive days of competition. On each day salivary cortisol was determined upon awakening, 30 and 60 min post awakening, immediately before warming up for competition and 5, 20 and 60 min after competition. Psychometric instruments included the Profile of Mood States and self-reports of performance. CARs did not differ between competition and non-competition days and were not related to performance on any day. However, difference was observed in the concentration of cortisol prior to and after the contest between competition and non-competition days. Perceived demands of the day ahead might not reflect the same magnitude of variation in the CAR in well-trained men. Explanations for this include better coping mechanisms and response towards the phase and time of competition. CHAPTER 3: Objective: We investigated the response of salivary total protein (TP), alpha-amylase (sAA) and chromogranin A (CgA) to sporting competition and their relation with positive and negative affect. Methods: Eleven professional swimmers were examined during the first day of a national contest and on a recreated event that matched time-of-the-day and day-of-theweek assessments two weeks later. Total protein was determined by the Bradford method and sAA and CgA by western blotting upon awakening, 30 and 60 min post awakening, immediately before warming up for competition and 5, 20 and 60 min after competition. Psychometric instruments included the Positive Affect and Negative Affect Schedule - X (PANAS-X). Results: The concentrations of TP, sAA and CgA differed from controls only prior to and 5 min after the event. We observed associations between higher negative affect scores with higher levels of TP, sAA and CgA prior to the event on the competition day. Areas under the curve did not differ from controls for TP, sAA or CgA. Conclusion: TP and CgA showed a similar reactivity to sporting competition than sAA, which may be attributed to the mechanisms responsible for protein secretion into saliva when collection is performed with no exogenous stimulation. Strong adverse psychological stimuli only seem to override the regular rhythm of salivary proteins moments before and after stressful situations.
Keywords: Resposta do cortisol ao acordar
Estados de humor
Competição
Esporte
Exercício
Saliva
Proteína total
Alfa-amilase
Cromogranina A
Psico-fisiologia
Stresse
Cortisol awakening response
Mood states
Competition
Sports
Exercise
Alpha-amylase
Chromogranin A
Total Protein
Psychophysiology
Stress
Exercícios físicos - Aspectos fisiológicos
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::CIENCIAS BIOLOGICAS::GENETICA
metadata.dc.language: por
metadata.dc.publisher.country: BR
Publisher: Universidade Federal de Uberlândia
metadata.dc.publisher.initials: UFU
metadata.dc.publisher.department: Ciências Biológicas
metadata.dc.publisher.program: Programa de Pós-graduação em Genética e Bioquímica
Citation: GÓMEZ, Miguel Mauricio Díaz. Dinâmica de Marcadores Salivares de Atividade Autônoma e Adrenocortical em Resposta à Competição de Elite. 2011. 69 f. Dissertação (Mestrado em Ciências Biológicas) - Universidade Federal de Uberlândia, Uberlândia, 2011.
URI: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/15843
Issue Date: 27-Jul-2011
Appears in Collections:DISSERTAÇÃO - Genética e Bioquímica

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
d.pdf479.37 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.