Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/15839
metadata.dc.type: Dissertação
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
Title: Análise da expressão do gene LSP1 no diagnóstico da hiperplasia prostática benigna e do câncer de próstata
metadata.dc.creator: Freitas, Karla Saba de
metadata.dc.contributor.advisor1: Goulart Filho, Luiz Ricardo
metadata.dc.contributor.referee1: Ward, Laura Sterian
metadata.dc.contributor.referee2: Rogatto, Silvia Regina
metadata.dc.description.resumo: Marcadores biomoleculares capazes de diferenciar o câncer de próstata da hiperplasia prostática benigna têm sido pesquisados na tentativa de auxiliar ou mesmo suplantar a eficiência dos métodos tradicionais de avaliação dos pacientes (PSA e toque prostático). O estudo em questão tem como objetivo a análise semi-quantitativa por RT-PCR do biomarcador (gene) LSP1 em hiperplasia prostática benigna (HPB) e câncer de próstata. Procurou-se identificar qual o padrão de expressão do LSP1 nessas patologias e sua aplicabilidade clínica. Foram selecionados cinqüenta pacientes com mais de 40 anos, com indicação de biópsia prostática por toque retal alterado ou níveis de PSA > 4ng/ml. Vinte e cinco pacientes com menos de trinta anos de idade foram incluídos como controle para o estudo. Foram coletadas amostras de sangue para análise do LSP1 e realizadas biópsias transretais. O resultado da análise patológica final foi considerado como padrão ouro ( standard ) para definir os três grupos: câncer de próstata (24 pacientes) e hiperplasia prostática benigna (26 pacientes) e controle (25 pacientes). Os grupos de estudo foram analisados quanto aos intervalos de expressão do LSP1: &#8805; 1, de 0.5 a 1 e < 0.5. Em uma segunda etapa, foi analisada expressão do LSP1 em amostras de tecidos prostáticos. Os resultados mostraram nítida diferença nos intervalos de expressão para amostras do sangue em cada grupo de estudo. Sobretudo para HPB e pacientes normais. Portadores de câncer de próstata apresentaram expressão intermediária. A incidência de HPB para expressões superiores a 1.0 é onze vezes maior que a de câncer de próstata. Apesar de não ser específico para só uma patologia, o LSP1 representa uma proposta promissora como método complementar ao PSA.
Abstract: Several molecular markers have been studied in order to differentiate prostate cancer (PCa) and benign prostatic hyperplasia (BPH). They tried to help the traditional methods in the patient evaluation (PSA and digital rectal exam). This study analyzed the LSP1 gene expression by RT-PCR in BPH and prostate cancer patients. We tried to identify the specific pattern of each pathology related to the gene expression. Fifty patients more than forty years old were selected based on PSA levels > 4ng/ml or altered digital rectal exam. Twenty five healthy patients with less than thirty years old were selected as a control group. Blood sample analyses were performed as prostatic core biopsies. The final pathology was the gold standard for diagnosis defining three study groups: PCa, 24 patients; BPH, 26 patients and control, 25 patients. The study analysis was performed based on intervals of LSP1 RT-PCR expression, defined as &#8805; 1, from 0.5 to 1 and < 0.5. A second study phase analyzed LSP1 expression in prostatic tissues from specimens of twenty three patients. The results in blood sample showed a clear difference in intervals of LSP1 expression for the study groups. The BPH patients presented the higher expression, prostate cancer patients with median expression and control group with the lower one. The relative risk of BPH in LSP1 expressions &#8805; 1 is eleven times greater than prostate cancer. Although, it is not a specific marker for prostate cancer or benign hyperplasia. The LSP1 analysis represents a promising complementary purpose to PSA.
Keywords: Próstata
Câncer
Hipertrofia
Próstata - Câncer
Próstata - Hipertrofia
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::CIENCIAS BIOLOGICAS::GENETICA
metadata.dc.language: por
metadata.dc.publisher.country: BR
Publisher: Universidade Federal de Uberlândia
metadata.dc.publisher.initials: UFU
metadata.dc.publisher.department: Ciências Biológicas
metadata.dc.publisher.program: Programa de Pós-graduação em Genética e Bioquímica
Citation: FREITAS, Karla Saba de. Análise da expressão do gene LSP1 no diagnóstico da hiperplasia prostática benigna e do câncer de próstata. 2006. 77 f. Dissertação (Mestrado em Ciências Biológicas) - Universidade Federal de Uberlândia, Uberlândia, 2006.
URI: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/15839
Issue Date: 28-Feb-2006
Appears in Collections:DISSERTAÇÃO - Genética e Bioquímica

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
KSFreitasDISSPRT.pdf1.39 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.