Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/15751
metadata.dc.type: Tese
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
Title: Avaliação do estresse e sua relação com os níveis de cortisol sanguíneo, amilase salivar e desempenho cognitivo em executivos de um grupo empresarial
metadata.dc.creator: Teixeira, Renata Roland
metadata.dc.contributor.advisor1: Espindola, Foued Salmen
metadata.dc.contributor.referee1: Botelho, Françoise Vasconcelos
metadata.dc.contributor.referee2: Cheik, Nádia Carla
metadata.dc.contributor.referee3: Marcondes, Fernanda Klein
metadata.dc.contributor.referee4: David, Isabel de Paula Antunes
metadata.dc.description.resumo: CAPÍTULO II: O presente estudo analisou a incidência de estresse crônico em executivos de um grupo empresarial (n = 125) e sua relação com os níveis de cortisol sérico, desempenho cognitivo e reatividade do Sistema Nervoso Autônomo após um estressor agudo. O Inventário de Sintomas de Stress para Adultos de Lipp (ISSL) e o teste Stroop Color-Word foram utilizados para determinar a incidência de estresse e desempenho cognitivo, respectivamente. A concentração de cortisol sérico foi determinada por ELISA e a atividade da amilase salivar por um ensaio cinético. Os resultados revelaram que 45% dos sujeitos investigados se encontram em alguma fase do estresse, sendo que destes, 79% estão na fase de resistência. Indivíduos que apresentaram um maior nível de estresse, segundo o ISSL, também possuem maiores níveis de cortisol sérico, mas uma menor reatividade da alfa-amilase salivar após o teste de Stroop. Além disso, após o teste de Stroop foi observado maior tempo de reação e maior número de erros nesses indivíduos. Os resultados sugerem que o estresse psicológico crônico está associado com níveis mais altos de cortisol sérico, menor reatividade da amilase e prejuízo da demanda cognitiva. Sendo assim, a diminuição da atividade simpática, como resultado da exposição crônica ao estresse, e refletida por níveis mais baixos de atividade enzimática pode ter sido responsável por prejuízos na atenção seletiva e desempenho cognitivo.
Abstract: CHAPTER II: The present study examined the incidence of chronic stress in business executives (n=125) and its relation with levels of serum cortisol, cognitive performance and autonomic reactivity after an acute stressor. Lipp\'s Inventory of Stress Symptoms for Adults and the Stroop Color-Word test were used to determine stress incidence and cognitive performance, respectively. The concentration of cortisol was determined in blood by ELISA and the activity of salivary amylase by a kinetic assay. Results revealed that 45% of the subjects investigated experience some sort of stress, and of them, 79% are in the phase of resistance. Subjects who experienced a higher level of stress also showed a higher concentration of cortisol but a lower reactivity of amylase after the Stroop test. Longer reaction times and higher rates of error after the Stroop test were also observed in these subjects. These results suggest that chronic psychological stress is associated with higher levels of serum cortisol and a lower reactivity of amylase towards cognitive demands. Diminished sympathetic activity, as result of chronic exposure to stress, and reflected by lower levels of amylase activity might have been responsible for impairments in selective attention and cognitive performance.
Keywords: Estresse
Stroop
Ambiente de trabalho
Saliva
Cortisol
Amilase
Stress
Stroop test
Workplace
Amylase
Estresse ocupacional
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::CIENCIAS BIOLOGICAS::GENETICA
metadata.dc.language: por
metadata.dc.publisher.country: BR
Publisher: Universidade Federal de Uberlândia
metadata.dc.publisher.initials: UFU
metadata.dc.publisher.department: Ciências Biológicas
metadata.dc.publisher.program: Programa de Pós-graduação em Genética e Bioquímica
Citation: TEIXEIRA, Renata Roland. Avaliação do estresse e sua relação com os níveis de cortisol sanguíneo, amilase salivar e desempenho cognitivo em executivos de um grupo empresarial. 2011. 60 f. Tese (Doutorado em Ciências Biológicas) - Universidade Federal de Uberlândia, Uberlândia, 2011.
URI: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/15751
Issue Date: 11-Jul-2011
Appears in Collections:TESE - Genética e Bioquímica

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
AvaliacaoEstresseRelacao.pdf793.52 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.