Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/15734
metadata.dc.type: Tese
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
Title: Caracterização de peptídeos recombinantes associados à brucelose bovina e suas aplicações diagnósticas e vacinais
metadata.dc.creator: Santos, Fabiana de Almeida Araújo
metadata.dc.contributor.advisor1: Goulart Filho, Luiz Ricardo
metadata.dc.contributor.referee1: Azevedo, Vasco Ariston de Carvalho
metadata.dc.contributor.referee2: Mineo, Tiago Wilson Patriarca
metadata.dc.contributor.referee3: Cunha Junior, Jair Pereira da
metadata.dc.contributor.referee4: Pajuaba, Ana Cláudia Arantes Marquez
metadata.dc.contributor.referee5: Campos, Tatiana Amabile de
metadata.dc.description.resumo: CAPÍTULO 2: A brucelose bovina é uma doença com grande impacto na produção animal e de repercussão na saúde humana. Estimativas mostram que a brucelose é responsável pela diminuição na produção de leite e de carne e pela redução da produção de bezerros. Apesar de testes diagnósticos oficiais e sensíveis serem utilizados, ainda não se tem um teste sorológico ideal para todas as situações epidemiológicas, pois são trabalhosos, complexos e de alto custo. Em relação às vacinas, buscam-se formulações vacinais protetoras diversas e que não interfiram no diagnóstico, mas somente as vacinas vivas atenuadas são efetivamente utilizadas nos programas de controle da brucelose. Neste trabalho, peptídeos recombinantes foram selecionados pela técnica de phage display, após três ciclos de seleção, utilizando uma biblioteca comercial Ph.D.-C7C contra anticorpos policlonais de animais positivos para brucelose. Nove clones foram selecionados, sequenciados, traduzidos. Dois peptídeos foram sintetizados quimicamente e verificamos suas potenciais aplicações diagnósticas e vacinais. Os peptídeos foram testados por ELISA com 80 soros positivos e negativos, e apresentaram uma sensibilidade de até 97,5% na detecção de anticorpos circulantes de animais com brucelose. Visando aplicação diagnóstica, o peptídeo Ba9 foi imobilizado sobre um eletrodo de grafite modificado com poli (3-HFA) e medidas voltamétricas foram realizadas na presença de soro positivo e negativo, que mostraram ser altamente efetivo para discriminar animais doentes, resultando em uma técnica simples, rápida e reprodutível podendo futuramente ser realizada em laboratórios ou em campo. Quanto aos ensaios vacinais em camundongos imunizados com extratos protéicos e a bactéria irradiada, demonstrou-se que as formulações vacinais com os peptídeos induziram uma resposta imune celular baseada na produção de TNFα, bem como uma resposta humoral com altos níveis de IgG2a e IgG1, sugerindo um provável efeito protetor, o que deve ser comprovado com infecção ativa em ensaios biológicos posteriores.
Keywords: Brucelose em bovino - Diagnóstico
Brucelose bovina - Vacina
Peptídeos
Brucelose
Diagnóstico
Biossensores
Vacinas
Phage display
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::CIENCIAS BIOLOGICAS::GENETICA
metadata.dc.language: por
metadata.dc.publisher.country: BR
Publisher: Universidade Federal de Uberlândia
metadata.dc.publisher.initials: UFU
metadata.dc.publisher.department: Ciências Biológicas
metadata.dc.publisher.program: Programa de Pós-graduação em Genética e Bioquímica
Citation: SANTOS, Fabiana de Almeida Araújo. Caracterização de peptídeos recombinantes associados à brucelose bovina e suas aplicações diagnósticas e vacinais. 2011. 103 f. Tese (Doutorado em Ciências Biológicas) - Universidade Federal de Uberlândia, Uberlândia, 2011.
URI: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/15734
Issue Date: 27-Oct-2011
Appears in Collections:TESE - Genética e Bioquímica

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
t.pdf1.2 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.