Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/15106
metadata.dc.type: Dissertação
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
Title: Construção e estudo das condições de operação de uma unidade de pirólise para pneumáticos inservíveis
metadata.dc.creator: Partata, Andréia Ramos
metadata.dc.contributor.advisor1: Henrique, Humberto Molinar
metadata.dc.contributor.referee1: Franco Junior, Moilton Ribeiro
metadata.dc.contributor.referee2: Soletti, João Inácio
metadata.dc.description.resumo: O pneu é hoje considerado um resíduo com disposição final bastante inadequada como em lixões ou em aterros. Ele pode causar muitos problemas ambientais e para saúde humana, uma vez que quando absorvem gases estouram e quando queimados a céu aberto liberam substâncias tóxicas como o dióxido de enxofre e material particulado. Uma alternativa de uso seria como fonte de energia em indústrias que demandam alto poder energético em seus processos, pois seu poder calorífico é de aproximadamente 33 MJ/kg. Este valor é alto quando comparado ao carvão vegetal. Nesse sentido, indústria da cal, que demandam de grande quantidade de energia, poderia ser um destino final desse rejeito. Os custos com combustível neste tipo de indústria alcançam até 50 % do custo total, pois operam a temperaturas bastante altas. Assim, uma das formas de aproveitar o pneu adequadamente e buscar uma nova fonte de energia alternativa seria fazer a pirólise do mesmo, obtendo produtos com alto poder energético. Desta forma, o objetivo deste trabalho foi projetar e construir uma unidade de pirólise para pneus inservíveis investigando a possibilidade de usar seus produtos como combustível industrial. Além disso, pretende-se estudar o efeito das variáveis de processo, temperatura e pressão, no rendimento e na qualidade dos produtos obtidos. Diante de alguns produtos obtidos (carvão pirolítico e óleo pirolítico), foram feitas análises a fim de compará-los com combustíveis usados atualmente em indústrias de cal, como a moinha de carvão vegetal e o coque. Os resultados experimentais mostraram que com o aumento da temperatura no pirolisador houve uma diminuição da percentagem de carvão pirolítico obtida. Estes valores variaram entre (35,18 41,35) %. Já para o óleo pirolítico, observou-se uma maior variação do rendimento com a temperatura, alcançando um valor máximo de 45,1 % em 500 °C. Verificou-se também que o óleo pirolítico pode ser usado como combustível líquido, devido seu alto poder calorífico (40-42) MJ/kg, baixa viscosidade (1,6 3,7) cP e baixo teor de enxofre (0,97 1,54) % .
Abstract: Today the used tire is considered a residue with quite inadequate final disposition as in embankments. It can cause many environmental and human health problems because it can absorb gases and to burst. When it is burned into nature it forms toxicant substances as sulfur dioxide and powder material. An alternative use of the used is as energy source in industries that demand high amount of energy in your processes because its calorific value is of approximately 33 MJ/kg. This value is high when compared with the vegetable coal calorific value. In that sense, quicklime industry can take advantage of this low cost energy source and to receive this residue. The costs with fuel in this type of industry reach up to 50% of the final cost of the lime because they operate in very high temperatures. The pyrolysis of the used tires is a way to produce high calorific value fuels from used tires with no residue generation. In this way we can give a final destination to the used tires environmentally safe. The aim of this work was to design and to build an experimental unit of pyrolysis of the used tires and to investigate the possibility to use their products as industrial fuel. Besides, we intend to study the effect of the process variables such as temperature and pressure in the process yield and in the quality of the obtained products. Some analyses of the obtained products (pyrolytic coal and oil) were made in order to compare them with traditional fuels used in quicklime industries (vegetable coal and petroleum coke). The experimental results showed that when the temperature of the pyrolyser increases the percentage of pyrolytic coal decreases. These values varied from 35.18% to 41.35%. It was also observed that the yield of the pyrolytic oil is more dependent on pyrolyser temperature than the yield of the pyrolytic coal. We get a maximum yield of the pyrolytic oil of the 45.1% when the pyrolyser was operated in 500oC. In addition, it was verified that the pyrolytic oil can be used as liquid fuel due to its very high calorific value (from 40 to 42 MJ/kg), its low viscosity (from 1.6 to 3.7 cP) and its low sulfur content (from 0.97 to 1.54%).
Keywords: Pirólise
Pneu
Combustível
Pyrolysis
Used Tires
Alternative Fuels
Pneus
Combustiveis
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::ENGENHARIAS::ENGENHARIA QUIMICA
metadata.dc.language: por
metadata.dc.publisher.country: BR
Publisher: Universidade Federal de Uberlândia
metadata.dc.publisher.initials: UFU
metadata.dc.publisher.department: Engenharias
metadata.dc.publisher.program: Programa de Pós-graduação em Engenharia Química
Citation: PARTATA, Andréia Ramos. Construção e estudo das condições de operação de uma unidade de pirólise para pneumáticos inservíveis. 2007. 93 f. Dissertação (Mestrado em Engenharias) - Universidade Federal de Uberlândia, Uberlândia, 2007.
URI: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/15106
Issue Date: 28-Sep-2007
Appears in Collections:DISSERTAÇÃO - Engenharia Química

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Andreia.pdf1.91 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.