Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/14854
metadata.dc.type: Dissertação
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
Title: Metodologia para análise de trincas de hidrogênio em soldas através de ensaios destrutivos e emissão acústica
Other Titles: Methodology of Analysis of Hydrogen Cracking in Welding using Destructive Test and Acoustic Emission
metadata.dc.creator: Silva, Hebert Roberto da
metadata.dc.contributor.advisor1: Ferraresi, Valtair Antonio
metadata.dc.contributor.referee1: Vilarinho, Louriel Oliveira
metadata.dc.contributor.referee2: Leal, Valdemar Silva
metadata.dc.description.resumo: A evolução dos processos de soldagem, registrada nos últimos anos em todo mundo, tem ocorrido devido a este processo de fabricação estar relacionado com a maioria das aplicações industriais, seja na construção como na recuperação de componentes. Para isso procedimentos utilizados para avaliar a susceptibilidade a trincas em estruturas metálicas vêm sendo constantemente aperfeiçoados. Logo, o aprimoramento científico e tecnológico nestes seguimentos tornou-se não só uma necessidade, mas uma questão de sobrevivência. As trincas de hidrogênio são um dos mais graves e persistentes defeitos encontrados na soldagem dos aços, conforme demonstrado pela avaliação de custos e da perda de tempo e reparos de peças e estruturas soldadas, quando comparadas com outros defeitos originados pela utilização deste processo. Durante a soldagem, a ZAC é submetida a ciclos térmicos, com mudança em sua microestrutura e propriedades mecânicas sendo notória a possibilidade de trincamento nesta região. Neste sentido o objetivo deste trabalho foi apresentar uma metodologia para a determinação e avaliação da formação e propagação da trinca de hidrogênio utilizando um sistema de Emissão Acústica, nos ensaios de susceptibilidade a trinca (G-BOP e Tekken) em um aço de Alta Resistência e Baixa Liga. Foram ensaiados corpos de prova utilizando os processos eletrodo revestido e MIG/MAG, com aplicações em condições favoráveis ao surgimento de trincas bem como adotando procedimentos recomendados para sua prevenção. Nos ensaios G-BOP e Tekken notou-se uma relação direta entre a ocorrência de trincas no corpo de prova e o sinal característico apresentado pelo sensor de emissão acústica. Com isso, a metodologia de ensaio com o sistema de Emissão acústica utilizado nesta pesquisa demonstrou ser eficiente para o seu propósito.
Abstract: The evolution of the processes of welding, registered in recent years in everybody, has occurred had to this process of manufacture to be related with the majority of the industrial applications, either in the construction as in the recovery of components. To this used procedures to evaluate the cracking sensibility in metallic structures comes being constantly perfected. With this, the scientific and technological improvement in these pursuings not only became a necessity, but a question of survival. Hydrogen induced cracking is one of the most serious and persistent defects found in the steels welding, as demonstrated by evolutions of costs and loss of time with repairs in welded parts. During welding, the heataffected zone (HAZ) is subjected to thermal cycles, which produces a change in both its microstructure and mechanical properties. In this sense, the objective was to present a methodology for determining and evaluating the training and crack propagation of hydrogen induced cracking using a system of Acoustic Emission for the test of susceptibility to crack (G-BOP and Tekken) in a High Strength Steel and Low Alloy. We tested specimens of the processes shielded metal arc welding (SMAW) and gas shielded metal arc welding (GMAW) in a comparative analysis with applications under favorable conditions the appearance of cracks as well as adopting best practices for its prevention. In the G-BOP tests and Tekken was noted a direct relationship between the occurrence of cracks in the specimen and the signal characteristic presented by the acoustic emission sensor. Thus, the testing methodology with the acoustic emission system used in this study proved to be efficient for your purpose.
Keywords: Trinca à frio
Trinca de hidrogênio
Ensaio tekken
Ensaio G-BOP
Cold cracking
Hydrogen induced cracking
Tekken test
G-BOP test
Soldagem
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::ENGENHARIAS::ENGENHARIA MECANICA
metadata.dc.language: por
metadata.dc.publisher.country: BR
Publisher: Universidade Federal de Uberlândia
metadata.dc.publisher.initials: UFU
metadata.dc.publisher.department: Engenharias
metadata.dc.publisher.program: Programa de Pós-graduação em Engenharia Mecânica
Citation: SILVA, Hebert Roberto da. Methodology of Analysis of Hydrogen Cracking in Welding using Destructive Test and Acoustic Emission. 2010. 150 f. Dissertação (Mestrado em Engenharias) - Universidade Federal de Uberlândia, Uberlândia, 2010.
URI: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/14854
Issue Date: 16-Mar-2010
Appears in Collections:DISSERTAÇÃO - Engenharia Mecânica

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Diss Hebert.pdf5.42 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.