Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/13932
metadata.dc.type: Dissertação
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
Title: A infância nas Diretrizes Curriculares de Educação Infantil - 2003 do Município de Uberlândia
metadata.dc.creator: Richter, Solange Raquel
metadata.dc.contributor.advisor1: Resende, Selmo Haroldo de
metadata.dc.contributor.referee1: Rothen, José Carlos
metadata.dc.contributor.referee2: Guido, Humberto Aparecido de Oliveira
metadata.dc.description.resumo: Esta pesquisa teve por objetivo compreender em uma perspectiva histórico-filosófica concepção (ões) de criança e infância das diretrizes curriculares de educação infantil do município de Uberlândia. A partir desse propósito detivemo-nos no documento Diretrizes Curriculares Educação Infantil (DC-ED) , desenvolvido e elaborado pela Secretaria Municipal de Educação do município de Uberlândia MG e pelo Centro Municipal de Estudos e Projetos Educacionais Julieta Diniz (CEMEPE), publicado em 2003 e ainda em vigor com formato e conteúdo inalterado. Como arcabouço teórico explorou-se no trabalho o pensamento de alguns filósofos do período antigo, medieval e moderno para compreender histórica e filosoficamente imagens, conceitos e concepções de criança e de infância que se diferenciaram no tempo e no contexto histórico. Além de referenciais acerca do processo de constituição das instituições destinadas a atender a criança no Brasil e bases legais que tratam sobre a infância. Para tanto, como metodologia realizou-se estudos bibliográfico-documental e, ainda, análise documental, voltando-se à estrutura do documento; suas bases filosóficas e às concepções de criança e infância presentes no mesmo. Concluiu-se, com base nesse processo de análise, que as concepções de criança e infância são apresentadas no documento sem a preocupação de explicá-las e/ou conceitualizá-las, deixando-as soltas com possibilidade de diferentes entendimentos. É como se o documento assumisse conceitos chaves para a proposta sem, entretanto, dar solidez às teses defendidas. Cita superficialmente referenciais que demandariam aprofundamento para sustentação de suas bases teóricas, de modo que, a criança, ser completo e real que vive os anos iniciais da trajetória humana e, a infância como a representação do adulto acerca dessa fase, não aparecem no documento como definições claras, ou mesmo, diferenciadas. Ainda que o referencial teórico apontado e os autores citados tenham notório reconhecimento na discussão há um descompasso, ou mesmo, momentos conflituais ao longo das diretrizes orientadoras da educação infantil do município de Uberlândia.
Abstract: This research aimed to understand the conceptions of the child and childhood curriculum guidelines on early childhood education in Uberlândia in a historical-philosophical perspective. With this purpose we have studied the \"Curriculum Guidelines - Early Childhood Education\" developed and produced by the Municipal Secretary of Education of Uberlândia- MG and by the Municipal Center of Studies and Educational Projects Julieta Diniz (CEMEPE), published in 2003 with format and content unchanged up to now. We have explored the work of some philosophers of ancient, medieval and modern periods to understand images, concepts and conceptions of children and childhood that differ in time and historical contexts. We also studied references on the process of creation of institutions designed to assist children in Brazil, and legal bases that deal with childhood as well. Documentary and bibliographical studies were conducted. An analysis of the document structure, its philosophical foundations and conceptions of children and childhood was also carried out. The results show that the conceptions of children and childhood are presented in the document without the concern to explain and/or conceptualize them, letting them with possibilities of different understandings. It\'s as if the document assume key concepts for the proposal without, however, giving solidity to theses. It superficially cites references that would require further support for its theoretical basis, so that the child as a complete and real human being that lives the early years of human history, and childhood as representing the adult stage about that phase, do not appear in the document as clear definitions, or even differentiated ones. Although the theoretical reference presented, and the authors cited have notorious recognition there is a mismatch in the discussion, or even conflicting moments along the guidelines of the early childhood education in Uberlândia.
Keywords: Criança
Infância
Educação infantil
Diretrizes curriculares de educação infantil
Child
Childhoold
Early education
Curriculum guidelines on early childhood education
Educação infantil - Uberlândia, MG
Diretrizes Curriculares de Educação Infantil - Uberlândia, MG
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::CIENCIAS HUMANAS::EDUCACAO
metadata.dc.language: por
metadata.dc.publisher.country: BR
Publisher: Universidade Federal de Uberlândia
metadata.dc.publisher.initials: UFU
metadata.dc.publisher.department: Ciências Humanas
metadata.dc.publisher.program: Programa de Pós-graduação em Educação
Citation: RICHTER, Solange Raquel. A infância nas Diretrizes Curriculares de Educação Infantil - 2003 do Município de Uberlândia. 2013. 128 f. Dissertação (Mestrado em Ciências Humanas) - Universidade Federal de Uberlândia, Uberlândia, 2013.
URI: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/13932
Issue Date: 5-Jun-2013
Appears in Collections:DISSERTAÇÃO - Educação

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Solange Raquel.pdf769.36 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.