Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/13917
metadata.dc.type: Dissertação
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
Title: Gênero e sexualidade: o itinerário de um grupo de discussão como possibilidade formativa
metadata.dc.creator: Severo, Rafael Adriano de Oliveira
metadata.dc.contributor.advisor1: Cunha, Myrtes Dias da
metadata.dc.contributor.referee1: Novais, Gercina Santana
metadata.dc.contributor.referee2: Teixeira, Adla Betsaida Martins
metadata.dc.description.resumo: O presente estudo tem por objetivo discutir como questões relacionadas ao gênero e à sexualidade são processadas por um Grupo de Discussão. Na perspectiva de estudar um Grupo de Discussão sobre gênero e sexualidade, a metodologia utilizada privilegiou uma abordagem qualitativa, com o acompanhamento do trabalho de um Grupo de Discussão formado por 27 (vinte e sete) sujeitos no período de abril a julho de 2010. Partindo da hipótese, traçada ao longo desses estudos e reflexões, de que o que precisa mudar não são apenas os métodos e técnicas educacionais, mas sim os sujeitos que trabalham com as temáticas de gênero e sexualidade. Primeiro, como pesquisadores, não é possível dissociar-nos como sujeitos da aprendizagem somos formadores/pesquisadores e aprendentes pois, ao mesmo tempo em que oportunizamos um processo de formação para outros sujeitos, estamos nos colocando no lugar de sujeitos que aprendem. Segundo, acreditamos que a descrição resultante do processo formativo realizado pode se constituir como mais uma possibilidade de contribuição na formação de profissionais que trabalham com pessoas principalmente na área educacional ou seja, acreditamos que iniciativas pontuais de formação, como esta que apresentamos, podem contribuir na formação de professores e professoras, principalmente àqueles e àquelas que trabalham com as questões de gênero e sexualidade. Diante disso, apresentamos como objeto de investigação para a presente pesquisa o seguinte questionamento: o que os sujeitos do Grupo de Discussão expressam sobre gênero e sexualidade no cotidiano escolar? E, a fim de construir respostas para a questão anterior valemo-nos de pensamentos, falas, sentimentos dos sujeitos nesse processo formativo oportunizado para avaliar como os sujeitos se envolvem com a discussão sobre gênero, sexualidade e cotidiano da escola. Constatamos que os Grupos de Discussão precisam ser promovidos com certa periodicidade por ser a realidade sempre dinâmica. Acreditamos que as expectativas foram alcançadas, pois, mesmo em poucos encontros, verificamos um grande envolvimento dos sujeitos com as discussões propostas e abertura desses para o debate e um enriquecimento das temáticas propostas. Finalizamos esse Grupo de Discussão acreditando na possibilidade de que esses sujeitos possam disseminar o debate sobre uma educação afetivo-sexual, com uma abordagem e um aprofundamento mais reflexivo, possibilitando uma educação não sexista e uma melhor compreensão e vivência de tais assuntos e suas confluências no cotidiano da escola.
Abstract: The present study has the objective of discussing issues relating to gender and sexuality that are processed by a Discussion Group. On the perspective to study a Discussion Group about gender and sexuality, the methodology utilized was a privileged qualitative approach, with the monitoring of the work of one discussion group formed by twenty-seven personnel between the period of April and July of 2010. Coming from a hypothesis, traced along these studies and reflections, there is a need for change not only in the methodology and educational techniques, but in the personnel who work with the thematic of gender and sexuality. First, as researchers it is not possible to disassociate us as apprentice personnel we are grads/researchers and learners but, at the same time we nurture an opportunity of a formation process for other personnel, as we are putting ourselves in the places of those personnel who learn. Second, we believe that the discretion resultant from the formation process that occurs can be constituted as one more possibility of contribution in the formation of professionals that work with people, especially in the educational area. It is believed that initiative points of formation of teachers are of those who especially work with issues, such as gender and sexuality. Before, we present as an object of investigation for the present research, the following question arises: What do the personnel from the Discussion Group express or think about gender and sexuality in the daily basis of the schools? And wanting to build answers for the previous issue, we value the thoughts, speeches, sentiments from the personnel in this formation process that an opportunity to be evaluated on how the personnel involves in the discussion about gender, sexuality in the daily basis of the schools has been given as well. We note that the Discussion Groups need to be promoted with some frequency because the reality is always dynamic. We believethat the expectations were met, because even in a few encounters, we noticed a large involvement of the subjects with the topics for discussion and the opening to engage in debates and the enrichment of the proposed themes. We end this discussion groupbelieving in the possibility that these individuals can spread the debate on an emotional-sexual education, with a deep and more reflective approach, allowing a non-sexist education and a better understanding and experience of such matters and their confluencesin the school routine.
Keywords: Gênero
Sexualidade
Formação de professores
Grupo de discussão
Gender
Sexuality
Teacher training
Discussion group
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::CIENCIAS HUMANAS::EDUCACAO
metadata.dc.language: por
metadata.dc.publisher.country: BR
Publisher: Universidade Federal de Uberlândia
metadata.dc.publisher.initials: UFU
metadata.dc.publisher.department: Ciências Humanas
metadata.dc.publisher.program: Programa de Pós-graduação em Educação
Citation: SEVERO, Rafael Adriano de Oliveira. Gênero e sexualidade: o itinerário de um grupo de discussão como possibilidade formativa. 2011. 162 f. Dissertação (Mestrado em Ciências Humanas) - Universidade Federal de Uberlândia, Uberlândia, 2011.
URI: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/13917
Issue Date: 24-Aug-2011
Appears in Collections:DISSERTAÇÃO - Educação

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Rafael Adriano.pdf2.09 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.