Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/13881
metadata.dc.type: Dissertação
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
Title: O projeto Escola viva, comunidade ativa como política educacional mineira
metadata.dc.creator: Prado, Jeovandir Campos do
metadata.dc.contributor.advisor1: Lima, Antonio Bosco de
metadata.dc.contributor.referee1: França, Robson Luiz de
metadata.dc.contributor.referee2: Aranda, Maria Alice de Miranda
metadata.dc.description.resumo: Esta pesquisa busca problematizar os limites e contingências da participação política e social dos sujeitos no contexto educacional por meio da implementação do Projeto Escola Viva, Comunidade Ativa (EVCA), enquanto uma política educacional do estado de Minas Gerais. A essência do EVCA reside na ampliação dos espaços de lazer, esporte e cultura no ambiente escolar e maior envolvimento da comunidade. Para a compreensão da cena que enquadra a participação no contexto educacional escolhido para este trabalho, entendemos que era preciso revisitar as bases que compõem o ideal liberal de sociedade, as variantes deste pensamento, a relação com o campo econômico e o movimento paralelo desempenhado pelo capital. Outra variante significativa considerada, foi explorar mais de perto as bases do modelo societal, construído e sustentado por inúmeros arranjos reconhecidamente elitistas. Procuramos evidenciar as formas de entrelaçamento do Estado com a sociedade civil que visam maior envolvimento e participação no mundo das políticas públicas. Enquanto caminho metodológico percorrido neste trabalho optamos pelo emprego da análise dialética atentando-nos para os nexos das estruturas micro com uma totalidade em constante transformação, valendo-nos para isso, de estudos bibliográficos e análise documental. Finalmente, os resultados deste estudo apontam para a dificuldade de efetivação de um projeto genuinamente democrático na educação. Na substituição da participação política pela participação social, engendrada por novos arranjos, que delimita, educa e direciona esta participação, envolvendo a sociedade civil e o Estado. Ao analisar o EVCA mais detalhadamente, observamos como os condicionantes econômicos acenados se imbricam na sua realidade, dividida entre atender demandas e objetivos distintos, daí a dificuldade do EVCA se firmar como uma proposta de caráter participativo transformador.
Abstract: This research seeks to discuss the limits and contingencies of people s social and political partaking in the educational context through the implementing of EVCA program (Escola Viva, Comunidade Ativa; that is, Living School, Active Community), which represents a fragment of educational policy in Minas Gerais state. The essence of EVCA lies on the expansion of leisure, sports and cultural spaces within schools and a greater involvement of community with it. Understand the scenario framing individuals participation in the educational context in this work requires reconsidering society s liberal ideal s fundaments, variations in the liberal thought, and the relationship between the economic field and the parallel movement performed by the capital. Another relevant variant is a close exploration of the bases societal model is built upon and supported by a number of arrangements known to be elitist. We try to show how the state intertwines with civil society to stimulate a greater involvement and participation in the public policies world. As a methodological procedure we employed the dialectic analysis with a focus on the links between microstructures and a whole which is changing constantly. To do so, we relied on bibliographical studies and document analyzing. Results point out both the difficulty to make a genuinely democratic program to be effective in education and a replacement of political partaking by a social one which is produced by new arrangements and which delimit, educate and direct such a participation so that to involve civil society and the state. In making a detailed analysis of EVCA program, we note how economic conditionings are overlapped in its reality, especially as to meet different demands and aims. That is why EVCA faces difficult to make itself steady as a proposition that is participative and transforming.
Keywords: Liberalismo
Políticas sociais
Participação
EVCA
Liberalism
Social policies
Participation
Educação e estado - Minas Gerais
Política Social
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::CIENCIAS HUMANAS::EDUCACAO
metadata.dc.language: por
metadata.dc.publisher.country: BR
Publisher: Universidade Federal de Uberlândia
metadata.dc.publisher.initials: UFU
metadata.dc.publisher.department: Ciências Humanas
metadata.dc.publisher.program: Programa de Pós-graduação em Educação
Citation: PRADO, Jeovandir Campos do. O projeto Escola viva, comunidade ativa como política educacional mineira. 2012. 178 f. Dissertação (Mestrado em Ciências Humanas) - Universidade Federal de Uberlândia, Uberlândia, 2012.
URI: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/13881
Issue Date: 2-Mar-2012
Appears in Collections:DISSERTAÇÃO - Educação

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
d.pdf5.14 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.