Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/13843
metadata.dc.type: Dissertação
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
Title: Ensino profissionalizante e estado militar: (re)articulação por meio dos Polivalentes (Uberlândia, MG, 1971-1980)
metadata.dc.creator: Resende, Luciana Araujo Valle de
metadata.dc.contributor.advisor1: Goncalves Neto, Wenceslau
metadata.dc.contributor.referee1: Carvalho, Carlos Henrique de
metadata.dc.contributor.referee2: Vidal, Diana Gonçalves
metadata.dc.description.resumo: Este estudo busca aprofundar o conhecimento acerca da Escola Estadual Polivalente Guiomar de Freitas Costa, situada em Uberlândia (MG), no período compreendido entre os anos de 1971 e 1980. As Escolas Polivalentes surgem num período de grande euforia econômica, provocada por um surto industrial que demandava uma mão de obra qualificada e que o país, pelas condições educacionais existentes, não conseguia suprir. Urgia, então, a formação de trabalhadores técnicos para atuar nos setores produtivos: agrícola, industrial e comercial. Os principais questionamentos que motivaram esta pesquisa foram: em que contexto esta escola foi criada e como foi o seu funcionamento nos primeiros anos de sua instalação? Quem foram seus alunos e quais foram as repercussões dessa educação na formação e na posterior atuação profissional dos mesmos? Na busca de respostas para esses questionamentos, o estudo contemplou, metodologicamente: pesquisas documentais na instituição, no Arquivo Público Municipal e na Superintendência Regional de Ensino de Uberlândia; pesquisa bibliográfica; e, por fim, entrevistas com alunos e profissionais egressos da escola. As Escolas Polivalentes, pautando a escolarização na tentativa de vincular teoria e prática, estruturaram seu currículo de forma a oferecer formação geral concomitante à formação vocacional, com aulas que contemplavam tanto a instrução geral quanto a voltada para as práticas agrícolas, industriais, comerciais e do lar. Percebemos, então, que a Escola Estadual Polivalente Guiomar de Freitas Costa, assim como as demais Escolas Polivalentes, iniciou seus trabalhos de uma forma diferenciada no que diz respeito à proposta e à qualidade de ensino. A conjugação desses diferenciais atraiu para a instituição um público que, na sua maioria, não compartilhava dos objetivos de pré-profissionalização da mesma, configurando-se em uma de suas contradições. Esta iniciativa, a despeito do grande investimento financeiro recebido e das expectativas que suscitou, no declínio da lei que a embasou a Lei nº 5.692/71 teve, também, sua proposta e atividades implantadas de forma bastante efêmera.
Abstract: This study deepened the knowledge about the Polyvalent State School Guiomar de Freitas Costa, located in Uberlândia (MG), in the period between the years 1971 and 1980. The Polyvalent Schools rose in a period of great economic euphoria, caused by an industrial surge which demanded qualified labor and that the country, by the existing educational conditions, could not supply. The formation of technical laborers to act in the productive sectors of agriculture, industry and commerce was pressing. The major questions that moved this study were: in which context this school was created and how it operated in its early years? Who were its students and which repercussions this education had on their formation and subsequent professional performance? The search for answers for these questions contemplated, methodologically, research of institutional documents in the County Public Archives and at the Regional Superintendence of Education in Uberlândia, bibliography research and, lastly, interviews with students and professional alumni of the school. The Polyvalent Schools, using as guide line of schooling, to link theory and practice, structured their curricula to offer a general formation together with the vocational one, with courses covering general instruction as well as agricultural, industry, commercial and home economics practices. It can be perceived, then, that the Polyvalent State School Guiomar de Freitas Costa, as well as the other Polyvalent Schools, started its work in a different manner in respect to the education proposal and quality. The union of these differentials attracted to the institution a public which, in its majority, did not share its pre-professional objectives, configuring one of its contradictions. This enterprise, regardless of the great financial investment received and the expectations risen, with the decline of the law that constituted them the Law nº 5,692/71 also had its proposal and installed activities an ephemeral duration.
Keywords: Escolas polivalentes
Ensino profissionalizante
Ditadura militar
Polyvalent schools
Professional learning
Military dictatorship
Educação e Estado Brasil
Ensino profissional Uberlândia (MG) - História
Brasil - História - 1964-1985
Escola Estadual Polivalente Guiomar de Freitas Costa - Uberlândia (MG) - 1971-1980
Educação - História
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::CIENCIAS HUMANAS::EDUCACAO
metadata.dc.language: por
metadata.dc.publisher.country: BR
Publisher: Universidade Federal de Uberlândia
metadata.dc.publisher.initials: UFU
metadata.dc.publisher.department: Ciências Humanas
metadata.dc.publisher.program: Programa de Pós-graduação em Educação
Citation: RESENDE, Luciana Araujo Valle de. Ensino profissionalizante e estado militar: (re)articulação por meio dos Polivalentes (Uberlândia, MG, 1971-1980). 2011. 147 f. Dissertação (Mestrado em Ciências Humanas) - Universidade Federal de Uberlândia, Uberlândia, 2011.
URI: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/13843
Issue Date: 18-Mar-2011
Appears in Collections:DISSERTAÇÃO - Educação

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Diss Luciana.pdf8.11 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.