Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/13751
metadata.dc.type: Dissertação
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
Title: A educação moral e cívica: disciplina escolar e doutrina disciplinar - Minas Gerais (1969-1993)
metadata.dc.creator: Abreu, Vanessa Kern de
metadata.dc.contributor.advisor1: Inácio Filho, Geraldo
metadata.dc.description.resumo: Esta pesquisa tem como problema central compreender qual o papel da Educação Moral e Cívica dentro do contexto da fragmentação do ensino de história, no período da ditadura militar no Brasil, tendo como referência o Estado de Minas Gerais, entre 1969 e 1993. Centralizamos nossos estudos na Educação Moral e Cívica pela continuidade que ela apresenta em relação a outros períodos da nossa história. Desde fins do Império, o debate acerca da importância da formação cívica e moral dos estudantes estava presente nos meios intelectuais, em especial entre os estudiosos do Instituto Histórico e Geográfico do Brasil, IHGB. No período republicano, a formação cívica foi relacionada ao valor do trabalho para o engrandecimento do cidadão e da Pátria. Durante a ditadura militar, a Educação Moral e Cívica esteve relacionada aos valores de Segurança Nacional, fortalecimento do Estado e desenvolvimento econômico do país. Através da análise da legislação educacional do período republicano, em especial da ditadura militar, e de documentos pesquisados no Arquivo Público de Patos de Minas, pretendemos traçar considerações de como o Estado militar procurou redefinir conceitos como Educação , Trabalho e Pátria dentro da lógica da busca pela Segurança Nacional, desenvolvimento econômico e disciplina. A partir da leitura de bibliografia relativa ao período militar e à História da Educação, bem como dos escritos de Antonio Gramsci, podemos refletir sobre como essa redefinição foi promovida a partir da obrigatoriedade de implantação da Educação Moral e Cívica nas escolas de todo o país, em 1969. No âmbito da disciplina e da prática educativa de EMC, solenidades cívicas eram realizadas a levadas à comunidade através da participação de pais e professores nos desfiles e homenagens, enfatizando o dever com a Segurança Nacional e o seu comprometimento com o progresso da Pátria. Os resultados da nossa pesquisa demonstram que a Educação Moral e Cívica tinha o papel de mobilizar o país em torno dos ideais da Revolução , de construção de um Brasil Grande , a partir das atividades cívicas escolares. As propagandas feitas na imprensa, assim como a censura aos meios de comunicação e organizações trabalhistas e estudantis, estavam relacionadas com a escola e suas atividades, centralizadas em órgãos federais, estaduais e municipais. A Educação Moral e Cívica foi revogada dos currículos escolares somente em 1993, porém as discussões acerca do papel da formação para a cidadania e prática democrática ainda são assuntos presentes na imprensa, nos meios políticos e nas universidades até os dias de hoje, fato que dá relevância social aos nossos estudos.
Abstract: This workpaper have a essential problem, to understand how the discipline Educação Moral e Cívica was important to teach of History in the State of Minas Gerais, special in Brazil s authorithary period (1964-1985). We choose this subject because this discipline have a special line with other times of our history. Even in D. Pedro II Reign (1840-1889), there are conferences and conversations about Educação Moral e Cívica of the students and children, in the Instituto Histórico e Geográfico do Brasil (IHGB). In the Republic (1889-1964), the civic education was close to idea of create in the citiziens patriotic feelings their country. In the authoritary times (1964-1985), the Educação Moral e Cívica was near to ideas of National Security and politic and economic development. Through the study about the Republic laws of National Education, specially between 1964- 1985, and through documents found in the public archive of the city of Patos de Minas (Minas Gerais), we want to think about of how ideas of Education , Work and County were redefine in the logic of National Security and official control of the brazilian people life and politic and economic development. Also, we have readed books about the authoritary times in Brazil and about History of Education, as books of Antonio Gramsci, our principal theoric. The Educação Moral e Cívica was made obrigatory by the military State in 1969. With classes and educative pratics, the Educação Moral e Cívica has the responsibility of civic events at the school. This events envolved students, parents, families, all the community in the politic of National Security. The results of our studies show how the Educação Moral e Cívica was close of National Security for the military State.
Keywords: Educação moral e cívica
Ditadura militar
Segurança nacional
Military and authoritary governement
National security
Educação moral e cívica
Minas Gerais - História, 1969-1993
Segurança militar
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::CIENCIAS HUMANAS::EDUCACAO
metadata.dc.language: por
metadata.dc.publisher.country: BR
Publisher: Universidade Federal de Uberlândia
metadata.dc.publisher.initials: UFU
metadata.dc.publisher.department: Ciências Humanas
metadata.dc.publisher.program: Programa de Pós-graduação em Educação
Citation: ABREU, Vanessa Kern de. A educação moral e cívica: disciplina escolar e doutrina disciplinar - Minas Gerais (1969-1993). 2008. 160 f. Dissertação (Mestrado em Ciências Humanas) - Universidade Federal de Uberlândia, Uberlândia, 2008.
URI: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/13751
Issue Date: 29-Aug-2008
Appears in Collections:DISSERTAÇÃO - Educação

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
dis.pdf667.16 kBAdobe PDFView/Open
parte 2.pdf8.35 MBAdobe PDFView/Open
parte 3.pdf9.01 MBAdobe PDFView/Open
parte 4.pdf5.24 MBAdobe PDFView/Open
parte 5.pdf10.05 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.