Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/13641
metadata.dc.type: Tese
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
Title:  Tem gringo na área! : traçando o perfil sócio pedagógico do professor estrangeiro na universidade pública brasileira
Other Titles:  Gringos within us! describing the socio-pedagogical profile of foreign teachers in the brazilian public university
metadata.dc.creator: Ba, Serigne Ababacar Cisse
metadata.dc.contributor.advisor1: Puentes, Roberto Valdés
metadata.dc.contributor.referee1: Longarezi, Andréa Maturano
metadata.dc.contributor.referee2: Aquino, Orlando Fernandéz
metadata.dc.contributor.referee3: Silva, Marcelo Soares Pereira da
metadata.dc.contributor.referee4: Silva, Diva Souza
metadata.dc.contributor.referee5: Borges, Maria Célia
metadata.dc.description.resumo: Esse trabalho de tese buscou apreender o professor estrangeiro, no seu perfil, suas dificuldades, suas contribuições e desafios para a permanência e reconstrução das práticas didático-pedagógicas e para a atuação como profissional docente nas universidades públicas brasileiras. O estudo se justificou pelo fato de termos um grande número desses sujeitos nas universidades públicas brasileiras principalmente nos últimos dez anos e que, portanto, nunca foi ainda objeto de um estudo sistemático. Nosso universo de pesquisa foi a UnB, instituição pública federal que concentra o maior número desses professores. Dados do INEP (microdados do censo do ensino superior do ano de 2011) nos serviram de base para localizar esses docentes. Aplicaram-se questionários a mais de 37,3% das nacionalidades presentes (19 das 51 nacionalidades) correspondendo a 7,6% de uma população de 250 professores além de entrevistas semiestruturadas, consulta a documentos disponibilizados nas IES e em outros locais (sites web das faculdades, sites pessoais e copiadoras). A análise qualitativa e o tratamento estatístico dos dados nos permitiram chegar a seguintes conclusões: os professores estrangeiros encontrados na UNB são originários na sua maioria dos países da América Latina e da Europa, se declaram brancos ou pardos, têm títulos de doutores, trabalham em regime de dedicação exclusiva e atuam no ensino, pesquisa e extensão. Os docentes encontram grandes dificuldades de adaptação em seus locais de trabalho devido à falta de mecanismos de socialização e de auxílio em suas práticas pedagógicas. À luz do paradigma da complexidade de Edgar Morin, pôde se afirmar que o professor estrangeiro tenta sobreviver na universidade pública brasileira em meio a dilemas e contradições que vão desde inquietações culturais, alteridade e aceitação pelos alunos até sua própria integração na universidade e a busca permanente da religação das partes. No entanto, há de se notar a grande contribuição desses professores no que tange à inserção dos programas de pós-graduação onde atua em altos patamares de qualidade além da inserção internacional.
Abstract: This thesis aimed to understand the foreign teacher, its profile, difficulties, contributions permanence challenges and reconstruction of didactic-pedagogical practices and for its professional exercise in the brazilian public universities. The study was justified because of their increasing number particularly during the last decade and also the lack of systematic research of the thematic. Our universe was the UnB, federal public university of Brasilia where we found the bigger number of these teachers. Using the INEP data (micro data of census of higher education, 2011) we could localize those ones. Questionnaires were applied to more than 37,3% of the nationalities present (19 of 51 nationalities) corresponding to 7,6% of the population estimated to 250 teachers, documents consulting (school websites, personnel website, photocopy services). The qualitative analysis and the statistical data treatment allowed us to obtain the following results: the teachers met at UnB are from Latin America and Europe, are white or brunet, are doctors and are contracted full time. They also act in teaching, research and extension. These teachers met many adaptation difficulties in their workplace due to a lack of socialization and help mechanisms in their teaching practices. By means of the complexity paradigm of Edgar Morin, we could confirm that the foreign teacher tried to survive in the brazilian public university within dilemmas and contradictions like cultural problems, alterity and acceptation by the students, its insertion in the own university and is always in search for means to connect the parts. Although, we could note the big contributions of these teachers in the quality of the graduate programs and the international insertion of their universities.
Keywords: Professores estrangeiros
Perfil sóciopedagógico
IES públicas federais
Foreign teachers
Socio-pedagogical profile
Federal public universities
Universidades e faculdades públicas
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::CIENCIAS HUMANAS::EDUCACAO
metadata.dc.language: por
metadata.dc.publisher.country: BR
Publisher: Universidade Federal de Uberlândia
metadata.dc.publisher.initials: UFU
metadata.dc.publisher.department: Ciências Humanas
metadata.dc.publisher.program: Programa de Pós-graduação em Educação
Citation: BA, Serigne Ababacar Cisse. Gringos within us! describing the socio-pedagogical profile of foreign teachers in the brazilian public university. 2013. 197 f. Tese (Doutorado em Ciências Humanas) - Universidade Federal de Uberlândia, Uberlândia, 2013.
URI: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/13641
Issue Date: 18-Apr-2013
Appears in Collections:TESE - Educação

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
SerigneAbabacar.pdf3.11 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.