Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/13434
metadata.dc.type: Dissertação
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
Title: Padrões florísticos, estruturais e relações edáficas entre dois tipos de florestas tropicais estacionais no cerrado
Other Titles: Floristic and structural patterns and edaphic relationship between two types of tropical dry forest in cerrado
metadata.dc.creator: Kilca, Ricardo de Vargas
metadata.dc.contributor.advisor1: Schiavini, Ivan
metadata.dc.contributor.referee1: Araújo, Glein Monteiro de
metadata.dc.contributor.referee2: Fagg, Jeanine Maria Felfili
metadata.dc.description.resumo: Esta dissertação foi elaborada na forma de dois capítulos no formato de artigos. Primeiramente, realizou-se uma introdução geral onde se apresentou rapidamente um panorama atual das tendências da conservação dos recursos florestais e onde se insere, neste contexto, esta pesquisa. Neste mesmo item, fez-se também uma revisão geral do conceito das florestas tropicais estacionais na América Latina e no Cerrado e finalizou-se com a apresentação da estrutura dos dois capítulos. Estes focam em um tema pouco abordado até então na literatura, que se trata das diferenças entre os dois principais tipos de florestas estacionais no Cerrado, as florestas estacionais semideciduais e as florestas estacionais deciduais. O primeiro capítulo teve como objetivo explorar como os fatores edáficos poderiam ser determinantes para a diversidade e estrutura do componente arbóreo destas duas florestas e, para isso, buscou-se avaliar dois parâmetros edáficos muito importantes: a fertilidade e a capacidade de armazenamento de água nos dois estandes. O estudo foi desenvolvido em dois fragmentos localizados nas encostas do vale do rio Araguari, oeste de Minas Gerais. Os resultados demonstraram que essas florestas sob mesmas condições ambientais (altitude, topografia e pluviosidade) possuem padrões diferentes de fertilidade e armazenamento de água no solo determinando assim, a diversidade, composição e estruturas horizontais e verticais dos estandes, sendo estes dois últimos parâmetros fortemente influenciados pelas diferenças nos estádios sucessionais entre as duas formações. No segundo capítulo, o objetivo principal foi investigar se existe um padrão próprio de diversidade e composição florística no componente arbóreo entre as duas florestas estacionais no Cerrado. Foram utilizadas para comparação 10 áreas de florestas estacionais já inventariadas na região do Triângulo Mineiro (cinco de cada fisionomia), e através dos seus conjuntos de dados foram avaliadas a riqueza, composição, similaridade em nível de espécie, gênero e família. Como estas 10 áreas ocorrem em diferentes condições ambientais e distâncias muito variáveis entre sí, somou-se à base de dados as duas florestas anteriormente estudadas no capítulo 1, por representarem os únicos exemplos de fisionomias próximas e com condições ambientais semelhantes. Os resultados demonstraram, de forma geral para as 12 áreas, que indiferente da distância e da condição ambiental, as duas fisionomias apresentaram diferenças marcantes quanto a riqueza e composição florística nos três níveis hierárquicos taxonômicos investigados (espécie, gênero e família). Fragmentos florestais de mesma fisionomia demonstraram valores de similaridade elevados e muito semelhantes nos três níveis taxonômicos e quando comparados as duas fisionomias diferentes os valores foram significativamente menores. Demonstrou-se também que esses padrões se mantêm indiferente da distância entre os fragmentos. Os dados apresentados permitiram legitimar as diferenças fisionômicas existentes na bibliografia oferecendo fortes padrões taxonômicos e de diversidade entre as duas fisionomias no Cerrado. Concluiu-se a dissertação com as considerações finais do estudo, em que chamou a atenção para a necessidade de estudos que venham confirmar as hipóteses levantadas nesse estudo em outras florestas estacionais do Bioma e da importância de inventários padronizados para subsidiar estudos de recuperação e utilização racional dos recursos florestais desses ecossistemas.
Abstract: The present dissertation was elaborated in a form of two chapters developed in article structures. Foremost, a general introduction was quickly presented showing the current panorama about the tendencies of forest resources in which this research is included. In this item a general review about the concept of dry tropical forests in South America and Cerrado are also presented, concluding with a presentation of the structure that is divided in two chapters. Such chapters, are focused on a theme which is slightly approached at the present time in literature, the differences between the two main types of seasonally dry forests in Cerrado, the semi-deciduous seasonal forests and the deciduous seasonal forests. On the first chapter, the purpose was to explore how the edaphic factors could be determinant for the diversity and structure of the trees component of the two forests and, in order to do that, we chose to evaluate two very important edaphic parameters: fertility and soil water availability of the two stands. The study was developed in two fragments located at slopes of Araguari River, west of Minas Gerais. The results showed that those forests under the same environmental conditions (altitude, topography and rainfall) have different patterns of fertility and soil moisture profile, constituting in this way, the diversity, composition and horizontal and vertical structures of the stands, these last two parameters are strongly influenced by the differences in the succeeding levels between the two formations. On the second chapter, the purpose was to investigate whether exists a pattern of diversity and floristic composition in the arboreous component between the two seasonal forests in Cerrado. Were used, as a comparison, 10 seasonal forest areas already registered in the region of Triângulo Mineiro (five of each physiognomy), and through their data sets was possible to analyze richness, composition, level of species similarity, genre and family. As those 10 areas occur in different environmental conditions and variable distances, the two types of forests previous studied in the chapter one were added to the data set, because they represent the only examples of near physiognomies and similar environmental conditions. The results demonstrated that, in a general view for the 12 areas, don t matter the distance and environmental condition, the two physiognomies presented significant differences in the richness and floristic composition in the three taxonomic hierarchic levels investigated (species, genre and family). Forest fragments from the same physiognomy showed elevated levels of similarity and were also very similar in the three taxonomic levels, but when they were compared to two different physiognomies the results were significantly lower. It exposed that the patterns remain, indifferent to distance between the fragments. The data exhibited allowed to legitimate the physiognomic differences contained in the bibliography offering strong taxonomic and diversity patterns between the two physiognomies from Cerrado. The dissertation was concluded with the final considerations, which called the attention to the need of other researches which could confirm the hypothesis rose in this study in other seasonal forests of the Biome and in addition highlighted the importance of standard inventories to subsidize studies for recovering and rational use of forest resources from such ecosystems.
Keywords: Florestas estacionais
Florestas estacionais semideciduais
Florestas estacionais deciduais
Rio Araguari
Triângulo Mineiro
Cerrado
Dry forest
Semi-deciduous seasonal forest
Deciduous seasonal forest
Araguari River
Triângulo Mineiro
Cerrado
Ecologia florestal
Ecologia vegetal
Ecologia do cerrado
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::CIENCIAS BIOLOGICAS::ECOLOGIA
metadata.dc.language: por
metadata.dc.publisher.country: BR
Publisher: Universidade Federal de Uberlândia
metadata.dc.publisher.initials: UFU
metadata.dc.publisher.department: Ciências Biológicas
metadata.dc.publisher.program: Programa de Pós-graduação em Ecologia e Conservação de Recursos Naturais
Citation: KILCA, Ricardo de Vargas. Floristic and structural patterns and edaphic relationship between two types of tropical dry forest in cerrado. 2007. 74 f. Dissertação (Mestrado em Ciências Biológicas) - Universidade Federal de Uberlândia, Uberlândia, 2007.
URI: https://repositorio.ufu.br/handle/123456789/13434
Issue Date: 28-Feb-2007
Appears in Collections:DISSERTAÇÃO - Ecologia e Conservação de Recursos Naturais

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
PadroesFloristicosEstruturais.pdf3.13 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.